Criando a sua realidade…

Por - 12 de julho de 2018

Will A maioria das pessoas pensam que os recém-nascidos jamais podem ser o criador de sua própria realidade, porque eles não estão nem mesmo falando ainda. Mas o Universo não está respondendo ao seu idioma de qualquer maneira. O Universo está respondendo à sua vibração e sua vibração é sobre a maneira como essa criança se sente momento a momento. Portanto o que as pessoas vibram quando estão em contato com elas, podem ser copiados. Por isso que eu tenho essa postura de só pensar em toda e qualquer criança quando estou me sentindo bem, e estar sempre mais alegre, principalmente quando estou sendo o foco e a atenção dela, momento a momento. Nós copiamos vibrações desde o útero de nossas mães, e depois continuamos a copiar vibrações, os adultos é que se esqueceram disso, eu adoro ter relembrado isso…

O MELHOR PAPEL DA MINHA VIDA…

Por - 11 de julho de 2018

netos É muito bom poder dizer para toda e qualquer criança que já nasceu ou que vier a nascer agora. Você é sempre novo agora, nunca é tarde para começar, e este é o melhor papel que você deve representar em sua vida, “o papel da pessoa mais feliz desse mundo”. Siga apenas a sua felicidade. Comece a representar agora, já desde pequeno, se empodere desde agora, ache o tom de voz de uma pessoa feliz, encontre um jeito de; andar, se sentar e dançar, de uma pessoa muito feliz, encontre e escolha, apenas aquilo que vai fazer você ver a felicidade refletida nela, sinta o cheiro da felicidade, ouça músicas e tudo mais que te traga mais felicidade, coma apenas as coisas que te façam mais feliz ao sentir o seu delicioso paladar, se sente só e comece a fazer todos os seus pensamentos felizes virarem coisas mais alegres. A diversão está apenas só começando. Tudo o que você está vendo agora, um dia foi só um pensamento de alguém, aprecie mais…

EU FAÇO ISSO PRA MIM…

Por - 10 de julho de 2018

apreciando mais... Por que as pessoas estão sempre fazendo isso só para os outros, É verdade! A maioria das pessoas só fazem o que fazem, para se sentir melhor, e quase nunca para elas mesmas serem bem-sucedidas. Pessoas realmente felizes. E sabe o porquê? Elas não escolhem o que mais vai repetir em seus pensamentos agora, todos os dias. A grande maioria ainda repete os mesmos pensamentos, todos os dias, se alguém pesquisar a sua volta, vai perceber que até ela mesma também faz exatamente igual, repete a maioria dos mesmos pensamentos todos os dias, porque foi isso que todos aprenderam com; suas religiões, com suas escolas e até em seus locais de trabalho, e ainda tem as mídias de massa que as fazem repetir mais e mais, os pensamentos que ninguém gostaria de sentir, e é exatamente isso o que eles oferecem de emoções… Os caras passam dias e mais dias falando de coisas que eles escolheram, e que fazem todos se sentirem mal, e depois, só por alguns segundos, eles falam de coisas que te fazem se sentir melhor… E você ainda lhe dá a sua atenção, como sua gratidão…

Eu já decidi diferente, eu escolhi as emoções que eu quero sentir em cada momento, com cada tema importante de minha vida, e eu brinco de repetir isso muitas e muitas vezes, nesses meus muitos momentos de pura diversão e liberdade, que só de pensar nisso, já me oferece mais Bem Estar. Então, eu escolho um tema. “Dinheiro”. E saio pensando em como é maravilhoso ter uma alegre esperança de que mais energia em forma de dinheiro esteja sempre vindo para mim, só em pensar nisso eu já sinto mais otimista, e isso já me preenche de mais felicidade, eu me sinto mais poderoso, eu aprecio e muito poder obter os meus mais novos gadgets, eu sou realmente apaixonado por coisas novas, que são puras evidências de mais abundância e prosperidade em minha vida, isso me faz ter cada vez mais boas expectativas sobre o que ainda está por vir… E já escolho outro tema, e repito as mesmas e gostosas emoções que eu adoro e aprecio; repetir, repetir e sentir mais…

