Posts com a Tag ‘Exclusão’

Porque quando eu digo sim é sim, e quando eu digo não é sim também?

- domingo, 25 de março de 2012

Porque quando você diz “Sim” para alguma coisa, você está incluindo esse algo que você muito quer na sua vida, na sua experiência. E quando você diz “não” para alguma coisa, você também inclui esse algo que você mesmo não quer na sua experiência.

Vivemos num mundo de eterna inclusão, você nunca poderá excluir nada, enquanto estiver focado, dando sua total atenção a um contrste, você apenas pode incluir mais de tudo; mais pensamentos, mais pessoas, mais coisas e mais eventos.

Somos seres que vibram, emanamos e recebemos vibrações a cada pensamento; provocando uma vibração, a qual, nós as percebemos como nossas emoções, sejam elas positivas ou negativas, não importa.

A consciência infinita, a Fonte de energia do Bem Estar que cria mundos, criou algumas Leis Universais, entre elas a Lei da Atração, que só responde a sua vibração, ela nunca responde as suas palavras, ou jestos, apenas as suas vibrações, sejam elas positivas ou negativas. E é assim que ela gerência a sua vida, você querendo ou não, entendendo ou não. Ela funciona assim e ponto final.

Seu funcionamento é mais ou menos como se ela fosse o seu subconsciênte, só que ele trabalaha por osmose, aquilo que tem mais energia naquele momento é a que prevalece, tirando energia do que está menos concentrado, e a Lei da Atração espera você sentir uma emoção qualquer por no minimo 17 segundos, uma emoção indicativa do caminho que você quer seguir, se é para o medo ou para a alegria, para então ela te responder com mais disso.

É impossivel para qualquer ser humano sentir-se bem e sentir-se mal ao mesmo tempo, você pode sentir um ou outro, então tudo o que você tem que fazer, ao se encontrar com um contraste, é perceber que isso, apenas está te mostrando o que você não quer, e imediatamente passar a pensar, apenas no que você quer, no desejo que nasceu em você ao se deparar com esse contraste, e ficar 17 segundinhos se sentindo bem, não atrapalhando e nem jogando contra você mesmo, deixando apenas a Lei da Atração gerenciar a sua vida, trazendo tudo aquilo que você tanto quer.

Tudo o que um dia foi pensado, já existe e, jamais poderá ser excluido…

- segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Todos nós viemos de uma única fonte, a Fonte do Bem Estar, e como seres físicos que somos, temos apenas uma minúscula e infinitamente parte dessa mesma fonte experimentando esta dimensão de tempo e espaço, tudo o que nós aqui pensamos já existe, e isso acontece desde que o primeiro ser humano pensou e começou a manifestar e a materializar coisas, e tudo o que ele mesmo pensou lá no inicio dessa dimensão sempre existirá, porque nesse Universo não existe exclusão de nada, de nenhum pensamento, só existe a inclusão de mais, nem que seja mais disso mesmo, portanto nós ao virmos para cá, sabíamos exatamente o que iríamos encontrar.

Para criar essa dimensão tridimensional, era preciso criar antes coisas e seres que seriam os nossos primeiros contrastes para gerar vida, para gerar desejos, os desejos que expandem todo o Universo, e esses seres teriam que viver o tempo o suficiente para nos manter sempre nos puxando para os limites maximos dessa nova dimensão que é, o medo, ou a depressão, ou a impotência, ou a tristeza, e quem sabe o desespero, todas essas cinco emoções, que não tem ordem de importância, qualquer uma delas nos leva ao limite dessa dimensão densa, porém, não tão densa o suficiente para nos tornar um vegetal ou um mineral, e nem tão mais densa o suficiente para nos tornar um planeta ou uma estrela.

As estrelas e os planetas são seres da primeira dimensão, eles são pura energia da Fonte do Bem Estar, estarão sempre em bem estar, não importando o que aconteça com os outros seres; sejam os seres de duas dimensões, que são as os animais irracionais, que só podem sentir o Bem Estar ou o mal estar, e nem mesmo nós, seres da terceira dimensão que temos uma escala emocional para brincar e expandir o Bem Estar. Para o planeta Terra tudo estará sempre bem.

