Posts com a Tag ‘relacionamentos’

O relacionamento perfeito…

- segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

relacionamentos Qual é o relacionamento que eu mais quero ter? Seja ele; amoroso, seja com meus filhos, com os meus amigos e até com colegas com quem eu me divirto muito ao ganhar meu rico dinheiro… A premissa que eu tenho é que tudo o que eu quero de tudo é; me sentir mais; livre, feliz e expansivo, com tudo, ou seja com todos os infinitos objetos de desejo que já tenha ou que eu ainda vier a escolher ao focar. E sabendo que tudo fora de minha própria mente, tudo isso que é físico é, apenas mais um contraste, e que todo os infinitos contrastes são bifurcados, todos tem em si mesmos, o lado do desejo que nasce em mim no momento desse encontro ou o lado da falta desse mesmo desejo, eu só tenho que reconhecer deliberadamente que o meu cérebro físico é sempre muito limitado, e é limitado as minhas próprias crenças que, ele mesmo criou acumulando pensamentos identificados como semelhantes, nada mais do que isso, e que ele, meu cérebro, é apenas um mecanismo de foco, nada além do que isso. Eu só tenho que escolher qual a sincronicidade que eu quero reforçar agora ao focar, a positiva que sempre gera mais Bem Estar ou a resistente ao próprio fluxo natural de Bem Estar que só me provoca mais mal estar.

Todas as vezes que eu pego alguém, uma pessoa que estou me relacionando agora, mas que está fazendo algo que me deixa um pouco desconfortável ou com um pequeno mal estar, eu mesmo tenho que escolher agora, qual lado eu quero aflorar mais nesse relacionamento. O lado da falta que só vai amplificar ainda mais o meu desconforto, que é eu passar a pensar mais, falar mais ou escrever mais, sobre o que eu estou careca de saber que não quero ou sobre o que me provoca esse mal estar, aumentando ainda mais a minha própria resistência ao fluxo natural de Bem Estar ou, eu pensar mais no que eu mais quero nesse relacionamento, imaginando mais o que eu quero desse relacionamento, ou idealiza-lo mais, visualizando apenas mais o que mais quero, o que já provoca em mim agora, mais Bem Estar, mais alinhamento com tudo o que eu mais quero experimentar agora.

Todas as vezes que eu mesmo fiz essa cagada de, ao pegar algum deles fazendo algo desconfortável para mim e apenas os via como os errados, e e ainda me preocupando muito com isso, e procurando colocar algum tipo de mecanismo para consertar ou evitar esses momentos desagradáveis, eu não só ampliei isso que não queria, como eu criava naquele momento um compromisso que me colocava muito mais conectando com tudo que era semelhante a isso e que eu sabia que não queria, tanto que, geralmente isso ia ficando tão grande, o suficiente para que eu mesmo explodisse de raiva ou tentava cortar esse relacionamento, e então eu atraia outras pessoas idênticas, apenas para elas voltarem a cumprir esse papel ainda indesejado na minha experiência, que eu mesmo ainda estava alimentando focado como um grande idiota.

Eu adoro ter o retorno dos meus amigos felizes…

- terça-feira, 23 de setembro de 2014

amigos O universo não está discriminando o que é acerto ou errado sobre o seu pedido. Ele está aqui para atender todos os seus pedidos. Tudo que você tem a fazer é ser um jogo vibracional com o seu pedido, e o Universo trará isso para você…

AS PESSOAS, AS COISAS E ATÉ OS EVENTOS, SÃO EXATAMENTE AQUILO QUE VOCÊ MESMO MAIS QUER QUE ELAS SEJAM PARA VOCÊ…

Quem decide como as pessoas serão para você é você mesmo, com seus pensamentos e sentimentos, elas te retornam o que você busca nelas, porque todos nós podemos te dar tudo que você deseja, desde que você mesmo deseje isso… Ninguém pode te dar o que você não quer… AQUILO QUE VOCÊ NÃO VIBRA...

