Posts com a Tag ‘qualidade de vida’

QUALIDADE DE VIDA…

- sexta-feira, 28 de junho de 2019

ano-novo1 As pessoas ainda acham que qualidade de vida é viver numa cidade pequena, com pouca gente em volta, sem isso ou aquilo que é indesejado. É até comum as pessoas dizerem que foram morar em tal lugar, porque ali lhes dá mais qualidade de vida. Só que, qualidade de vida para mim, é absolutamente a quantidade de alegria que eu mesmo sinto, aqui e agora, em qualquer lugar onde estou.

Nem mesmo o meu padrão de sucesso pessoal, são as coisas que eu já tenho, ou o lugar onde eu moro, ou esses meus brinquedinhos de criança grande, nem trocar de carro zero de 3 em 3 anos e nem mesmo o dinheiro que está sempre sobrando para eu fazer tudo o que eu quero. Sempre é, a quantidade de momentos no meu dia a dia, em que eu estou sempre mais feliz e alegre, me sentindo mais livre e me divertindo ainda muito mais…

E eu vivo apreciando mais, tanto o que eu bato o olho e não me faz sentir mais Bem Estar, isso que eu já não me permito passar mais de 18 segundos dando atenção, mas que é o que já me faz desejar mais de novo, agora sim, o oposto disso, quanto até as coisas e as pessoas, que eu já bato o olho e meu coração fica todo encharcado de mais, de todas essas emoções deliciosas que compõem o fluxo natural de Bem Estar…

A QUALIDADE DE VIDA…

- quarta-feira, 15 de junho de 2016

Kite Surf Eu jamais julguei o valor da vida pela, quantidade de coisas realizadas ou adquiridas por mim. Acho que é por isso que eu sempre tive muito de tudo. E sim pela minha quantidade de felicidade que eu tive vida a fora. É pela alegria que estou sentindo, agora que eu acho que a vida vale a pena. Quanto mais alegre a pessoa é, quanto mais tempo ela realmente vive feliz, mais valiosa foi a vida. A minha vida toda eu me deixei relaxar mais e respirar mais, ser sempre mais livre foi o meu motivo maior de mais alegria e mais diversão. A experiência de vida física ideal é sempre ter uma abundância de coisas que me estimulem cada vez mais ao desejo, afinal é o desejo quem chama a energia da vida, e nisso há uma consciência do modo como eu me sinto agora. Então, estou sempre chegando para mais pensamentos que me faça sentir bem, então estou bem aberto e avido a mais, estou sempre em sintonia, já caiu a ficha à muito tempo, estou ligado. O momento de eu bater as botas é e sempre foi escolhido por mim mesmo. E eu treino isso até durante a vida. Eu sou novo a cada dia, acordei sou novo, e assim, eu escolho cochilar e voltar a ser novo durante o dia, na hora que eu quero.

Prosperar e saber explicar, o porque prosperar…

- quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O melhor que você pode fazer por alguém; pode ser sua mãe, sua amada, pelos seus filhos e netos, é estar sempre numa total prosperidade de vida, além disso, você deve estar disposto a explicar sempre, a quem quer que for, a quem vier a te perguntar, como é que você está sempre prosperando tanto assim nessa vida, e para o que é, que você mesmo descobriu que toda essa prosperidade serve, e então, apenas relaxar e confiar que tudo está realmente muito bem.

Por que todos nós, viemos aqui simplesmente para sermos muito mais; mais livres, mais felizes e muito mais expansivos, e isso só se faz aproveitando a cada desejo que a própria vida nos faz desejar, apreciando a cada contraste nesse mundo, onde se pode; ser, ter ou fazer tudo o que quisermos é assim entender de vez, que cada um desse desejo que nasce, só serve para chamar a energia do fluxo da vida, para que ela possa passar por você e para você, e que é só isso que expande tudo, inclusive o próprio Universo, e que só precisamos nos enebriar com essa energia do fluxo do Bem Estar, para que então possamos assim verdadeiramente permitir que, todos os nossos desejos sejam realizados.

