Posts com a Tag ‘Cérebro’

A SINCRONICIDADE COM O FLUXO DE BEM ESTAR…

- sábado, 22 de agosto de 2015

foco O meu cérebro é só um mecanismo de foco. Tudo é uma questão de “sincronicidade”. Eu também já passei muitas e muitas vezes por essa tentativa de quererem mudar a minha sincronicidade com o meu natural fluxo de Bem Estar, para essa ausência de Bem Estar que a maioria das pessoas sentem hoje quase que em todos os momentos. A maioria das outras individualizações da Fonte de Bem estar, fazem justamente mais disso hoje, elas ficam sincronizando; pensamentos, pessoas, coisas e eventos mais para o que elas não querem. Porém, eu já concebi que o meu cérebro é só mais um mecanismo de foco da Fonte, ele sempre aponta para todos os lados em que meu o pensamento imagina ou visualiza internamente criando mais essa realidade paralela, e não importa para qual o lado que eu olhe, ou que eu dê a minha poderosa atenção, em todos os lugares, sempre eu vou encontrar ambientes cheios de infinitos contrastes com os seus dois lados, o do desejo e o da falta desse mesmo desejo, que é justamente para eu mesmo sentir a sensação do “poder” de fazer minhas próprias “escolhas”, e me sentir muito mais “feliz” agora. E se eu mesmo, só me permitir focar naquilo que imediatamente me trás de volta mais Bem Estar, eu sempre estarei criando mais de tudo o que eu vier a pensar, porque isso é a sincronicidade que a Lei da Atração faz em todos os casos, ela sempre atrai mais; pensamentos, pessoas, coisas e eventos, semelhantes ao que eu estou sentindo de retorno do meu próprio foco, aqui e agora.

TUDO É ENERGIA…

- segunda-feira, 23 de março de 2015

cheia e vazia Um pensamento qualquer, para ele se manifestar, se materializar ou vibrar totalmente, ele precisa estar totalmente preenchido de energia que passa por mim, o meu cérebro é apenas um mecanismo de foco de energia que está vindo e voltando por mim, simultaneamente a Fonte de energia e informação de puro Bem Estar, porque é isso que dá vida a qualquer coisa focada. Tudo na vida é como se fosse uma garrafa vazia onde se está colocando areia colorida para dar forma a um desenho desejado, eu só vejo o desenho desejado se a garrafa estiver totalmente preenchida. Eu não preciso preencher o que não escolhi experimentar, nem preciso ficar impedindo a energia passar para o que não quero, isso só faz eu sentir cada vez mais a ausência dessa energia gostosa passar e voltar por mim, o que é muito prazeroso, basta eu passar a focar onde ou no que eu quero que seja mais, e que se materialize ou passe a vibrar agora, na minha própria experiencia física.

Ser inteligente é acumular conhecimento?

- sábado, 29 de novembro de 2014

prêmio inteligencia Para mim ser inteligente é ser bem mais feliz agora, é saber exatamente onde está o conhecimento e acessa-lo na hora e no momento que é preciso, já que eu tenho apenas um cérebro limitado, apenas um mecanismo de foco de onde eu apenas jogo mais a energia que passa e volta por mim a Fonte para criar sempre mais expansão. Ter conhecimento jamais é eu acumular mais pensamentos resistentes, que criam apenas mais uma crença de que isso é ter uma maior inteligência e que isso deve ser algo limitado a poucos, ou até para apenas consertar o que eu mesmo já criei de desconforto, sendo bem mais resistente ao fluxo de Bem Estar que me é natural. Toda informação que eu preciso já está na Fonte, no Vácuo Quântico, o ego só acumula pensamentos limitantes, nenhuma informação para se criar algo que nunca antes havia existido veio de alguma mente humana que só cria crenças limitadas ao momento, toda informação vem direto da Fonte a mente de quem já perguntou vibrando mais; a felicidade, a liberdade e a expansão que isso pode lhe dar, aqui e agora…

Porque eu tenho um cérebro com uma consciência limitada?

