Posts com a Tag ‘Budismo’

AINDA SOBRE A PODEROSA MEDITAÇÃO…

- terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

mulher-meditar A meditação é uma coisa maravilhosa e muito poderosa, ela deveria ser a coisa mais praticada conscientemente e deliberadamente desde a nossa infância, e mesmo quando praticada, eu mesmo atrai essa opção ainda muito jovem, quando conheci o budismo, mas a meditação que eu fazia antes, ainda não era uma meditação consciente do que ela poderia me servir. Mesmos os budistas que meditam muito, eles ainda estão muitos ligados ao fazer, a religiosidade, a sua velha rotina para mantê-los unidos em torno de um só objetivo religioso. Então, eles fazem horas e mais horas de meditação esperando seus milagres pessoais, que as vezes vem, quando eles mesmo sem saber ou perceber, deixam o ego de lado. Mas, a grande maioria das soluções que sempre vem para cada um deles, eles mesmos não as reconhecem, por estarem esperando algo bem diferente, e assim que eles acabam de meditar, e logo voltam a deixar o ego reagindo a tudo o que observam novamente. A maioria deles se perpetuam como meros observadores reagentes. E como é normal em todas as religiões, os seus lideres realizam todos os desejos deles mesmos e seus milhares de membros fiéis, continuam na mesma vidinha de sempre, apenas sendo mais do que já eram. E isso é porque ninguém pode ser menor do que já é…

Agora! Os momentos de minha atual meditação, eu nunca deixo passar de 20 minutos, justamente para não se tornar um esforço, porque qualquer esforço é voltar a resistir ao Bem Estar. O que voltaria a estimular as naturais ferramentas do reforço da sincronicidade resistente do ego a funcionar novamente. O ideal para mim mesmo, é apenas fazer 15 minutos diários, com um único intuito, limpar a minha mente dos pensamentos do ego. Sentir o doce alivio que é uma mente quieta. Como os Abraham sempre me relembram, nunca houve coisa melhor para parar o impeto, a manifestação de algo indesejado. Algo me perturba muito, algo me preocupa por de mais, esse é o melhor momento para meditar. Eu fazendo apenas isso, paro imediatamente de atrair o indesejado. E só volto a atrair isso de novo se eu der o meu foco e minha atenção novamente ao indesejado, como fazem a maioria que ainda meditam sem saber o por que… Assim como, ao mesmo tempo em que eu limpo a minha mente dos pensamentos do ego, meditando, eu mesmo me permite receber todas as;informações da Fonte de energia e informação de Bem Estar, eu abro a torneira e recebo todas as frequências exatas da vibração que eu preciso para realizar, todo e qualquer desejo. Agora! É só passar a apreciar mais a vida e ir a caça dos meus muitos tesouros, procurando infinitas pistas, as infinitas probabilidades, essas; pessoas, coisas e eventos, que já me fazem mais feliz, e que ainda me fazem sentir mais livre e mais expansivo…

EU JAMAIS POSSO PARAR DE PENSAR…

- domingo, 6 de dezembro de 2015

meditar 2 Eu sou um pensamento que nunca, jamais se desliga da Fonte. Eu posso até conscientemente e deliberadamente meditar e colocar o ego, esse meu sistema de crenças que nunca para de pensar, a ficar quietinho por algum tempo, algo em torno de um nanosegundo, enquanto limpo o máximo que posso a minha mente, chegando a menor resistência que eu posso chegar do meu próprio Bem Estar, fazendo a minha mente acessar a Fonte, ainda consciente, sem eu deixar de ser, esse ser físico que penso repetidamente, há menos de cada nanosegundo, ser quem eu sou agora, sem deixar de ser essa extensão da Fonte em eterna expansão, sem deixar de estar na linha de ponta do pensamento. É na verdade, eu ego, acessado a eternidade ilimitada de energia e informação de puro Bem Estar, ainda nesse mundo físico, nesse mesmo corpo físico limitado pelo tempo e espaço.

Embora eu consiga fazer isso, os budistas já faziam isso meditando, todos os homens gênios também o fizeram, ou seja, todo ser que o homem comum diz ser iluminado fazem isso. Mas, nunca haverá a menor possibilidade de eu me permitir um acesso maior a energia e informação de Bem Estar que é tudo, a mais do que o meu próprio sistema de crenças que criei copiando e pensando mais, já me permita acessar agora. Esse acesso sempre será limitado pelas minhas crenças que realimentam o ego e que reforça ainda mais essas mesmas crenças, que são as mais ativadas pelo meu foco e atenção. Seja eu mais deliberado e consciente ou um mero observador reagente. O maior problema do ser humano é que tudo é sempre mais, e ele ainda se apega a só realimentar as suas velhas crenças resistentes e limitadas criadas há mais de 2.000 anos trás ou mais. Esse Universo já chegou a crença das infinitas possibilidades e ninguém pode ser menor do que já é. Estamos em eterna expansão…

Ou eu sou mais consciente e deliberado no que eu penso e sinto agora, trazendo sempre o ego para o meu natural fluxo de energia e informação de Bem estar, ou eu mesmo me torno um mero observador reagente ainda nessa experiência, esperando apenas bater as botas, voltar a ser energia e informação de novo. Porque quando inconsciente e não deliberado, é o meu sistema de crenças resistente e limitado, ainda desalinhado com a Fonte de Bem Estar, que passa a dar o ponto de atração, para que mais pensamentos sejam atraídos, fazendo tudo ser apenas mais do que é. E mesmo nesse mundo físico, o que me excita mais é ser parte ativa da expansão de mais liberdade, e a própria felicidade que é eterna, que é tudo o que existe, Bem Estar. Tudo é uma questão de escolhas… Tudo está bem no meu mundo. Apreciando por demais a minha vida…

