Posts com a Tag ‘DNA’

O BEM ESTAR E A FÍSICA QUÂNTICA…

- segunda-feira, 11 de julho de 2016

Collor O Bem Estar é tudo o que existe no agora. Se eu estou no meu fluxo natural de energia e informação de puro Bem Estar, eu produzo pensamentos criativos e expansivos de mais liberdade e mais felicidade. Tudo nesse mundo físico é feito de energia e informação, tudo é formado por átomos. E o meu pensamento alinhado ou não com o fluxo de Bem Estar, muda constantemente o meu DNA, como a própria ciência já vem comprovando isso, através de suas experiências. O meu DNA muda tudo a minha volta, pelo campo eletromagnético que ele flui, sem limitação alguma, nem de obstáculos ou longas distancias, nada impede o meu DNA influenciar os átomos a se comportarem assim como eu os observo agora. Isso só vem a comprovar que a coisa mais importante nessa vida é ser feliz, não importando com o que quer que seja. Ser feliz antes de tudo é tudo…

O seu mundo é como o ego o vê…

- terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Happy business people laughing against white background A coisa mais comum em todos os lugares, é ver as pessoas se reunirem, tendo como meta, a sua inerente tríade de intenções; liberdade, felicidade e expansão, seja num grupinho, numa festa, numa praia ou montanha e até mesmo numa manifestação, em tudo que invoque em todo ou em parte essa mesma tríade, e mesmo que seja só de fachada. Mas, esse é o desejo de cada um, em cada coisa que faz, afinal, todos nós somos individualizações do Vácuo Quântico, somos extensões da Fonte de Bem Estar, que só tem um fluxo de energia e informação de Bem Estar, tudo mais é resistência a esse mesmo fluxo de Bem Estar, estamos na linha de ponta do pensamento. Nós expandimos tudo com o nosso foco de energia.

Tudo sempre esteve e está, em perfeita expansão; todos nós somos extensões da mesma Fonte de energia e informação de Bem Estar, todos nós somos adoráveis e dignos, ainda não vi nascer nenhuma criancinha do mal, nem mesmo com o ego já formado no momento em que chegou a esse mundo físico. Formamos o nosso ego, a partir das informações que copiamos, primeiro em vibrações, e isso é desde o útero de nossas mães, enquanto ainda não nos comunicamos verbalmente, e depois por repetições de palavras e pensamentos que, as pessoas a nossa volta nos impõe, seja como corretas ou verdadeiras, depois pelos grupinhos que participamos. Poucos são rebeldes o suficiente para manter as suas verdadeiras intenções afloradas, mas elas continuam ai dentro, adormecidas, em certas horas elas vem a tona. Mas, a maioria sofre um castigo desumano, seja psicológico ou físico, para reprimi-las ainda mais.

Todos nós estamos aqui, cada um tendo a sua própria exposição as infinitas experiências e, fazendo o melhor que cada um pode, a partir de onde cada um está. Ninguém foi enviado para cá para fazer um teste ou participar de um julgamento; estamos aqui como criadores, como parte de um Universo em expansão. Ninguém pode ser duas coisas. Ninguém pode ter, na raiz daquilo que você é, puro Bem Estar, e, em seguida, ter na mesma raiz de Bem Estar, a capacidade de se pronunciar do mal. É vibracionalmente impossível. Esse julgamento, essa coisa de um Deus vingativo é fruto do mais profundo desespero dos seres humanos com seus egos inchados. Tudo para poderem fazer em nome dele, essas resistentes ações físicas, com todo aquele que já é um adulto, ou até com as nossas crianças de agora já aos 4 anos, sendo obrigados estarem nas escolas. Tudo porque com essa energia chegando mais forte já há alguns anos, o que culminou em 2012, todos voltaram a desejar mais e mais a sua própria tríade de intenções; ser mais feliz, mais livre e expandir tudo a sua volta.

Escolha mais, você sempre terá mais escolhas… Seja mais feliz e pare de sofrer de vez…

- terça-feira, 13 de março de 2012

Há uma mistura muito grande lá fora no Universo, e há muitas coisas diferentes acontecendo simultâneamente em todos os planetas e em todas as galaxias, e não há um caminho em que se destina a ser o caminho certo. Assim como aqui na Terra não há uma cor ou uma flor ou um legume ou uma impressão digital que seja tida como a definitiva ou a padrão. Podemos modificar tudo, assim como já existem; sementes, legumes e animais modificados por nós mesmos, nós seres humanos já somos também seres modificados geneticamente, somos hibridos em DNA. Definitivamente sabemos que nunca estivemos sozinhos no Universo.