- sexta-feira, 18 de julho de 2014

Vias neurais Porque ele foi feito para apenas armazenar informações e sempre criar mais a expansão das mesmas. E como todos nós somos apenas energia e informação vindo e voltando ao Vácuo Quântico simultaneamente e ininterruptamente, tudo para que possamos viver essa individualização do Vácuo Quântico, essa nossa consciência teria de ser limitada, como toda ela é, adquirindo por si só e pelo próprio acúmulo de pensamentos repetidos, um desenvolvimento de crenças que criariam e realimentariam o ego com essas suas identificações com outros pensamentos semelhantes as crenças, essa individualização que cada um é agora. Apenas isso nos difere da consciência maior que vem eternamente se expandindo. Como só existe um fluxo de energia e informação que é de puro Bem Estar, tudo mais que não flui em harmonia, é apenas a sua própria resistência ao próprio fluxo natural, o que cria novos contrastes que sempre provocam novos desejos e assim, a eternidade da expansão está garantida, nada poderá ser excluído, poderemos ser sempre mais. A nossa expansão como individualização se dá, sempre de acordo com as novas crenças que nós mesmos criarmos, com os novos pensamentos repetidos, já que todas essas crenças teriam de ser limitadas, para que continuássemos como individualizações aqui na linha de ponta do pensamento.

Estrutura negativa O ego ciado por essas crenças, tem um mecanismo de defesa para se proteger como individualização, o medo é uma das vibrações mais baixas e mais densas, das quais ele pode se manter e ainda não perder a sua própria identificação como mais uma individualização, todo esse mecanismo foi criado para a sua própria sobrevivência, então esse mecanismo natural criou uma estrutura resistente ao fluxo para se manter, no máximo que pudesse com essa consciência limitada resistindo ao fluxo. Só que a consciência maior que criou isso tudo, para que tudo continuasse em eterna expansão, fez com que todos os átomos que compõe ou dão formas a todas as individualizações, também fossem autoconscientes e a todos os componentes desse átomo lhes é inerente uma tríade de intenções, as quais perpetuaria o nosso propósito maior como individualizações do Vácuo Quântico; liberdade, felicidade e expansão.

Até mesmos essas crenças resistentes ao fluxo, como tudo tem que se expandir, criaram mais e mais contrastes, então essas crenças só vem criando novos pensamentos, novas realidades e juntas criam novos Universos paralelos, sempre atendendo as suas próprias crenças, toda essa informação está eternamente voltando ao Vácuo Quântico e sendo colocada a disposição para o acesso de cada outra individualização, sempre de acordo com as suas novas crenças que elas mesmas desenvolveram até o momento, o agora. Então, muitos pensamentos repetidos muitas e muitas vezes já viraram crenças dominantes como; a de um Deus que limita sua liberdade, assim como a de anjos, espíritos, duendes, fadas e ETs. E como todo pensamento é energia que cria mundos, tudo isso realmente já existe, e assim cada individualização vem percebendo, concebendo e visitando infinitas realidades paralelas e até mesmo acessando informações no Vácuo Quântico, as quais estão de acordo com suas próprias crenças. Mas, quem escolhe acessar essas realidades é a individualização que está sempre sendo chamada a cada desejo de volta ao fluxo de energia e informação de Bem Estar, quando ela mesma, seja por observação ou deliberadamente aprecia as outras criações e nesse momento é sugada para dentro do seu próprio vórtice criativo e volta a desejar mais… E assim alguns se libertam e criam novas crenças e expandem a; vida, realidades, Universos e o próprio Vácuo Quântico.

Eu tenho que dar intenções todos os dias?

- quinta-feira, 8 de maio de 2014

Meu filho e meus netos Se você relembrou que sua vibração comanda tudo, Então, você também sabe que é livre para tudo, até mesmo para ser um escravo observador reagente… E como tem individualizações que, passam quase que a vida toda, apenas sentindo a sua própria resistência ao fluxo de energia e informação de Bem Estar. E isso não é problema algum para o Vácuo Quântico, que só tem um único fluxo de Bem Estar, porque só quem vem, para essas infinitas realidades mais limitadas de uma existência momentânea de vida, consegue perceber e conceber o que resistir ao próprio fluxo de Bem Estar. E com isso elas mesmas criam mais e mais contrastes, e os contrastes servem para jamais deixar que faltem desejos em nenhuma realidade limitada, dando assim uma total liberdade de escolhas, podendo todos chamarem a alegria do fluxo e expandir sua própria consciência, e isso é assim para todas as individualizações, sem distinção…