Entendendo o que acontece com pessoas de sucesso…

- quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Elis Regina Geralmente todas as pessoas de muito sucesso na vida, são pessoas alegres e muito sensíveis as suas emoções, então elas tem muitos momentos de pico, seja em um show, seja em relacionamentos muito loucos ou pela sua total liberdade. Eu mesmo já chorei muito vendo uma interpretação da Elis Regina, num show ao vivo do Supertramp ou até do grupo A Barca do Sol que se apresentou com Egberto Gismonti na Concha Verde, na pedra do Pão de Açúcar no Rio, e até vendo a Cassia Eller dar o seu melhor, bem ali na minha frente, eu me arrepiava todo de tanta emoção que ela transmitia. O que isso me dá de experiência, ou para que serve vivenciar tudo isso? É eu mesmo entender que eu jamais devo tentar recriar essas experiências de pico.

A maioria faz isso apenas usando as drogas, e batem as botas mais cedo. Como o acesso a informação Abraham me diz… Em vez de tentar recriar isso artificialmente, devemos apenas aceitar isso como mais um presente, que é o que eles realmente são, e não bater em si mesmo por não ser capaz de ficar lá, nesse vórtice incrível que ele é. Porque se você ficasse lá, eles não seriam mais experiências de pico. Eles seriam uma coisa normal, e todos os dias seriam iguais e isso se tornaria uma coisa chata, apenas mais experiências normais. Então, tudo que temos a fazer é saber saborear mais essas experiências de pico e elogiar-se mais, e apreciar-se mais, em cima dessas realizações dentro desse seu próprio vórtice criativo natural, e esperando sempre por mais delas, e deixar todo o resto da equação por conta da nossa gerente universal a Lei da Atração…

Porque você é o maior problema para você mesmo?

- sexta-feira, 11 de julho de 2014

crianças-felizes-mais Bem na sua infância, você já foi doutrinado a observar muito mais do que imaginar mais. Então, lhe colocaram numa escola onde além de observar mais, lhe fizeram; repetir, repetir e repetir, focar nos problemas que era simples contrastes, para você resolve-los fazendo como tarefas, repetições de coisas que alguém já disse ser só aquilo o certo a se fazer, para resolver em vez de estimulá-lo a; imaginar mais novas soluções, novos desejos e criar novos mundos.

Tudo que se tem a fazer, para inverter essa situação, anular essa falsa premissa e sair desse nefasto paradigma é, criar sempre novas crenças, o que é muito fácil. O que é uma crença? Um pensamento repetido muitas e muitas vezes, e todas as crenças em que você as envolva com fortes emoções, elas viram dominantes. Como não existe a menor possibilidade de se excluir crenças ou pensamentos. Só podemos incluir mais. Podemos parar de realimentar as velhas crenças e criar novas crenças dominantes. Porém, para isso é preciso primeiro estar se sentindo bem para se iniciar repetições de intenções e pensamentos, sem estar em primeiro lugar se sentindo bem, só voltamos a realimentar as velhas crenças negativas.

Depois que se criou a primeira crença positiva tudo vai ficando mais fácil, basta trocar o problema por contrastes, porque contrastes não se tenta resolver nunca e muito menos ser contra ou ir contra ele. Apenas encare-o nunca mais que 17 segundos, confirmando que isso é o que você não quer. E se pergunte, o que é que eu realmente quero? Nesse momento um foguete de um novo desejo é lançado de você ao Universo, justamente o oposto do contraste, agora é procurar um alivio qualquer, para focar nele, e depois disso procurar razões para se sentir bem, subindo deliberadamente na escala emocional, da onde se estava ao se deparar com o encontro com o contraste, até você chegar a ser sugado pelo seu vórtice, ao chegar na emoção da esperança, que é toda jornada que cada um tem que voltar a fazer, para retornar naturalmente ao fluxo de energia e informação de puro Bem Estar e assim ser cada vez mais; feliz, livre e expansivo em tudo, que é o maior desejo da humanidade.

O QUE EU POSSO FAZER PELOS MEUS PARENTES?

- segunda-feira, 2 de junho de 2014

pessoas Essa é uma das perguntas que eu mais respondo hoje em dia, as pessoas se tocam que quem for mais reagente e observador daqui para frente tem mais chances de bater as botas mais rápido, primeiro porque as suas próprias células atenderão bem mais rápido os seus desejos, essas suas vibrações resistentes ao fluxo natural de Bem Estar, deixando de funcionarem não se regenerando normalmente. Fora a atração mais intensa que as pessoas terão com; pessoas, coisas e eventos ligados a essas resistências. Pessoas saindo para assistir um jogo e acabar se envolvendo com as manifestações contra, que já estão pipocando em todos os lugares.