A DISTÂNCIA QUE EU MESMO CRIO…

Por - 9 de julho de 2018

esther hicks Os Abraham me relembraram dessa eterna e ininterrupta interação que eu tenho como o meu eu não físico. O ego humano que também criei, criou vários rótulos emocionais, para dar um certo grau de intelectualidade nessa distância que eu mesmo crio, quando tenho essa interação com o meu eu não físico. Em vez de pensar em apenas estar alinhado com o Bem Estar ou a sua própria ausência, o ego criou e nominou, uma larga escala de emoções, de sentimentos que criam esse distanciamento de quem eu realmente sou…

Assim como foi criado várias nominações para essas várias frequências dessa mesma e única vibração que existe, e que é de Bem Estar, que apenas vai diminuindo sua intensidade, ou seja, ou eu tenho muita energia ou eu não tenho quase que energia alguma, para ainda continuar nesse mundo físico, ou eu volto a ser pura energia de Bem Estar. Do mesmo jeito, o ego criou várias denominações para o “eu não físico”, que sou eu mesmo…

Uns chamam de Deus, outros de anjo, de ser interior, de entidades ou espíritos, sempre procurando fora. E na verdade, eu sou apenas energia da Fonte de Bem Estar, sou uma consciência focalizada, aqui e agora, respondendo especificamente a vibração que o ego administra ao pedir. Os Abraham relembram que, nós somos a energia da fonte. Nós somos Consciência Coletiva, significando um fluxo. Nós somos um consenso de muitas (o que podemos chamar) vozes não-físicas…

MAIS UM DIA MARAVILHOSO…

Por - 8 de julho de 2018

quadski 2018 2 É tão bom perceber que a energia que cria mundos está sempre me apoiando, poder acordar todas as manhãs com toda essa clareza, sabendo exatamente quem eu sou, sabendo que a Fonte está pensando em mim 24 horas, e ainda poder experimentar infinitos encontros significativos, para me encaixar com as pessoas certas, que sempre me darão a informação certa no momento certo, o que faz eu nunca me sentir dependente de alguém, saber com clareza quem eu realmente sou, e ainda sentir a energia que cria mundos se movendo não só pela ponta dos meus dedos, mas também pela minha mente, ver muitas e muitas evidências ao meu redor, desses meus pensamentos virando coisas que eu mesmo venho pensado mais e ainda sentir o poder de quem eu sou agora. Isso é o que eu vim fazer, aqui e agora…

O DESEJADO E A FALTA DELE…

Por - 7 de julho de 2018

arte da felicidade Em cada partícula do Universo existe o desejado e a falta dele. Só existe uma só energia que é também informação ao mesmo tempo, sempre em forma de vibração de Bem Estar, que está em eterna expansão. Ao rever mais uma vez o filme Tomorrowland, eu pude perceber que a minha percepção está sempre ligada as minhas escolhas, no que eu estou escolhendo sentir agora, onde eu coloco o meu foco, que é o que ativa tudo com apenas 18 segundos de pensamentos seguidos e no que estou dedicando minha atenção não dividida por apenas 69 segundos, fazendo isso focado agora, ser sempre mais em minha vida.

Ninguém, jamais poderá deixar de copiar vibração, fizemos isso no útero de nossas mães, e ainda fazemos hoje, só precisamos voltar a escolher mais consciente e deliberadamente, sobre o que eu quero sentir e nos divertir mais. Isso é o que toda criança ainda faz. De tanta exposição as muitas frequências de baixas vibrações de Bem Estar, de tanto se estar apenas como um mero observador reagente, as pessoas ainda copiam muito mais a ausência de Bem Estar, o que as faz ficar sobrevivendo num mundo que ainda só é mais do que é… O mundo só será mais do que se quer, escolhendo sentir antecipadamente o que se quer sentir quando estiver lá…