Embora todas as extensões da fonte tenham a mesma tríade de intenções; liberdade, felicidade e expansão. Se você observar bem e com calma, vai ver bem claro que é isso que todos querem com tudo o que fazem na vida, independente de; sexo, idade, classe social ou crenças… Até mesmo as células quando formadas ainda no feto já copiam vibrações, esse é o verdadeiro motivo de nascerem bebes com deficiência física, e depois que o cérebro já está formado, lá pela oitava semana de gravidez, é o ego que começa a ser formatado, sempre em forma de crenças no seu subconsciente, e sempre alimentado pelas infinitas repetições de pensamentos gerados pela mãe, parentes e pelas pessoas ao seu redor, que nem sabem que fazem isso, apenas para manter essa realidade que elas mesmos observam agora, consegue perceber? O cérebro desde formatado já começa desde já, a copiar todas a vibrações que chegam até ele, para simplesmente experimentar, porque foi para isso que viemos a esse corpo físico, experimentar vibrações de vários aspectos e de vários ângulos, criando mais e expandindo mais, e passando por infinitas realidades paralelas.

Então, aquele que é principalmente um observador reagente, pela formatação do seu próprio ego, suas crenças o faz se identificar com os pensamentos semelhantes, então ele prospera nos bons tempos, mas sofre em tempos ruins, tudo porque o que ele está observando, ele mesmo já está vibrando e, como ele observa, ele inclui-lo em seu campo vibracional. Como ele inclui isso, o Universo aceita isso como seu ponto de atração e lhe dá mais do mesmo. Então, se as coisas melhoram, melhor ele fica. Ou se pioram, pior ele fica. Enquanto aquele que é um visionário, prospera em todos os momentos. Porque ele mesmo delibera mais o que mais quer, apenas pensando e sentindo tudo agora, em todos os temas mais importantes de sua vida… A boa noticia é que o seu ego, pode ser sempre formatado e ganhar infinitos Upgrades, ganhando versões bem mais; livres, felizes e exponenciais…

Ciência e Religião… As duas coisas mais bizarras da nossa sociedade…

- quarta-feira, 14 de março de 2012

A ciência é um estudo criado para apenas tentar fazer o homem, só usar o lado burro do seu próprio cérebro, que é totalmente lógico, o seu hemisfério esquerdo, tudo para também tentar mostrá-lo como inteligente, fazendo um trabalho de novamente tentar provar por estudos o; como, onde e quando que, tudo já foi criado, tanto o Universo quanto aquilo tudo que já foi inventado pelo próprio homem, aquele que, apenas usou o hemisfério direito do seu cérebro, o seu lado da intuição. O lado direito, que por sua vez, é a parte do seu cérebro que permite o raciocínio não-linear, holístico, espontâneo e intuitivo, relacionado com a análise emocional, subjetiva, mística e romântica para então criar ou inventar do nada, sem ter nada para se basear, algo que nunca foi ensinado ou aprendido em uma única escola ou faculdade desse planeta.

O homem usa muito mais o seu lado esquerdo que tem o raciocínio lógico, linear e analítico, relacionado com a análise objetiva, desapaixonada, calculista. Apenas para explicar o que alguém que, correu o risco, que foi chamado de louco, de mal educado, de maluco e desobediente, mas que já usou o outro lado do seu cérebro para apenas receber uma informação da Fonte de energia do Bem Estar, a qual todos os seres humanos podem receber a qualquer hora, basta desejar, permitir e realizar.

E eles chamam isso de inteligência…

A religião é outra invenção maluca criada para fazer o homem continuar a usar só o seu lado esquerdo, ela é cheia de dogmas justamente para isso, ela diz é assim que é, e está acabado, ponto final. O resto é pecado.

Se fosse pelas religiões estaríamos ainda na idade das pedras, ela matava quem falasse que o mundo era redondo, ela botava fogo em quem apenas usava seu lado direito do cérebro, chamando-os de demônios e espíritos das trevas,

A religião é tão logicamente idiota que ela consegue até hoje, fazer com que as pessoas acreditarem que Deus (alguns o comparam com a Fonte) é; Um homem invisível que vive lá no Céu, te vigiando 24 horas em tudo o que você faz, em qualquer lugar, com dez mandamentos que ele mesmo fez, em suas mãos, e se você teimar e pecar em fazer algum deles, então ele mesmo preparou um ligar muito especial pra você, cheio de; fogo, fumaça, calor, enxofre, tortura e angustia para te manter vivendo em sofrimento, sufocando-se, gemendo e chorando intensamente sem nenhuma trégua, e isso por toda a eternidade. Mas……….. Ele te ama!

