Meu filho venceu a meningite

Criador: Edisangela Rodrigues

H?lguns meses atr?(maio) , meu filho de 4 anos me acordou desesperado e gritando de dor de cabe? ele n?conseguia se mexer de tanta dor, tentei manter a calma e o levei ao hospital, chegando l?s m?cos fizeram a coleta do liquor (furaram as costas do meu filho v?as vezes, e diagnosticaram meningite. Fizeram mais alguns exames e detectaram a bact?a, ou seja, o meu filho estava com meningite bacteriana. Foi imediatamente isolado, s? fiquei no quarto com ele e os m?cos e enfermeiros entravam e saiam rapidamente quando tinham que medic?o ou coletar sangue (o que acontecia frequentemente). Apesar de procurar sempre pensar positivo, o meu instinto de m? sempre falava mais alto, era insuport?l ver o sofrimento do meu filho. E ainda n?tinha com quem compartilhar, j?ue moro distante da minha fam?a e dos meus amigos (3000 km) e decidi n?contar nada a eles, j?ue n?podiam fazer muita coisa e ainda iam ficar bastante preocupados, o que causaria mais um problema. Meu esposo coitado, ficou apavorado, preferi que fosse trabalhar p esquecer um pouco. Fiquei no hospital dia e noite sem dormir, s?dindo for? p suportar tudo aquilo. No momento em que conversava com Deus, meu filho olhava p mim de uma forma que eu nunca vi, ent?cheguei pertinho dele e disse: - Filho reza comigo, pede a papai do c?p tirar a gente daqui! Pede a ele pra ficar bom logo! Da?eio a resposta: - M? sabe o que eu vou pedir a papai do c?? Um laptop de presente de anivers?o. N?vou pedir pra ficar bom, porque eu n?estou doente, eu n?me sinto doente. S?o estou gostando desses machucados no meus bra?, por causa dos furinhos que ?as tias? fazem em mim...Mas eu tava pensando...eu acho que os super her?tamb?fazem esses furinhos pra terem super poderes, ent?m?,eu estou mais forte do que o batman e o homem aranha juntos. Bem, foi o ?o momento em que senti vontade de chorar, pois estava passada com tudo aquilo. Segurei o choro, n?sei se era um choro de alegria, de surpresa ou de vergonha... Meu filho... 4 anos...Me dando uma li?! Naquele momento tudo mudou completamente, me vi tomada por uma energia indescrit?l. Meu esposo chegou naquela hora, e eu disse pra ele: - Fica aqui um pouco, preciso ir em casa urgente, j?olto! Ele n?entendeu, pensou que eu tivesse surtado, por estar h? dias sem dormir. Peguei o carro voei pra minha casa, chegando l?peguei os brinquedos preferidos do meu filho, DVDs, filmes, revistas, objetos de decora?, roupinha de super her? enfim tudo o que ele gostava, j?ue n?tinha previs?pra sairmos do hospital, pelo menos ele ia se sentir em casa. Cheguei no hospital carregando uma bagagem imensa, as enfermeiras me olhavam espantadas. Pedi p meu esposo, ainda sem entender nada,pra voltar p o trabalho, e comecei o meu: decorei o quarto do meu filho com os brinquedos dele, mudei a roupa de cama(pus a do homem aranha), n?esperei enfermeira, tirei meu filho da cama com todo o cuidado, dei uma banho nele, como se tivesse em casa, dispensei o pijaminha dele e o vesti com roupas igualmente confort?is, por?mais alegres. Espalhei os brinquedos dele e coloquei os filmes preferidos, ele olhava p mim e sorria como se dissesse ?Que bom que vc entendeu!?. Pediu pra sair da cama , queria brincar e foi o que ele fez, mesmo movimentando s?a m?a outra estava com o soro). Tudo mudou, no dia seguinte os m?cos suspenderam o uso das m?aras. A pediatra e a neurologista depois de acompanhar v?os exames, me disseram que apesar de os exames acusarem meningite bacteriana, meu filho apresentava uma melhora constante e progressiva (o que n?era comum), e que n?teve seq? alguma, podia sair do quarto pra brincar, estava ?o! Voltamos p casa, foi o melhor presente do Dia das m?! Dei o laptop a ele de presente e como eu j?maginava, ele me falou ?-t? vendo que foi melhor pedir o laptop?? Pura felicidade!

Criador:

Edisangela Rodrigues

s�o jos� do rio preto

Faça como Edisangela Rodrigues compartilhe e realize seus Desejos no Vibre Leve

Inscreva-se aqui!
Feedback feedback
© 2010 Vibre Leve - Liberdade, Felicidade e Expansão.