Não há uma só coisa que é para ser considerada como a coisa direita, sobre todos as outras que supostamente estejam erradas. Ou seja não existe o certo ou o errado, o bem e o mal, você apenas está fazendo a coisa de um modo e algém fazendo de outro modo, tudo é apenas mais uma experiência. E é exatemente essa grande variedade o que fomenta toda a nossa criatividade.

E então você diz: “Ok, admito que há muita variedade, mas eu não gosto de comer pepinos.” Então, é só não comer pepinos. Mas jamais peça ou espere por coisas imposiveis, como pedir para o pepino ser eliminado, ou tentar condenar aqueles que querem comer os pepinos ou o jiló.

Não fique nas ruas e nas esquinas com faixas e cartazes na mão e acenando pela internet com sinais que mostra claramente que você também tenta desesperadamente proibir as coisas que você não gosta. Não estrague sua vida empurrando coisas. Em vez disso, diga para si mesmo, “Eu escolho esta coisa dessa vez. Este aqui não me agrada, e divirta-se mais criando e realizando sempre coisas novas.

Somos todos energias eternas de um só fluxo da Fonte do Bem Estar, criando mundos, exatamente para que tudo nunca seja a mesma coisa, quando escolhemos vir aqui nesse planeta, sabiamos que tudo era apenas mais uma escolha, e que por esse fluxo único de energia ser totalmente; expansivo, livre e alegre, nunca poderiamos excluir nada, apenas poderiamos incluir mais coisas com os nossos novos desejos, e isso é assim justamente para que, eternamente possamos ter sempre mais e mais escolhas. Então escolhemos a Terra por ser exatamente um local de muitos contrastes, de muitas coisas diferentes sempre acontecendo ao mesmo tempo.

Sabiamos muito bem que isso sempre resultaria em criar mais e mais coisas diferentes, para sempre continuarmos a brincar e nos divertir muito em ter muitas outras escolhas, a natureza da nossa energia é livre, alegre e eterna, e sabiamos também que é só assim, nunca em qualquer existencia, em qualquer experiência que escolhecemos aqui ou ali, para tomar parte, nunca deixariamos de ser; livres, felizes e expansivos. Porque ao estarmos alinhados como o fluxo do Bem Estar, deixando ele fluir por nós e para nós, simplesmente assim, fariamos parte ativa na expansão da própria Fonte do Bem Estar.

A expansão da consciência…

- terça-feira, 6 de março de 2012

Todos nos viemos da Fonte de energia do Bem Estar, que tem um fluxo eterno de liberdade, felicidade e que está em eterna expansão, esse fluxo sempre fluiu por toda a criação, e sendo assim a Fonte permite tudo, todas as formas de criação, aja visto a imensidão dos cosmos, das galaxias e até dos muitos Universos paralelos.

Nós mesmo, seres humanos não sabiamos até a pouco tempo que fomos criados do cruzamentos de DNA animal e de seres de outros planetas, e ainda mais agora que descobrimos o principal, que nós fazemos parte viva da Fonte, que temos acesso a ela sem precisar dos intermediarios que se diziam donos da verdade; a religião e a ciência, as mesmas que nos afastaram da Fonte de energia do Bem Estar o tempo maximo que puderam, porque foram criadas para isso, para não sabermos nossa verdadeira identidade.

As mesmas pessoas que criaram ou se preferir, inventaram as religiões, e também o seu oposto, a ciência, sabiam que poderiam por muito tempo fazer a massa continuar escrava de si mesmo, usando apenas um lado do seu cérebro, o hemisfério esquerdo, que é responsável apenas pelo pensamento lógico, esquecendo quem realmente é, um magnifico criador, fazendo as pessoas ficarem com medo da Fonte, nomeando-a de Deus. O Deus dos exercitos, para que você estivesse sempre em guerra, e ainda lhe fazendo acreditar que, não se tem escolhas, portanto abolindo a liberdade, por outro lado sabiam que alguns iriam protestar, então criaram a ciência para que o homem ficasse absorto na procura de como ele mesmo foi criado, e das demais coisas, sempre usando apenas o lado do seu cérebro que induz ao exterior ao fazer para crer.

Então agora que descobrimos que as respostas de todas as perguntas está no nosso eu interior, que todo o conhecimento e até o poder de criar é dessa nossa maior parte, o eu interior que ficou adormecido por milhares de anos, a grande pergunta de hoje é: “Bem, se eu simplesmente despejar todas essas coisas indesejáveis que eu aprendi, jogar tudo isso no lixo e tentar começar tudo de novo?”