O que se pode fazer é… Em primeiro lugar, jamais pensar nelas se sentindo mal, procure primeiro um alivio qualquer, tire o foco do que você mesmo sabe que não quer. Só depois que estiver se sentindo bem, procure os aspectos positivos que essas pessoas tem e escreva, só pense nisso, se elas tiverem poucos aspectos positivos, crie-os e fantasie isso ao máximo. Você só recebe de volta o que emite. Um pensamento resistente agora só vai acelerar ainda mais o que você não quer. Esse é o momento de se largar tudo que não te traga mais felicidade. Procure dar intenções para cada tema importante e estar mais atento as suas próprias emoções para não voltar a ser um mero observador reagente…

O desejo, e a incoerência das nossas crenças…

- quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Todas as nossas crenças, tudo aquilo que repetimos desde pequenos, a maioria daquilo que os nossos pais ainda repetem e acreditam até hoje. Todas essas crenças vieram de nossas religiões e de suas escolas, que nos fizeram repetir coisas e coisas, muitas e muitas vezes, e sutilmente e simultâneamente, as envolvendo em fortes emoções, para que, elas se tornassem crenças dominantes em nos que, a repetimos sistematicamente. Somos seres formados por habitos. Só que a maioria dessas crenças, são completamente limitantes, elas nos jogam para fora da nossa inerente tríade de intenções; liberdade, felicidade e expansão. E isso é completamente incoerente com o principio da vida, com tudo aquilo que chama a energia da vida, da Fonte de energia do Bem Estar que cria mundos, para fomentar ainda mais a própria vida, que é; desejar, permitir e realizar.

Então, do ponto de vista físico, do acumulo de toda essa informação feita pelo nosso cérebro humano, a maioria de nós acredita que, as nossas crenças são as únicas corretas, e que, se discordamos de alguém, então esse alguém ou todos os outros que, também pensam diferente de nós, devem estar completamente errados. Mas do ponto de vista não físico, do meu “eu interior”, nada é visto como certo ou errado. Ele é visto apenas como uma poderosa diversidade que existe nesse mundo de contrastes que, apenas estimulam ainda mais o pensamento, para mais novos desejos, e dessa perspectiva não física, eu gosto muito dessa diversidade. Porque é ela quem garante a minha; liberdade, felicidade e toda a expansão, inclusive a do Universo.

O desejo de ter muito dinheiro, é o mal do mundo?

- terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Dinheiro é uma energia boa como qualquer outra, mas, é um tema super importante na vida de qualquer pessoa que viva ou tenha contato com a realidade da vida moderna. Até os índios desejam, as freiras enclausuradas e qualquer outra pessoa que apenas focou uma só vez nessa nossa realidade. Quem procura ou vive arrumando justificativas para não ter muito dinheiro sobrando em sua vida, como alguns que vivem dizendo; que o apostolo Paulo falou, que dinheiro atrai mais infelicidade, que atrai ladrão, que é o mal de tudo… Pode ter certeza é sempre pessoas que não tem e nem teve muita abundância financeira em sua vida.

A minha felicidade é completamente incondicional, desde que nasci já tive muitos altos e baixos na vida, e sempre fui muito feliz, com ou sem ele. E por eu ser muito feliz incondicionalmente, eu sempre passei batido pelas crises financeiras; sejam provocadas pelos governos, como o da Zélia e o Collor confiscando tudo, as ultimas crises económicas mundiais ou até mesmo as crises financeiras que eu mesmo atrai… Isso apenas me sentindo mal, sozinho, não me policiando pelo o que me trouxe um pequeno mas nefasto desconforto.

Então mesmo passando por momentos onde, eu mesmo não estive me sentindo muito bem, pela minha eterna vontade e desejo de voltar a minha alegria, independente de qualquer coisa, eu não só recuperei tudo, como sempre consegui muito mais do que o que eu mesmo já tinha.

