Posts com a Tag ‘falsa premissa’

As falsas premissas…

- terça-feira, 26 de maio de 2015

Ivete A maioria do sofrimento humano vem das muitas falsas premissas: “Quanto mais luta mais a vitoria vale”. “Quanto mais sofrimento mais valor a pessoa tem”. E assim, as pessoas que mais resistiram ao fluxo de Bem Estar por mais tempo, são colocadas na categoria das pessoas exemplares, que devem ser seguidas, é bem diferente das pessoas que venceram, ou que realizaram seus desejos sem luta, sem sacrifício algum e o mais importante, sem abandonar a sua alegria. A diferença é que, as pessoas que levaram um bom tempo desalinhadas com o seu próprio Bem Estar, só aparecem nas historias quando a sociedade precisa de um mártir, para que as pessoas o sigam e continuem trabalhando e se esforcem mais, sem se divertir, tudo para que, quem as comande possa se divertir mais a vontade. Olha a farra lá em Brasilia!

Já as pessoas que jamais largaram a sua felicidade, essas no começo, foram taxadas de rebeldes, de crianças problemáticas, algumas indicadas a tomar remédios de tarja preta, para acalma-los, até que uma delas faz algum tipo de sucesso com aquilo que ela mais gosta, Agora! Essas pessoas mudam de categoria e até de passado, agora a sociedade diz que elas eram crianças especiais, crianças índigo ou pessoas iluminadas. “Mas que, não é pra todo mundo não”. Tudo para que as outras não as sigam, não larguem a luta e o sofrimento. E assim todo mundo volta a se matar de estudar, de se esforçar muito e trabalhar duro, muitas das vezes no que não gosta e não a faz feliz. Mas, sendo sempre mais mão de obra barata, e uma fácil massa de manobra, para os poucos que querem se divertir mais e continuar a ter mais controle sobre você.

E jamais foi necessário que alguém agrave os lados de falta dos contrastes com a sua luta e sofrimento, a fim de obter um statos ou um lugar mais alto, com louvor. Jamais é necessário ficar sofrendo a fim de dar nascimento a um desejo. Mas, quando alguém sofreu para ter dado à luz ao seu desejo, e daí? Todas as pessoas tem seus desejos. O que temos que fazer é voltar a nossa atenção para o nosso desejo. Pensar e sentir mais sobre onde se está indo e não importa onde estivemos antes. Jamais gaste mais tempo justificando algum desejo realizado. Veja os exemplos da nossa historia recente. Um presidente que se tornou ídolo porque saiu de um estado muito pequeno, muito pobre e violento, se dizendo caçador de marajás. E foi de salvador da pátria ao Diabo em pouco tempo. Outro, por ser também nordestino, só que retirante, por ter perdido um dedo, esse tem muito mais valor, mesmo que ele nunca tenha estudado nada e nem goste de ler, o que demonstra uma consciência pequena, mas isso deixa pra lá, ele virou mais um mártir, e agora também já é o Diabo em pessoa. Agora me diz, alguém já viu Neymar, quando ganha um troféu ou um campeonato, dizendo que veio da favela, que sofreu muito e que se esforçou muito quando criança? Ou a Ivete Sangalo dizendo que veio de uma família pobre, que morava mal na Bahia quando criança antes de ser um sucesso, que sofreu muito, para justificar o seu sucesso? Já é hora de jogar fora essas falsas premissas…

Karma, nessas horas toda karma é poca…

- sábado, 14 de fevereiro de 2015

karma Essa coisa de Karma, foi uma das coisas que eu mais discuti com todos os outros dirigentes do budismo, e isso é mais uma falsa premissa criada por pura resistência ao fluxo de Bem Estar. Nesse caso,resistência ao estado de Buda. Ninguém colhe aquilo que fez no mês passado, amanhã ou daqui a um mês, muito menos o que se fez em outras vidas passadas, primeiro que se tudo é eterno, não existe vidas passadas, existem vidas se expandindo, e já que eu sou eterno e em pura expansão. Essa coisa de Karma nunca existiu, tudo o que eu tenho agora é resposta exclusiva a minha vibração de agora. Eu jamais tenho um efeito agora, de uma vibração de uma hora atrás, só se eu voltar a pensar nisso de novo, porque eu só tenho o efeito do que eu penso agora.

O que confunde as pessoas é que a falta do que elas querem, seja de um; corpo legal, saúde, dinheiro ou um relacionamento, tudo é o resultado de muitos momentos repetidos e ainda se sentindo mal e é sempre a própria pessoa quem continua a perpetuar tudo isso, repetindo isso muito mais vezes. Um exemplo simples e bem claro. Eu pensei num carro que desejo e acabei focando mais no que eu não queria agora, pensei na falta de dinheiro para ter o carro, ou como ter essa grana, isso só me trás mais ausência de Bem Estar nesse objeto de desejo focado agora, que é o carro dos meus sonhos, eu me sinto mal e isso é o natural. Mas, eu não me importei e continuei focado nisso por mais de 17 segundos, nessas mesmas coisas que já não me trás mais Bem Estar agora, então eu sinto de novo, mais ausência do Bem Estar e tenho um desconforto ou mal estar. Mas, algo aconteceu, uma musica tocou e eu lembre do amasso gostoso que eu dei na minha mulher, eu nesse exato momento, parei por alguns segundos de apreciação, a continuar fazer aquilo que eu não queria ser mais.

E isso é o que é um poderoso alivio, alguma coisa que foquei que parou de fazer com que aquilo que já criei antes, e que ainda me fazia sentir um mal estar, parar de ser mais, e agora eu estou maravilhosamente bem. Mas, no momento seguinte, eu mesmo já volto a pensar de novo naquilo que não vai me trazer o carro, nessa coisa que eu não quero, e como tudo que eu foco agora, eu sempre o transformo em mais, aquilo que antes era um desconforto que está crescendo com cada volta do meu foco de agora, naquilo que não quero, vira um problema grande para mim, porque até passa a faltar dinheiro para outras coisas, não porque eu comecei a pensar nisso que não quero há alguns anos atrás, mas é porque nada focado agora pode ser menor do que já é. Essa é a verdade. A causa é o pensamento de agora, o efeito o que eu sinto que se torna minha realidade. Cada foco meu em algo, desejado ou indesejado, faz isso se tornar mais agora. Se você parar de focar no que não quer, jamais sentirá o efeito indesejado, que você já criou e que sempre vai existir esperando o foco de alguém para ser mais. Mas, você jamais precisa fazer isso que sabe que jamais iria querer experimentar, sempre se tornar mais… Use suas escolhas mais deliberadas de onde focar mais para isso sim, ser eternamente mais…