A SINCRONIA PERFEITA…

Por - 6 de julho de 2018

tomorrowland Adoro e aprecio entrar nessa sincronicidade perfeita. Eu acredito que pensamentos se transformam em coisas, para isso ser minha percepção, eu mesmo vou tomando nota de todas essas maravilhosas evidências e escrevendo sobre elas. E como Tesla dizia, eu também adoro os números; 3, 6 e 9, e hoje é dia 6 e somando com, o mês e ano, ainda dá 6. Acordei com a palavra “percepção” em minha cabeça, ao sair caçando pela Internet encontrei, artigos maravilhosos sobre como melhorar minha percepção e ainda achei o jogo “CogniFit”, que é um aplicativo para smartphone, enquanto baixava no meu Galaxy S9, eu liguei a minha smart tv, para ver se tinha entrado a nova temporada de “Anne”, no NetFlix, e de cara achei o filme que entrou hoje também, “Tomorrowland”, que é uma explicação lúdica do meu “eu físico” e do meu “Vórtice” criativo. Tomorrowland é o Vórtex, o lugar onde tudo é possível. E ainda recebo dos Abraham essa citação maravilhosa, onde diz. Todo ser físico neste planeta é meu parceiro na co-criação, e se eu puder aceitar isso e apreciar mais a diversidade dos desejos e crenças, todos nós teríamos uma experiência muito mais expansiva, satisfatória e muito divertida… Comprovando que eu estou em total sincronicidade com o meu natural fluxo de energia/informação de puro Bem Estar, e isso sim, é uma sincronia perfeita…

PERMITINDO O MEU AGORA…

Por - 5 de julho de 2018

drone tripulado Embora eu saiba que tudo é no agora e que só existe o Bem Estar, eu as vezes ainda me pego pensando no passado e quase sempre em um futuro desejado. Acredito que seja por eu ainda copiar vibrações alheias, quando ainda estou resistindo o natural fluxo de Bem Estar, ainda estando em algum momento como mais um observador reagente. E eu sei que o conteúdo de minha vibração é igual ao que eu mesmo sinto agora. E nunca importa, se eu ainda estou pensando no; passado, presente ou no futuro, isso tudo é sempre como eu me sinto agora. É a minha vida agora. E como os Abraham sempre me relembram, é uma vida preciosa, fabulosa e criativa, que eu jamais estou querendo desperdiçar em um lugar de resistência. Eu quero e posso conscientemente e deliberadamente, escolher mais o que focar agora e no que vou dar mais atenção agora, em tudo o que eu sinto enquanto penso daqui para frente. Só o Bem Estar existe e tudo é aqui e agora…

A MELHOR CARREIRA DO MUNDO…

Por - 4 de julho de 2018

dimdim Hoje, todas as vezes que eu posso, eu incentivo os mais jovens a buscarem a carreira mais importante e ainda a melhor do mundo que é, a “Carreira de Ser Feliz”, exemplos é o que não faltam, as pessoas mais bem sucedidas, não importa o que façam são sempre; brincalhonas, se divertem muito com tudo, elas estão sempre rindo com mais frequência de; tudo, com tudo e com todos, elas procuram mesmo por coisas para apreciar mais, e saem mesmo, literalmente, mundo a fora escolhendo sempre mais coisas para estar sempre praticando mais, essa maravilhosa arte de apreciar. E é sempre muito fácil ver e comprovar que, quando qualquer pessoa pratica mesmo está arte de apreciar mais a vida, o Universo que está sempre observando, ao ver essas pessoas se alegrando cada vez mais, escancarando toda a sua felicidade, escandalosamente feliz, é aí que o Universo despeja constantemente, infinitas possibilidades delas poderem expressar ainda mais sua apreciação, para que a vida delas fique cadavez mais, melhor, melhor e melhor…

ALINHADO COM MEU “EU NÃO FÍSICO”…

Por - 3 de julho de 2018

adoro meu corpo Eu nunca me desliguei do meu “eu não físico” que é eterno, que tem toda a informação do Universo, e que já sabe que só o Bem Estar existe, e ele me relembra isso claramente, e ele sempre mostra a essa extensão da Fonte de Energia/Informação de Bem Estar, em eterna expansão, “que sou eu”, aqui e agora, na linha de ponta do pensamento, sempre quando ele me permite sentir ausência desse mesmo Bem Estar, quando eu mesmo me desalinho com ele, que nunca me condena, jamais condenará algo ou alguém, e muito menos me acompanha nessas jornadas de resistências ao meu próprio e natural fluxo de Bem Estar…

Eu só comecei a sentir a natureza dos meus desejos não físicos mais amplos, quando eu mesmo passei a vivenciar mais isso, a prestar bem mais atenção ao modo que eu me sentia, todas as vezes quando eu fazia minhas próprias escolhas mais consciente e bem mais deliberadas, sobre os pensamentos que eu mesmo emitia e sentia de volta mais Bem Estar, isso enquanto eu ainda pensava neles. O meu eu interior, esse meu eu não físico é puro amor incondicional, ele aprecia a tudo, até o lado de falta de todos os contrastes bifurcados que, apenas me ajudam mais, a nunca parar de desejar mais…