Ninguém pode ser menor do que já foi, nos podemos ser sempre mais, e tudo está atrelado a minha felicidade. A minha felicidade para mim é a coisa mais importante na minha vida. Muito mais que minha saúde, mais que meus relacionamentos, mais que meus filhos, mais que meus netos, mais que meus bens materiais. Nada é mais importante para mim que a minha própria felicidade. Por isso eu tenho sempre tudo o que eu desejo. Porque eu sou uma extensão da Fonte de energia do Bem Estar, e jamais ouve fonte alguma de energia do mal estar. Se alguém sentir apenas um pequeno mal estar, é apenas ela mesma resistindo ao seu próprio fluxo natural e ininterrupto de energia do Bem Estar que é; pura alegria, é mais liberdade e expansão em todos os sentidos. Esse mundo é totalmente prospero e abundante em tudo. Toda e qualquer escassez, toda e qualquer privação é apenas as pessoas resistindo a sua própria felicidade.

O seu filho já é um génio…

- sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Seu filho poderia ser o génio que ele já é, se você apenas o ensinasse, a ler e escrever, e se ele quisesse, um inglês básico, só para seu filho não ficar de fora do que se passa pelo mundo. Mas nem isso é importante, eu mesmo não aprendi inglês, mas tenho o Google que traduz tudo pra mim, até no meu iPhone. Agora! É ensiná-lo com o que ele mesmo quisesse aprender. Nada de empurrar coisas pela goela a baixo, como as escolas fazem. repete isso, repete isso de novo e repete esse treco de novo… Iludindo a garotada dizendo que isso vai fazer eles prosperarem e muito. Como se os seus grandes professores vivessem isso, onde?

Os nossos filhos, as nossas crianças, já nasceram criadores geniais, e poderiam continuar a ser, pois eles acabaram de chegar do Não Física, e tem seu GPS emocional funcionando, eles seguiriam sua felicidade normalmente. Mas, são os pais quem, com o passar dos anos, os impedem de usar, fazem eles esquecerem quem são de verdade. Porque se não, eles estariam sempre se sentindo totalmente capacitados. E se eles fossem realmente deixados à ter suas próprias escolhas, eles jamais se desviariam do Bem Estar. Eles iriam manter a sua dignidade, pois eles manteriam a sua sensação de bem estar todos os dias, só por estar curtindo a vida adoidado. E eles iriam prosperar, Mas você quer uma outra forma de ensino pra eles, não é mesmo?

Mal eles acabam de trocar os dentes, e já não podem mais buscar sua própria felicidade. Não é a palavra que mais ouvem, não, não e não, e porque não… E ponto final. Eu sou o sabichão… Agora vocês tem que ser como todo mundo, tem que sofrer muito, estudar muito… E você nem tem a coragem de enxerga e assumir que a vida de quem os ensina, aqueles que você mesmo apresentou como, os seus professores, os seus mestres, os que eles deveriam se espelhar, que vão lhe ensinar a melhorar de vida, que dizem que, sem esse estudo, você não será nada na vida, (só esqueceram do Lula, Tiririca e Neymar) e ainda afirmam que, com esse estudo, eles garantem assim como você, que elas as crianças vão prosperar…

Só que os professores são os caras que menos ganham dinheiro na vida, que menos vivem a vida, são os que menos realizam seus desejos. São os que mais choram nas redes sociais… E você ainda quer que eles aprendam isso? E com esses professores que tem uma vida totalmente limitada… Vá caçar coquinho…

Em outras palavras, se você e todos os outros, todas essas pessoas que se dizem muito bem educadas, apenas não fizessem nada, ou pelo menos não fizessem algo para mudar a vibração dessas crianças, elas, as nossas crianças sempre estariam em uma vibração de prosperar. E seriam muito mais felizes…

Você sabe quem realmente você é?