A resposta é. Você nunca poderá excluir nada, mas tendo todo esse conhecimento agora, você mesmo acabou de definir o tom da vibração de onde você está, de tudo que já lhe foi ensinado e colocado como verdade, você deve usá-los apenas como mais um contraste, e estar grato porque foi este contraste como todos os outros que o fez procurar por coisas para apreciar. E você agora poderá apenas incluir mais de tudo que desejar, e criar suas próprias crenças, retirando aos poucos toda a energia de todas as crenças negativas que as suas religiões criaram e que as suas escolas massificaram para que você pela repetição as transformasse em sua crença limitante. Você agora está novamente livre para poder criar o que quiser, quando desejar.

Toda experiencia é valida. E definindo o tom de sua vibração atual de uma forma muito clara e deliberada, qualquer coisa que não corresponde a ela gravita fora de sua experiência, e também tudo o que o faz igualar a sua vibração atual, gravita em sua experiência. É muito mais simples do que a maioria de vocês está se permitindo a acreditar.

Tudo é só mais uma experiência, aproveite agora o restante de sua longa jornada neste planeta, um grande ciclo está para terminar e outro começando e expandindo ainda mais a própria Fonte de energia do Bem Estar. Onde está a sua maior parte já expandida, com tudo o que você e suas outras partes criaram aqui, a Fonte estará sempre te esperando e te amando.

O Universo está em plena expansão e a sua vida também…

- sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Pesquisem se quiser pela internet e verão que, os sinais já estão mais que evidentes, os planetas estão se aquecendo rapidamente, todos já estão recebendo a energia que cria mundos nesse Universo, essa enrgia está vindo através das galáxias e tudo já está mudando e cada vez mais rápido, inclusive o nosso próprio DNA, e para que tenhamos essa mudança sem complicações é preciso se manter no seu próprio Bem Estar físico e mental.

Procurar motivos para permanecer a maior parte do seu tempo alegre e feliz é preciso, e você já tem essa ferramenta fantástica e muito importante que é a sua apreciação, ela o ajudará nessa sua nova jornada de mudanças da sua estrutura física, seu DNA será alterado para acompanhar a expansão do Universo.

Os que criarem resistência ao fluxo de energia do Bem Estar que estará chegando neste período ao ápice necessário para a sua própria expansão, sofreram graves conseqüências, até dos seus pequenos atos, que antes eram irrelevantes, mas que de agora a diante serão cruciais, como ficar pessimista, irritado ou com raiva;

Não será mais permitido o seu desleixo com seu próprio Bem Estar, nada será como antes que, demorava um tempinho para isso fazer efeito, então vinha só uma dorzinha de cabeça, uma leve enxaqueca ou um desconforto, agora já começaram a acontecer coisas quase que instantaneamente. E só ver nos noticiários, pessoas com medo atraíram quase que no mesmo dia estupro e assassinato, são pessoas levando um tiro por estarem apenas com raiva da buzina do carro de atrás, daqui pra frente já nesse ano de 2012, tudo será quase que instantâneo.

Do mesmo jeito que já está sendo evidente tudo isso, também será evidente sua permissão ao fluxo, ao se manter no fluxo da energia do Bem Estar, tudo o que sempre sonhou começará a vir em sucessão, às coisas virão muito mais fáceis até você, tudo o que você já desejou na vida, você verá vindo pra você e assim, você só precisará se quiser experimentar isso, focar nisso que virá ou não.

Lembre-se sua atenção a isso a mantém vindo, ao não dar mais atenção ela desaparece pra você, mas estará sempre presente no Universo, a hora que você quiser e se quiser, é só voltar o seu foco.

Mudando a sua própria consciência

- quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Desde 1887 até 1990, toda a Ciência ocidental baseava-se no princípio de que, o que acontece agora, num lugar como onde estou agora, no Recife, não teria efeito absolutamente nenhum sobre o que acontece ao mesmo tempo numa outra parte do Brasil neste exato momento, por exemplo, onde está o meu pai em Friburgo. E eu realmente já sabia pessoalmente, que isso não é a verdade. Eu mesmo já realizei várias coisas que somam com o que o Gregg estudou e apresentou.

Gregg Braden, É um cientista que fez um vídeo que gira pela internet, relatando três experiências interessantes que fizeram estremecer as fundações da Física ocidental.