Faz me rir…

Mas se você orar repetitivamente para qualquer um dos santos que ela mesma criou, ou para algum dos que ela mesma pegou nas outras seitas que, ela mesma dizia não ser de Deus, só assim os milagres podem acontecer, mas nenhum milagre pode acontecer se você não for fiel a Deus, acreditando que o mundo é quadrado. Há me desculpem, nisso e mais algumas outras coisas ela já voltou atrás. Paguem só o dizimo e tudo estará resolvido e depois só fechem a porta ao sair…

Como as pessoas gostam de intermediários… De pagar pedágio, de entrar em filas intermináveis para ter o que elas mesmas já tem com elas mesmas, bastava pedir desejando ao seu próprio “eu interior” que é parte da Fonte de energia que cria mundos, a Fonte do Bem Estar, que alguns dizem ser o Deus, mas que não se parece em nada com tudo o que a religião inventou pra dizer que é ele.

Você só precisava de; desejar mais, permitir mais e realizar mais, para isso é apenas preciso, encarar tudo o que não quer, ou o que você viu que não gostou nessa vida, apenas como um contraste, e assim se perguntar, o que é que eu quero? E o seu “eu interior” te dirá, através do seu hemisfério direito do seu cérebro é lógico, que, é a sua própria liberdade, felicidade e expansão que está no oposto desse contraste, e que, se você continuar focado nessa alegria em que sentiu ao perceber o que você mesmo quer, ao criar esse desejo, estará permitindo a atração de todas as energias do universo para realizar esse desejo.

É tão fácil criar um castelo quanto um botão. É tudo apenas uma questão de saber se você está focado em um castelo ou um botão.

O Brasil que eu vejo… O país que eu desejo…

- domingo, 4 de março de 2012

O Brasil, este país maravilhosos, mas ainda “subdesenvolvido”, mas também não é de maneira alguma inapropriado, e nem mesmo de alguma outra maneira, pode ser considerado menor ou inferior a qualquer outro país.

Temos apenas desejos diferentes e padrões diferentes, e nosso país não é nunca foi, menor do que os paises europeus ou os EUA. O Brasil é apenas diferente. Nós brasileiros, não viemos nascer aqui num país maravilhoso como esse, cheio de belezas naturais, cheio de riquesas e com um povo alegre, divertido, festivo e cheio de desejos, para fazê-lo igual, ou para fazer da mesma maneira que nossos amigos de outros países fizeram com os seus.

Vocês querem ficar quebrados e doentes como eles mesmos acreditam que estão? Esse sim deveria ser o contraste que você deveria ver nos noticiarios internacionais, para então passar a desejar diferente…

Nos brasileiros nunca chegaremos sequer a ser iguais aos americanos ou aos europeus. Chegamos aqui nesse continente como um grupo diversificado de seres não físicos, Energias vivas que cria mundos, querendo experiências completamente diferentes.

A maior idiotice da nossa classe politica é querer fazer do Brasil um cópia dos outros paises, nós não temos que trazer as industrias que poluiem e escravisam as pessoas e as emburrecem pra cá, nós nunca precisariamos escravisar nossas crianças nas escolas burras, que apenas iduzem nossas crianças a usarem só um lado do seu cérebro, ensinando que o fazer é tudo, quando toda sua criatividade está na outra parte do seu cérebro, mas ainda adormecida, desistimulada, primeiro pelos seus pais que também passaram pelo mesmo processo e depois pelos seus professores, que também repetem o que aprenderam ensinar, para assim, se tornarem pessoas do fazer para ser, e o mais cruel, depois de se emburrecerem o maximo, irem trabalhar duro e ganhando muito menos que na europa ou nos EUA, e no que os europeus e os americanos não querem mais pros seus próprios filhos, quando dizem, isso é subemprego. Chega de trazer o povo subdesenvolvido pra cá, manda essas fabricas pra lá.

Desejar ver nossos filhos num pais maravilhoso como esse, cheio de vida, preso e amarrado, cominhando há passos largos para um trabalho quase que escravo, tendo que acordar mais cedo todos os dias, não para gozar o ar ou a paizagem linda que nos temos, mas sim, para passar horas dentro de um carro ou uma condução, num transito caótico que nós mesmos criamos nesse sonho idiota americanizado, passar anos e anos suprimindo sua própria inteligencia em escolas de imbecis, para depois apenas trocar a escola, a faculdade para ficar dentro de uma fabrica, das 7:00 às 5:15, e depois gastar mais algumas horas de novo num transito que não anda, e ganhando cada vez mais stress, do que dinheiro, para depois adoecer por não ter vida, gastando todo seu dinheirinho em planos de saude e remédios, esperando o dia de sua tão desejada aposentadoria, coisa que hoje mesmo já podemos ver que, isso é uma fantasia mais que idiota, nenhum aposentado consegue viver com o que ganha, a não ser os politicos que nunca trabalharam duro, dentro das fabricas que trouseram pra cá, escravisando os seus filhos, isso é completamente ridiculo, como pode um pai ou uma mãe ainda hoje, desejar isso para si ou para um de seus filhos?