E para sermos totalmente prosperos, devemos entender que, até mesmo o primeiro desejo emitido por nós, no primeiro dia de nossa existencia nesse corpo físico, todo ele está 99% pronto, esperando apenas você brincar e se divertir de se manter no fluxo do Bem Estar, e reconhecendo que sem os contrastes, não haveria essa diversão, de se ver o tempo e o espaço que temos que percorrer buscando razões para se sentir bem, e que isso só se faz, numa viagem totalmente emocinal, e que o fazer físico é só para curtir tudo aquilo que nós mesmos já criamos, pensando e sentindo, tudo, exatamente tudo.

Senhores Passageiros do Vibre Leve, Check-In Aberto!

- sexta-feira, 23 de julho de 2010

Que tal embarcar no maior e mais inovador navio, o Oasis of the Seas, estrela da Royal Caribbean. Esse novo navio, denominado pelos experts em navegação de luxo como da Classe Oasis, é fruto da genialidade da Engenharia Naval. È o primeiro tipo de navio de cruzeiro a oferecer o conceito de praça a bordo, com amplas áreas arborizadas e ajardinadas. Os passageiros podem desfrutar de uma experiência sem igual em uma das sete praças diferentes, incluindo o Central Park, um espaço público ao ar livre que agrega de modo inovador o conceito de verde, de natureza exuberante ao de navegação marítima.

 

Com 28 suítes estilo loft ultramodernas e 2.700 espaçosas cabines, essa maravilha com 16 conveses (andares) prova que o impossível pode ser feito. Só subindo a bordo para acreditar! 

Alguns dizem que os navios são cada vez maiores e mais reforçados, porque há disputa ferrenha entre as empresas de cruzeiro para oferecer sempre mais conforto e melhores serviços. Outros já justificam esse dado pelo aumento descomunal e incessante, a cada ano que passa, da quantidade de tecido adiposo no corpo dos cidadãos norte-americanos em geral, sabidamente enorme e obeso nicho de clientes desse tipo de turismo. 

Bom…deixemos pra lá a banha acumulada nos gringos e vamos parar pra pensar por que uma viagem num paraíso flutuante está entre os desejos de tantos de nós. 

Resposta fácil… 

Porque tem tudo a ver com nosso “manual de fabricação”! Somos seres originalmente criados para o bem estar, para a mordomia e para a diversão constante. Estar em um navio significa ir dormir à noite tendo do lado de fora uma paisagem e, ao acordar na manhã seguinte e olharmos pro lado de fora da janela, ter diante de nossos olhos um visual ainda mais deslumbrante do que o do dia anterior. 

O novo, o gostoso e o belo estão gravados em nosso DNA. 

É do luxo que gostamos! Coisas caras frequentemente são espetaculares e somos atraídos por elas. Mas não é sem motivo…há algo poderoso em nós que nos informa de modo claro que é nosso direito usufruir daquilo. 

Nos faz sentir bem? O simples fato de estarmos a bordo do luxo, da mordomia e da paparicação é agradável a nós? Então pode ser nosso pelo simples fato de abraçarmos a idéia e de dirigirmos nosso foco emocional a ela. 

Mas não se preocupem…mesmo a bordo do luxo e do conforto, os contrastes estarão sempre presentes. Indo de uma ilha do Caribe a outra, ou de uma jornada emocional a outra, teremos como companheiros de viagem pessoas bonitas e outras nem tanto. Há atrações e diversões que nos chamarão a atenção e despertarão nosso interesse…outros, nem tanto. 

O “roteiro” será constantemente depurado por nossas preferências pessoais. A cada instante, vamos escolhendo o melhor e vamos incluindo esse melhor em nossas realidades “a bordo”. 

E não tem coisa alguma que se compare a termos o poder absoluto de transformar o que já é delicioso por natureza em algo ainda melhor. 

É exatamente por isso que estamos aqui…para desejar…para criar…para experimentar… para incluir em nossas vidas o que é bom e para deletar o restante.