Então os Dracos, os Repilianos e os seres Galácticos e tudo mais que um dia foi pensado, já existem e nunca poderão deixar de existir, assim como os próprios Illuminatis que dominam o mundo pelo medo; o do dinheiro, os que os meios de comunicação e as drogas criam, porque tudo isso nos mantém puxando de volta para o limite dessa dimensão; é o medo de não se ter dinheiro para pagar ou comprar, é o medo criado nas telas da televisão ou cinemas que ganham vida, é o medo da dor e de ficar doente e o maior medo onde entram as drogas pesadas, o medo de não atender ao chamado da fonte de volta para o Bem Estar.

Assim como a Fonte sempre nos chama, sempre que criamos um novo desejo, uma nova vida, ela também estará sempre chamando os outros seres, inclusive os planetas, para que eles possam se desalinhar, para também continuarem o seu caminho eterno de desejar o seu realinhamento, como está acontecendo agora, não só com o nosso planeta, mais em todo o Universo.

O importante disso tudo é entender que, temos de perder o medo de sentir todas essas emoções e brincar e nos divertir e muito de entrar no nosso vórtice criativo, de permitir ser puxado e jogado pra fora do seu vórtice muitas e muitas vezes para curtir a sua própria criação e expansão.

Para isso, é preciso limpar o nosso DNA, que está ligado em demasia aos limites dessa dimensão, todos os veículos que estão ai tentando nos ajudar a voltar a abrir nossa consciência para que possamos perceber e conceber quem nos realmente somos, estão falando a mesma coisa, só que, por várias perspectivas ou diversos aspectos da vida.

Entenda, só quando o meu eu físico, o seu eu físico, cada individuo, começar a sua individual mescla de informação com o seu ser superior, é que poderemos ver tudo por todos os ângulos, lá do topo, vendo e apreciando todas as perspectivas, todas as possibilidades.

E para isso é preciso agora, limpar a nossa consciência desse ser físico ou como alguns falam, essas outras pessoas ou fontes de conhecimento, limpar o seu DNA, você mesmo pode observar que todos falam da Fonte, e que todos nos levam ao caminho da meditação, limpar sua mente dos limites dessa dimensão.

Muita gente mesmo tentando praticar o que os Abraham escrevem, pensam e dizem coisas que apenas mostra o quanto ainda estão atrelados ao medo, o que é apenas mais um dos limites dessa dimensão, sempre quando caminham mesmo sem perceber pela, negação, raiva, negociação, depressão e aceitação, muitos ficam circulando nessas vibrações, e mesmo sabendo conscientemente que tudo que já foi um dia pensado,
já existe, e nunca poderá um dia deixar de existir, continuam a teimar.

Então eu pergunto; Para que negar? Para que ficar com raiva? Pra que negociar? Para que se deprimir? Basta aceitar e se entusiasmar que isso tudo sempre fez e fará parte da expansão da Fonte.

Uns negam dizendo; isso é tolice, Dracos não existem, Illuminatis dominando o mundo, isso é loucura, sandice pura, nem quero pensar nisso, já pensando. Outros com raiva dizem; lá vem esse cara de novo com essa merda toda, porra que raiva! Esse cara não tem o que fazer, eu dava uma porrada nele se ele tivesse aqui e agora. Outros tentam negociar, isso pode até existir né? Mas Deus não vai jamais deixar isso acontecer comigo, a fonte vai me livrar, eu até acredito em alguma coisa, mas vou orar pra Deus me salvar. Outros dizem putz! Eu estava tão bem e esse cara com esse pensamento me deu um soco no estomago com essa merda toda no ventilador, agora que eu tava quase conseguindo meu desejo de ter um carro novo, eu não consigo suportar isso, e isso vai acabar me deixando com vontade de ficar aqui deprimido, porque isso me deprime mesmo. E por fim tem os que aceitam que tudo, porém, não conseguem das um passo adiante, e voltam a algum desses quatro estágios anteriores.

Poucos são aqueles que passam por isso e, se entusiasmam, e começam subir na sua própria escala emocional até o seu vórtice limpando sua própria consciência física, ou o seu DNA físico para sobreviver com muita alegria, a esse tempo de maravilhosas mudanças, e sempre repleto de muita expansão.

“Eu tenho a intenção de sobreviver com alegria a tudo o que está por vir”.