Posts com a Tag ‘divertida’

PARA QUE SERVEM OS PROCESSOS OU CURSINHOS?

- domingo, 2 de julho de 2017

Só para satisfazer os egos ainda muito resistentes. Eu adorei ter lido os livros da Esther e Jerry Hicks, ver os vídeos dos Abraham, Bashar e Osho. Os três tiram muito sarro da maioria das pessoas, que ainda tem o ego muito resistente e que ainda querem muitos processos e seus muitos cursinhos. E ainda tem aqueles que querem ensinar ou escrever livros, sobre aquilo que nem eles mesmos, ainda colocaram em pratica. Abraham, deixa bem claro, que ninguém tem, nem mesmo eles, como orientar alguém em direção a alguma coisa. Eles querem que cada um tomem suas próprias decisões sobre os seus desejos. Que todos somos capazes de fazer isso individualmente, ninguém tem como errar. Que o único desejo deles é que cada um descubra por si só, o seu próprio caminho para o seu desejo. Eles são tão sacanas que dizem… Se você só buscasse “ser feliz”, de qualquer jeito ou maneira, tudo estaria resolvido. Não precisaríamos de escrever nenhum livro. Mas, vocês pedem e como temos que responder, por isso repetimos as mesmas coisas em muitos livros que vocês pedem. Mas, tudo poderia ser muito mais simples e divertido…

O Bashar já tem uma outra linguagem, mas ele também diz as mesmas coisas, ele só responde dentro das crenças das pessoas que estão mais focadas em vidas fora da Terra, ele também diz que “circunstâncias nenhuma importa, o que realmente importa e o que estamos sentindo”. Mas, como a maioria pedem processos, e como ele também tem que responder, então ele disponibiliza de alguns processos. Osho já é bem mais descarado, muito mais sacana, ele faz as pessoas darem um nó no ego resistente. Ele diz que não tem filosofia alguma para seguir e nem para passar para alguém. Ele diz que as pessoas que tem filosofia, geralmente não tem nenhuma vida. A vida por si só é abundante e prospera, o seu próprio Bem Estar é tudo, o amar é normal, a vida sempre é abundante, o sorriso brota sem nenhuma razão, porque a existência toda já é hilariante. E tudo isso é apenas desfrutar a vida. Não existe nenhum amanhã, portanto ele nunca chega, ele é só um processo de preocupação. E tão pouco existe o ontem. Um não é mais… O outro ainda não é… Tudo está no, aqui e agora. Só isso já comprova que a vida é muito divertida e completamente hilariante… Mas, é muito divertido ver as pessoas darem uma volta danada para chegaremAcessos a… “SEJA FELIZ” de qualquer maneira que encontrar…

TODOS OS DIAS EU SOU NOVO, IGUAL AO ANO NOVO…

- domingo, 3 de janeiro de 2016

ano novo Eu mesmo posso chegar a cada momento, para mais e mais pensamentos maravilhosos, que me façam chegar cada vez mais, para as melhores expectativas de um retorno, de melhores e bons sentimentos, agora. E não só eu me sentirei melhor, mas, tudo mais que eu já desejei na vida, entrará em completo e natural alinhamento para comigo, agora. Eu jamais posso deixar meus desejos para trás, ou simplesmente puxa-los para trás, porque mesmo que eu tente, os contrastes me farão sempre desejar mais, e sempre outro novo desejo nasce agora. E isso nunca tem fim, eu nunca estarei acabado quanto ao ato de sempre desejar mais. A vida é um eterno jogo de mais desejos e por isso ela é muito divertida, e todos os meus desejos estão sempre brincando comigo a cada momento, agora. Tudo o que eu tenho que fazer é focar mais no que quero, e dar sempre mais atenção a isso, que já me faz sentir muito melhor, agora. Quanto mais eu mesmo busque, um caminho de menor resistência a minha própria felicidade, mais rápido os meus infinitos desejos se desenrolam e se desdobram naturalmente. E quanto mais rápido meus desejos fluírem com o mínimo de resistência possível, melhor, melhor e melhor, eu me sinto, aqui e agora. Porque eu sou sempre novo, apreciando mais e mais, tudo isso se desdobrando, bem aqui e agora!

O MEU VÓRTICE OU VÓRTEX…

- sexta-feira, 8 de maio de 2015

vórtex Estar no vórtice em primeiro lugar é tudo… Porque a vida é um jogo de escolhas e desejos muito bem divertido… E ela é para ser assim sempre, muito divertida e é… Eu só precisei deixar com que o meu alinhamento com o Bem Estar, sempre estivesse em primeiro lugar, tendo cada vez mais a clareza de que tudo mais é irrelevante, tudo mais são caminhos secundários, e assim essa minha jornada emocional que é a própria vida, passou a ser sempre mais prazerosa e muito mais alegre, e tudo o que eu imaginei e até o que nem eu mesmo pensei um dia em; ser, ter ou fazer, começaram a fluir facilmente para a minha vida. E como os Abraham dizem, não há nada nessa vida que eu não possa; ser, ter ou fazer. A minha imaginação é o limite. Mas a minha intenção dominante deve e é, eu mesmo ser muito mais alegre, e é o que sou de verdade. E assim o meu fazer e o meu ter sempre entram em alinhamento, uma vez que eu consiga um simples alivio ao encontrar com qualquer lado de falta de algum contraste que vier se apresentar, e nada na minha vida há de faltar, tudo eu posso assim realizar…