- sexta-feira, 27 de julho de 2012

Eu acredito que muita gente nem mesmo percebe, quem dirá concebe, quem realmente ele é… É preciso que cada um reconheça quem realmente é, para então poder ter a sua total liberdade, felicidade e expansão, o que é, o objetivo de todo mundo que veio curtir essa vida nesse mundo. Embora ninguém tenha me ensinado, quando nasci nesse mundo, foi pela minha vontade de viver e de muitos desejos que, hoje eu sei que, é preciso que eu mesmo me integre deliberadamente, a minha maior parte, a minha parte não física, daquilo tudo que eu mesmo sou nesse exato momento, nessa experiência de vida, em todo o meu dia a dia. Porque eu sei que sou muito mais do que só esse corpo físico, sou energia da Fonte do Bem Estar, se expressando aqui, nesse exato momento.

Eu não vim concertar o mundo, ou coisas, e nem mesmo você, e nem o mundo precisa realmente de concerto. Eu sou um criador que está constantemente e eternamente se expandindo nesse maravilhoso Universo. Estou agora nesse ambiente maravilho, cheio de contrastes, que sempre me inspiram novos desejos, a todo momento, a toda a hora. Simultaneamente, enquanto um desejo explode dentro de mim, se eu estou consciente de onde estou, em relação vibracional a esse meu desejo, eu posso pouco a pouco ir me colocando em alinhamento com as ideias que surgem em minha cabeça. Então agora eu começo a desenvolver meu caminho firme, progressivo em um delicioso desdobrar que é a minha vida entrando e saindo do meu próprio vórtice.

Muitos, nem mesmo sabem o que é um vórtice, porque durante o percurso de sua vida, se esqueceram quem realmente são, nem percebem que são seres vibracionais, nem mesmo ouvem mais o chamado da Fonte dentro deles, ao criarem os seus novos desejos. Então criam muito mais resistência para a sua própria energia fluir livremente. Eu vejo e ouço muitas coisas engraçadas no meu dia a dia. Quando as pessoas me vêem sempre alegre, vivendo uma vida de dentro do meu vórtice, que sou eu mesmo quem o crio a dada momento, alguns até ficam maravilhados, eles ficam espantados ao me ver desejar algo, como ter Sol num dia chuvoso, e logo depois o Sol aparece na praia. Eu identifico algo que quero participar e logo isso aparece pra mim. Por eu ter uma mente clara e objetiva, aberta a tudo, eu sempre tenho respostas para tudo. Eles ficam de boca aberta em ver que basta eu pensar, e me focar em algo e isso logo surge do nada.

Eles querem saber como eu consigo ser feliz a maior parte do meu tempo. Eles ficam intrigados como eu consigo passar o dia todo na praia e ainda ter dinheiro sempre sobrando. Eles ainda ficam mais pasmas em me ver bebendo de tudo, todo dia e a toda hora, e eu continuar com minha saúde boa. Eles quase que caem da cadeira quando eu digo que não preciso de 8 horas de sono, que tomo meus banhos de piscina a noite, que saio e ando de bike, Eles dizem, como pode isso? E na verdade, não importa o que eu lhes diga, nem mesmo se eu formular o mais simples de todos os argumentos sobre o meu vórtice. A maioria não está preparada para ouvir, quem dirá pra entender isso. Eu posso até dizer que minha nova filosofia de vida é muito simples, eu só faço o que me faz mais feliz, sigo o meu Bem Estar em tudo. Que nada é mais importante do que eu estar feliz, do que eu me sentir bem. E que só isso funciona pra mim, porque eu acredito que o bem estar me rodeia, e que ele seja dominante em tudo, e por eu achar que ele é dominante, então eu procuro por ele e eu o encontro, e me foco nele em todos os lugares que eu coloco minha visão. E por eu buscar isso, eu sempre encontro isso, simples assim…

E pode apostar eu sempre o encontro o Bem Estar, eu foco nele, e ao focar eu estou praticando a vibração dele, até que isso se torne a única coisa que poderá me encontrar de verdade. Eu vivo num mundo de predominante Bem Estar, porque é o Bem Estar que eu sempre procuro em tudo. O meu mantra agora é… “Hoje! Não importa onde eu vá, nem o que eu faça, nem com quem eu faça, a minha intenção dominante é, procurar por razões que me faça sentir bem, eu só quero ver o que eu mesmo quero ver.” Porque quando eu procuro o que eu quero ver e o encontro, eu estou praticando a vibração daquilo, então meu mundo é preenchido com coisas que tem a essência do que eu quero. Eu vivo no mesmo mundo que todas essas outras pessoas vivem, vejo algumas vezes coisas que eu não gosto, ou que eu preferiria nunca ver. Mas eu mesmo descobri já a algum tempo que, sempre que eu sei claramente o que eu não quero, mas certeza e clareza eu tenho do que eu realmente quero. E é isso o que eu mais recebo…