- A primeira foi realizada pelo físico Russo, Vladimir Poponin, no principio da década de 1990. Poponin queria investigar a relação entre o DNA humano e a matéria de que o nosso mundo é feito. Os pequenos pacotes de energia a que chamamos fótons, pequenas partículas de luz, se quiserem pensar nisso desta maneira. Por isso, a experiência consistiu em pegar num tubo de vidro, extrair completamente o ar desse tubo, criar aquilo a que chamamos vácuo e, implicitamente, nada estava dentro do tubo. No entanto, sabemos que algo foi deixado lá. As pequenas partículas de luz.

Poponin mediu essas partículas, para ver como estavam distribuídas. Se elas estavam por toda a parte no tubo, ou se estavam acumuladas no fundo, ou o que é que lhes aconteceu? Os resultados desta primeira parte da experiência não foram surpreendentes. Porque as pequenas partículas de luz, os fótons, estavam todas espalhadas. E era isso mesmo que eles já esperavam. A parte seguinte da experiência, é que é realmente interessante. Colocaram algum DNA no tubo, e quando tornaram a medir os fótons, o DNA humano provocou o alinhamento dos fótons. O DNA teve um efeito direto na matéria que compõe o nosso mundo!

- A segunda experiência é ainda mais fascinante. É uma experiência militar. O que fizeram, essencialmente, foi colher algum DNA humano, alguns fragmentos de tecido do forro da boca do doador ou voluntário. Colocaram o DNA num aparelho que podia medir os seus efeitos, numa sala de um edifício, enquanto o doador desse DNA estava numa outra sala do mesmo edifício.

O que fizeram, foi submeter o voluntário àquilo que chamamos de estímulos emocionais, e iriam obter respostas genuínas das suas próprias emoções de alegria, tristeza, medo e raiva, numa parte do edifício. E mediram o DNA que estava em outra sala, para ver se o DNA seria afetado pelas emoções do doador. O que aconteceria?

Na nossa Física ocidental de hoje, não há nada que, por um lado, sugerisse que aquele DNA ainda estivesse ligado ao doador. Por outro lado, ao realizarem a experiência encontraram absolutamente o contrário. O que concluíram foi que quando o doador estava a ter os seus altos e baixos emocionais numa sala, o DNA estava a ter os altos e baixos emocionais correspondentes, numa outra sala, exatamente ao mesmo tempo.

- A terceira experiência, foi realizada na década de 1990 no Institute of HeartMath. Uma organização pioneira de pesquisa, do norte da Califórnia, onde se concluiu que o coração humano é mais do que uma simples bomba que movimenta o sangue nos nossos corpos. E embora os nossos corações façam isso precisamente, isso é apenas a tarefa menor que os nossos corações realizam.

Estão descobrindo que o coração é o campo magnético mais forte do corpo humano, e que esse campo eletromagnético que é produzido pelo coração tem um efeito que se estende para além dos nossos corpos.

Elaboraram uma experiência para testar precisamente esta teoria. Retiraram o DNA humano e o isolaram, e pediram aos indivíduos que foram treinados para sentir emoções humanas coerentes, emoções muito claras de amor, apreço, compaixão, raiva e ódio, para terem esses sentimentos isolados a cada pedido.

Os cientistas mediram a maneira como o DNA respondia. Concluíram que na presença de apreço, amor, compaixão e perdão o DNA ficava tremendamente descontraído.

E também o oposto é verdadeiro. Na presença da raiva, do ódio ou do ciúme, o DNA atava-se como um pequeno nó.

Cada uma destas três experiências é interessante por si só. No entanto, quando se reúnem todas, deixam de ser experiências isoladas e interessantes, e começam a contar uma nova história melhorada de vida.

A primeira experiência, a de Vladimir Poponin, mostra que o DNA do nosso corpo tem um efeito direto no nosso mundo. Da matéria física de que o nosso mundo é constituído, a nível energético. A última experiência mostra que as emoções humanas têm a capacidade de mudar o DNA, e que isso tem um efeito no mundo que nos rodeia. Mas, a experiência do meio, a que foi levada a cabo pelo exército dos Estados Unidos, mostra que quer estejamos num mesmo edifício ou a 400 milhas dele, o efeito é o mesmo. Não somos afetados pelo espaço e pelo tempo.

E, de fato, os resultados dessas experiências dizem isso precisamente, que você e eu, temos um poder dentro dos nossos corpos que não é regido pelas leis da Física, da maneira como as compreendemos hoje.