Posts com a Tag ‘pontode atração’

RETOMANDO O CONTROLE…

- sexta-feira, 22 de setembro de 2017

ANNE Bem, aqui estou eu, em um maravilhoso estado de ser: não mais uma criança sob o controle dos outros, mas relativamente aclimatado em meu ambiente físico e agora retornando ao reconhecimento do completo poder do meu Ser… Não mais golpeado pela Lei da Atração, como um pequeno pedaço de cortiça em um mar furioso, mas finalmente me lembrando e ganhando mais controle do meu próprio destino, e finalmente me deliberando mais e guiando a minha vida dentro da poderosa Lei da Atração, ao invés de estar respondendo em uma atitude padrão e simplesmente levando a vida conforme ela acontece. E eu faço isso contando uma história diferente. Eu adoro contar a história de minha vida, de como eu agora quero que ela seja e descontinuar os contos de como ela já foi ou de como ela é.

Essa é a minha história que quero vivenciar. Eu sei que para viver deliberadamente, eu tenho que pensar mais deliberadamente; e para fazer isto, eu tenho que ter um ponto de referência, de maneira a determinar a direção correta do meu pensamento. Exatamente agora, como no tempo do meu nascimento, os dois fatores necessários já estão no lugar. A Lei da Atração (a mais poderosa e consistente Lei no Universo) abunda. E o GPS vibracional, esse meu Sistema de Orientação Emocional, está perfeitamente funcionando em mim e, todas as emoções já estão em fila e prontas para me dar um retorno direcional.

Eu só tenho apenas uma só coisa aparentemente pequena a fazer, mas potencialmente transformadora de vida. Eu tenho que começar a contar minha história de um novo modo. Eu tenho que contá-la como quero que ela seja. Quando eu conto a história de minha vida (e eu faço isso quase diariamente, com minhas palavras, meus pensamentos e minhas ações), eu tenho que me sentir bem enquanto eu a conto. A todo o momento, sobre todo assunto, eu posso focar positiva ou negativamente, pois em toda partícula do Universo, em todo momento do tempo e além, há aquilo que é desejado e a falta do que é desejado, pulsando ali para eu mesmo escolha mais entre eles. E como estas escolhas constantes, sempre se revelam para mim, eu tenho a opção de se focar sobre o que quero ou sobre a falta do que quero em relação a todo e qualquer assunto, porque todo assunto é realmente dois assuntos: o que eu quero ou a ausência do que eu quero. E eu posso contar, pelo modo como me sinto, sobre qual escolha estou correntemente ativando com o meu foco ou eu posso mudar a minha escolha constantemente…