Então, eu só me desligo daquilo que eu mesmo não quero, e só foco naquilo que eu mais quero, e isso o mais rápido possível, eu procuro nunca deixar isso passar de 17 segundos. Eu me lembro que desde pequeno, quando alguém me elogiava, eu me sentia bem, e quando alguém falava mal de mim, ou me criticava, eu me senti mal, e o mesmo acontece hoje ao eu criticar ou elogiar alguém, então eu prefiro elogiar… Nisso eu percebi que existe um poder enorme no modo como eu me sinto agora. E eu acredito que eu nasci nesse corpo físico com o propósito exagerado de alegria, liberdade e expansão…

E foi ai que eu relembrei que eu tenho o controle incondicional sobre o modo como estou me sentindo. E isso foi muito importante pra mim, porque através do poder do meu foco, eu descobri que posso sempre encontrar algo que me faça voltar a me sentir bem, e que ao fazer isso deliberadamente, estarei sempre aprimorando meu alinhamento com a Fonte. E com essa frequência vibracional, só as coisas que me façam sentir bem, podem realmente me encontrar. E todas as vezes que eu faço isso, minha vida melhora a olhos nus… Foi quando eu relembrei que tem uma Lei muito poderosa por trás disso tudo, e assim eu compreendi através das minhas muitas tentativas, das muitas experiências que vivi, pela minha própria exposição a vida, e a todos os detalhes que me rodeiam, que em momentos de apreciação, tudo parecia como se a totalidade de tudo o que eu sou, estivesse ali apreciando comigo. Como se o Universo estivesse conspirando a meu favor, abrindo a minha habilidade de ver os aspectos positivos de tudo, tornando tudo muito mais bonito, muito melhor e mais completo.

E mesmo hoje, quando eu encontro com algo que eu venha a criticar, e como se eu me esvaziasse de minha alegria. É como se eu fosse em algum lugar e a minha maior parte, apenas me permitisse experimentar aquilo, mas nunca me acompanhando até lá. Então eu compreendi que, a minha harmonia com a Fonte, em minha alegria, em meu amor, em meu elogio e minha apreciação… E que também quando estou fora de harmonia, em minha raiva, em minhas criticas e em meus medos… Percebi que nasci com um sistema de orientação emocional, um GPS, só que emocional, que sempre me informa como conseguir o que eu mais quero. Realizar tudo o que desejo, pode nem ser o meu propósito, mas que é bom realizar coisas é, e eu estou sempre permitindo isso com minha alegria, porque isso me ajuda a eu me manter comigo mesmo a maior parte do meu tempo, com o meu eu interior, essa minha maior parte. Porque quando eu resisto a isso, eu jamais me sinto bem. Eu até já pensei um dia que, a minha emoção negativa era por causa de algo, ou porque as outras pessoas estavam fazendo algo que eu não gosto. Mas hoje estou livre disso, vivo muito feliz porque, eu sei que só eu mesmo tenho a chave para a minha própria liberdade. Que a liberdade… E tudo o que a liberdade é… É a liberdade da resistência… E essa resistência só pode ser aplicada por mim mesmo, em mim mesmo e mais ninguém.

Outras pessoas, até mesmo meus parentes mais próximos, podem se comportar de uma maneira que nunca me agrade, eles podem até fazer coisas que os façam se sentir mal, isso não tem nada a ver comigo. Qualquer coisa só me afeta, seu eu der meu foco, a minha atenção a isso. Então isso não faz parte de minha experiência, e sim da deles…
Elas até tentam querer me convencer a mudar, dizendo; Você é muito egoísta, insensível e desligado, não vê o que está acontecendo? Elas me apresentam problemas e situações horríveis em que se meteram, e ficam iradas quando eu digo que isso não faz mais parte da minha experiência. Que é, só elas buscarem deliberadamente serem mais felizes que tudo muda… E elas retrucam, como posso ser positiva passando por isso, com tantas coisas ruins a minha volta?