Como podemos nós mesmos querer destruir tudo o que nós somos? Um povo alegre, divertido, muito mais criativo que os nossos amigos conservadores, somos uma nação miscigenada, cheia de vida própria, com uma natureza tão bonita que é gritante, exportamos alegria com nossas festas, somos o povo mais alegre desse mundo, acordem e deixem que seus filhos sejam diferentes, que eles usem mais a parte do seu cérebro que é intuitivo, criativo, inspirado e muito mais perto da sua própria Fonte que, você aprendeu nas escolas burras a chamar de Deus. Mesmo que seja eu…

Uma amiga me perguntou sobre o que eu faria se eu fosse mulher?

- terça-feira, 28 de setembro de 2010

A minha resposta foi, se eu fosse mulher com cérebro feminino, eu faria mesma coisa que eu busco fazer como homem com cérebro masculino, ou até mesmo com um cérebro Gay, ser livre, feliz e expansivo.

Somos diferentes, por isso nascemos homens, mulheres e gays, somos todos frutos de uma mistura hormonal da mulher nas suas primeiras oito semanas de gravidez quando se forma o cérebro humano, que tem três centros para a sua formação, o centro físico, que vai fechar a vagina e formar um pênis, isso se o cromossomo que o pai transmitiu for Y, a mulher só tem o cromossomo X, se o homem ao fazer sexo transmitir o cromossomo X continuara a vagina, só que para isso acontecer é preciso existir a produção de hormônios da mãe, depois tem o centro de atração, que também precisa de hormônios providos pela mãe para que o cérebro tenha atração sexual transmitida pelo cromossomo do pai, tudo isso para continuar a preservação da espécie, e por fim também com o intuito de preservar a espécie vem o centro de comportamento, que é bem diferente, no homem o seu cérebro foi formado para a caça, focal, ele precisa focar para caçar, como todos nós viemos da evolução de uma ameba, somos animais, e o cérebro humano leva milhões e milhões de anos humanos para fazer uma pequena mudança.

Ainda hoje temos o cérebro muito parecido com os homens das cavernas, a mulher tem o cérebro bem diferente, ela faz muitas coisas ao mesmo tempo, coisa que é praticamente impossível o homem fazer, seu cérebro foi feito para ela preservar a espécie humana cuidando da cria, tantos nos cuidados físicos, como na proteção dos outros animais e do próprio homem, então ela tinha de ficar ligada em tudo, e o nosso instinto animal humano nunca esteve desconectado com a nossa essência que é a fonte que muitos chamam de Deus, ou seja lá o que você acredite, todos nós sabemos que vibramos energia, o cérebro masculino foi adaptado para controlar as emoções, só colocar sua emoção (vibração) na hora que quer ou nas suas realizações ou derrotas, tudo para não transmitir a vibração na hora da caça.

Agora! O cérebro feminino precisava transmitir e receber isso pros seus filhotes receberem a informação e se protegerem dos perigos, ainda hoje, todas as crianças sentem muito mais a vibração do que os adultos, então por esse motivo o cérebro feminino até hoje despeja emoção em tudo, a própria ciência vem há muito estudando isso, e sabemos que, um pensamento emotizado (pensamento envolvido em forte emoção negativa ou positiva) ganha relevância no subconsciente humano onde tudo fica armazenado para que não precisemos de processar a mesma informação por várias vezes.

E como a mulher coloca emoção em tudo que pensa para poder transmitir a vibração a distância pros filhos e pro parceiro, ela lembra muito mais de tudo, eu mesmo me lembro do meu pai numa discussão com minha mãe, dele ficar atônito com minha mãe cobrando uma coisa que ele fez na sua época de namoro, coisa que ele nem lembrava mais, mas, ela sim.

Ai vem o cérebro gay, que é um cérebro que não recebeu hormônios o suficiente para sua formação original e assim nasceu um novo cérebro de comportamento e atração física diferentes e a pessoa passa a ter atração pelo mesmo sexo, isso além de ter também os homens e as mulheres com seus centros de comportamento trocados, Homens que pensam e agem como mulheres e mulheres que pensam e agem como homens, somos todos diferentes, não anormais, doentes ou iguais.

