Posts com a Tag ‘Darryl Anka’

Eu adoro ser quem eu sou…

- sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Esther-Hicks Eu fui budista por muitos anos, sempre me destaquei em todas as funções de liderança em que eu tive por mais de 30 anos, o meu distrito no interior do estado do Rio de Janeiro, chegou a ficar em primeiro lugar do mundo, na frente dos distritos do Japão e EUA, onde se tem muito mais gente veterana, todos com o mesmo grau de budismo que eu tinha no momento. Eu só vim saber o porque do meu sucesso depois de ver os mais de 300 vídeos da Esther Hicks e uns 50 de Darryl Anka, foi quando percebi que eles dois, assim como eu, nunca deixamos uma só pessoa que interagem com a gente, que elas focassem mais tempo descrevendo os seus problemas, sempre cortamos no meio, e fazemos a pessoa voltar a pensar apenas no que ela mais quer.

Esse é o motivo de poucas pessoas prosperarem na vida. Ninguém veio aqui para resolver problemas, ajudar os outros ouvindo suas lamurias. Viemos aqui para escolher o que me faz sentir ainda melhor. Se encontro com os contrastes, como todo mundo encontra, eu apenas foco no oposto do que ele me faz desejar agora, e sigo a alegria que ele trás no bojo. Eu só faço crescer mais na minha vida aquilo que eu estou dando o meu foco agora. Adoro ser exemplo de; alegria, liberdade e muita expansão. Mesmo que assim eu ainda seja contraste para outros, porque sei que se eles desejarem, farão desse encontro com esse contraste que sou eu nesse momento, motivo de desejar sempre mais… E assim ele também se alinhará… Eu só quero eternizar alegria…

Os contrastes nos fazem sempre desejar mais…

- sábado, 23 de agosto de 2014

Contrastes x exemplos Quem são os maiores exemplos de contraste resistentes ao fluxo de Bem Estar para mim, neste exato momento? Lembro de três grandes exemplos; Thomas Edison, Lula e Hélio Couto. E como jamais existiu alguém na face da Terra que não tivesse acesso livre ao Vácuo Quântico. O primeiro teve seu acesso a informação, só que, apenas de acordo com suas próprias crenças limitadas, afinal todas as crenças são limitadas, ao tentar criar a sua energia elétrica para que todos a pudessem usar, usou apenas o conhecimento acumulado pelo ego, dando uma base limitada há uma coisa completamente ilimitada, e ainda passou anos e com suas infinitas tentativas e fracassos para fazer um energia continua e uma lâmpada que ainda dura pouco e que consome muito mais energia. Já o Lula, teve seu momento de acesso a informação ao mesmo Vácuo Quântico, ao saber que poderia ser livre sem precisar de estudar e nem mesmo trabalhar dando duro, mas chegou lá com suas crenças limitadas, voltou a usar suas crenças resistentes ao fluxo para criar apenas mais do que é. O Hélio Couto, teve acesso em como poderia mudar sua própria vida e ser exemplo de consciência expandida trazendo a ideia da transferência de informação, mas também preferiu continuar tendo como base suas crenças resistentes ao fluxo de energia e informação de Bem Estar, coletando apenas lixos da humanidade, fazendo as pessoas focarem nisso e ainda criar mais contrastes como todas as religiões são, para eles mesmo poderem tentar limpar toda essa merda que eles só fazem ser mais…

O bom disso tudo é que, quando se tem contrastes, sempre se tem novos desejos, desde que você passe a focar mais, no que você mais quer. Eu tenho grandes exemplos de contrastes de mais; liberdade, felicidade e expansão, que para mim são essas individualizações fantásticas que ainda hoje fazem milhões de pessoas se permitirem ser mais quem eles realmente são; Nikola Tesla, sem ele não teríamos hoje, energia em nossas casas, nem computadores, Internet, celular, smartphones ou tablets, e viver sem isso nem me é possível pensar, ele acessou a mesma informação Vácuo Quântico que Thomas Edison, só que confiou na informação e não no ego, e criou a energia alternada, e uma lâmpada muito melhor e tudo em pouco tempo, sem tentativas e sem os teste malucos do Edison, nem precisava se apropriar ou roubar nada de ninguém. Outro grande exemplo é o Darryl Anka que acessa o mesmo Vácuo Quântico com sua crença em Bashar, uma outra individualização em forma de um ET, que nos trás informações que nos permitem ser sempre mais, livres, felizes e expansivos em tudo. Outras figuras simples e maravilhosas, são essas individualizações que eu amo muito de paixão, por terem crenças bem mais libertadoras e que me fizeram não mais me sentir órfão nesse mundo, um deles é o Jerry que já voltou a ser pura energia e ainda é a Esther Hicks que acessa o Vácuo Quântico com a sua crença limitada, mas muito mais permissiva a criar sempre mais novas crenças que nos fazem sempre expandir nossas consciências, que são as energias Abraham. Onde o seu maior lembrete para nós é… Seja o mais feliz que puder antes de tudo e tudo será seu…