Mas, a verdade é que eu mesmo decidi que, isso tudo é uma simples questão de escolha pessoal… E que todo mundo apenas deveria fazer as suas, como eu faço as minhas… Eu posso ficar focado nos problemas do mundo e perpetuá-los… Ou eu posso apenas, focar nas soluções, naquilo que me traz mais alegria, e perpetuá-las… E além de perpetuar o que eu mais quero, isso sempre me faz sentir muito melhor. E eu faço isso apenas por mim. Podem me chamar de egoísta, porque hoje eu sei que, só eu sendo alegre eu posso ser útil para as outras pessoas, eu só posso dar o que eu tenho, e eu só recebo o que eu permito vir pra mim.

Eu não nasci para concertar o mundo, nem para ficar concertando coisas, eu nasci para escolher detalhes da vida, escolher o que eu mais quero experimentar aqui e agora. E eu escolho só as coisas que me fazem sentir bem. Muitos dos meus amigos antigos, já não interagem mais comigo, porque eles só querem reclamar da vida, e eu não mais os ouço, e nem tenho remorso algum por isso, eles podem ficar irritados comigo ou até ficar com seus sentimentos feridos.

Hoje eu descobri um modo de evitar isso, em vez de tentar fazer o impossível que é, tentar fazê-los ver o lado positivo das coisas, com eles ainda vivendo seus sentimentos negativos como; raiva, magoas, criticas, medo e depressão. O que só faz com que eles mesmos se sintam pior. Então passei a praticar a minha felicidade a distância, o que é bem mais fácil e melhor, eu antes mesmo de conversar com eles, seja pela; Internet, telefone ou pessoalmente, eu me recordo das coisas que eles gostam muito, dos aspectos positivos que eles tem, todo mundo tem os seus, e é em cima disso que eu faço meu dialogo e meus pensamentos. Assim todos ficam se sentindo bem, e eu mais ainda, eu adoro ser muito feliz… Sempre!

Relacionamentos…

- quarta-feira, 11 de julho de 2012

Em momentos de muita mudanças, ou de eventos poderosos, como nos catástrofes naturais que aconteceram no Rio de Janeiro, em Pernambuco ou até mesmo numa guerra deflagrada no oriente. Ou uma revolução pacífica, onde um estado como o meu Pernambuco ou o nosso país saindo de mais uma crise mundial, prosperando, formando um poderoso momento de liberdade, felicidade e expectativas de expansão que se espalha e se alastra como o fogo morro acima, ou a agua morro a baixo, o que isso é?

É uma nota de harmonia que todo mundo está cantando neste exato momento? Ou é um monte de notas que, muitas pessoas estão em harmonia vibracional, umas com as outras? Porque quando você mesmo dá a sua poderosa atenção, o seu foco não dividido a qualquer coisa, o Universo responde a essa coisa. E quando duas pessoas ou mais, estão dando a sua atenção para essa mesma coisa, e nesse maravilhoso momento não há nenhuma contradição, então é criado um poderoso vórtice.

É por isso que, um encontro como este, pode alcançar uma grande expansão no Universo. E como num grande show do ColdPlay, ou na maior concentração do mundo em desfile, como o do Galo da madrugada em que, todo mundo está se divertindo, focado na vibração gostosa de felicidade, e desejando ser ainda muito mais feliz. Muitos saem desse momento, inspirados em muitas realizações e muitas coisas boas fluem pra melhor. Porque quando nós nos juntamos em harmonia cada vez maior, com mais pessoas que também tem pensado para muito mais além do que já é, ou até mesmo que já foi antes. Toda energia do universo vai junto, dando vida as novas criações, se transformando em novas realizações, expandindo sempre tudo para mais… E não é isso que você e todo mundo quer?

Eu quero, eu desejo muito tudo isso e, permito tudo em minha alegria, em encontrar um alivio imediato, em viajar emocionalmente de onde estou agora, até o momento de me encontrar apreciando as coisas. E tudo só é possivel com esse meu próprio alinhamento com a Fonte do Bem Estar, aqui e agora.