O homem civilizado vem sendo escravizado pelo próprio homem pelo simples fato de criar hábitos e crenças limitantes e de resistência a sua tríade, liberdade, felicidade e expansão que é o ciclo da vida, o fluxo da vida, todos nós queremos a mesma coisa como resultado final de tudo que fazemos , o resultado que esperamos de tudo é esse, queremos ser livres, felizes e expandir o nosso eu interior.

Para formar comunidades criamos hábitos e crenças das quais inventamos todas as religiões e as mais estúpidas leis terrenas, na vontade de resolver tudo com a conformidade, a igualdade, coisa que só fez criar doenças e as guerras.

Cada comunidade criou a sua própria crença e seus muitos hábitos, mas, nada mudou, todos nos queremos liberdade, felicidade e expandir, e nisso um foi querendo dominar o outro a força, pelas guerras até que se formaram os países atuais e fomos ficando mais civilizados, mas, isso trouxe um distanciamento da nossa vibração, por não mais caçar para sobreviver, e por não mais vibrar para avisar o perigo para os filhos, homens e mulheres passaram a não dar mais valor as suas emoções, suas vibrações, a mulher de hoje se acostumou sentir o desconforto, a se sentir mal, as industrias inventaram um analgésico, e com isso todos nós passamos a criar mais doenças por vibrar negativamente e não mais perceber nossas reações.

Então os povos mais estudiosos do comportamento humano, passaram a criar bolhas, e foram dominando os outros povos pela sua falta de seletividade quanto as suas emoções, eles viram que controlando a sua emoção ninguém mais os ameaçaria, então passaram a criar as guerras deflagrando o medo coletivo, controlando o SAPE (sistema de auto preservação e preservação da espécie) das massas através das mídias.

O medo fazia as pessoas lutarem entre si, e elas após guerras ficavam doentes e compravam remédios fabricados por eles mesmos, e essa mesma população pelo seu medo de perder a sua zona de conforto de estar agora protegido em comunidades, passaram a trabalhar em fabricas de uma meia dúzia de pessoas que controlavam suas vibrações, e que sabiam como funcionavam as leis Universais, Atração, Criação Deliberada e a Permissão, hoje a grande maioria da população mundial são escravos do trabalho.

Há poucos anos atrás eles criaram mais uma bolha de que as mulheres teriam de competir com os homens de igual por igual, só que o cérebro das mulheres não foram feitos para isso, e então elas passaram a ficar mais doentes, a ter doenças que antes só os homens as tinham, e passaram a ter mais problemas hormonais, esse mesmo grupo que controla hoje a maior parte dos homens e mulheres pelo seu poder de manipular suas vibrações, suas emoções pelas mídias atuais, passou a também injetar hormônios na alimentação, criando mais disfunção hormonal aumentando assim a população gay pelo mundo afora.

Com isso a indústria do medo e do terror passou a dominar toda a nossa sociedade para o seu proveito próprio, enquanto a maioria das pessoas homens e mulheres trabalham mais e ganham menos, ainda gastam seus poucos recursos com remédios, roupas para trabalhar, condução, alimentação a base de hormônios, celulares e as contas com juros de seus cartões de créditos, e que na verdade, tudo isso tem os mesmos donos que controlam o mundo.

Para sair dessa escravidão invisível é preciso o ser humano voltar a pensar e falar mais nos seus próprios desejos, e não no desejo criado pelos outros, não no desejo controlado pela sua própria desvalorização de suas emoções, não mais pelas emoções negativas criadas e geradas para te controlar a distância, veja bem, qualquer ser humano que seguir a sua própria felicidade, pode ser, ter e fazer o que quer.

Chegou à hora de tirar as correntes invisíveis que escravizam a humanidade, e a chave é a sua própria emoção, ser mais seletivo, ao sentir o menor desconforto desligar a TV, o radio, parar o que esta fazendo, não importa o que, parar e procurar imediatamente razões para se sentir feliz, agora, você acha complicado? Para isto, basta descobrir o contraste, e isso se você analisar de verdade, verá que é o que não falta nesse mundo, e quando pensar e olhar para o que não quer, aquilo que não quer mais experiênciar na sua vida, terá muito mais certeza do que realmente quer, e depois disto, basta voltar imediatamente a desejar e ficar feliz apenas com esse desejo e criar expectativas positivas e seguir sua felicidade que ela te levará a ser livre, feliz e a ser muito mais expansivo.