VIVER… E NÃO TER A VERGONHA DE SER FELIZ…

- domingo, 23 de agosto de 2015

gonzaguinha3 Para a grande maioria é apenas a letra dessa musica linda que o Gonzaguinha cantava. Eu mesmo tive o prazer de conhece-lo e recebe-lo em Friburgo, num evento realizado em conjunto com a rádio Sucesso FM, onde na época eu me divertia muito com o meu amigo Cesar de Alencar filho, ganhando o meu dinheiro, para ser ainda mais feliz. Para meus amigos budistas a musica do coral de 4.000 vozes na abertura da Rio Eco 92 no Maracanãzinho. Para mim uma premissa que eu mesmo criei desde criança. E eu sempre disse isso a todas as pessoas que eu conheci até hoje: “A minha felicidade só depende de mim mesmo, então você está completamente fora dessa equação.” E, eu mesmo demonstrei isso a minha vida toda, sendo sempre muito mais feliz, jamais me importando com o que eles estavam fazendo. Continuei me sentindo bem, nunca me importando com o que ou com as circunstâncias.

Eu sai de casa com os meus 13 anos e me mantive feliz. Eu tive um pequeno susto com minha primeira filha, coisa que qualquer um desabaria, e isso quando ela tinha apenas dois meses de idade e jamais deixei de ser feliz. Eu me separei e deixei tudo para trás, inclusive filhos e netos, e vim para ser ainda mais feliz no nordeste. E assim eu nunca dei essa responsabilidade de eu ser feliz a qualquer outra pessoa. A minha felicidade sempre dependeu apenas do meu foco e do meu deliberado modo, de como eu me sinto agora. E assim, eu adoro todos eles que já passaram por minha vida e os que ficaram. Porque a única razão que eu tive, que me fez não amá-los em algum momento por pequenos momentos, é porque eu mesmo, naquele exato momento resistente, estava apenas usando eles, como a minha desculpa para não me sentir bem. E depois que eu acessei as informações Abraham, que vem me confirmando tudo isso que eu mesmo já vivi e ainda vivo hoje, ai mesmo que não tem como eu deixar de ser muito mais feliz, agora…

EU SEMPRE RADICALIZEI TUDO…

- quarta-feira, 13 de maio de 2015

Adoro ser novo As coisas mudam para mim, sempre muito mais rápido do que para as pessoas que eu convivi ao longo de minha vida, tudo porque eu sempre tomei decisões radicais. Bem no meio de uma família resistente ao Bem Estar, onde tudo era proibido pela religião, eu me tornei livre, isso já aos oito anos de idade, quando eles acharam que iam me ajustar, eu sai de casa com apenas 13 anos, numa cidade onde eu não conhecia ninguém. A minha vida foi e é, em cima de tomar decisões. E qualquer coisa que me leve a uma decisão, sempre é e será respondida. Foi assim que eu conheci as respostas com a Lei de Causa e Efeito e o budismo. Eu já era livre e amante da liberdade, saber que eu poderia a qualquer momento criar uma nova causa e assim mudar o efeito, me deixou em total alinhamento com quem eu realmente sou.

Quanto mais forte a decisão é, mais rápido ela está respondida. E foi assim que eu conheci as respostas vinda dos Abraham, da física Quântica, Bashar e Osho, e foi logo depois que me separei, e me vi longe dos meus filhos que eu amo e vim embora para o nordeste e uma nova vida. Então, todas as vezes que eu estive em uma situação onde tudo parecia mesmo ser uma coisas de vida ou morte, onde o desejo é realmente muito mais forte, a situação também é respondida agora, porque ela deve ser respondida agora, a ser respondida em tudo. Hoje eu tenho a minha própria filosofia, sou; livre, feliz e expansivo em tudo. Eu sou uma extensão da Fonte de Bem Estar em eterna expansão. E assim relembrei que meu cérebro é apenas um mecanismo de foco. Onde eu apontar o meu foco, onde eu der a minha atenção, já estando muito feliz só em focar, eu mesmo faço tudo acontecer, aqui e agora.

ORIENTAÇÃO VOCACIONAL…

- sexta-feira, 20 de março de 2015

jovens-felizes Um amigo budista me fez um pedido, ele queia que eu desse uma palestra para jovens,sobre como descobrir a sua vocação. E o que mais o espantou é que ele mesmo descobriu que sua vocação era outra e não aquela que seguia a anos, e assim mudou radicalmente seu negócio e hoje está muito bem. Eu quando cheguei a sala já estava cheia, os jovens tinham convidados seus amigos de faculdade e como muita gente ainda é indecisa, tem gente que se forma e ainda não sabe o que quer, assim, lotamos o local de gente querendo saber como descobrir a sua própria vocação e ser um sucesso.

Eu comecei a palestra relembrando a inerente tríade de intenções que todos nós trazemos desde que nós formamos no útero de nossas mães, e que é a maior vocação de todos que vieram viver essa experiencia terrena e que todos sem exceção, já nasceram capacitados, com as melhores ferramentas, e totalmente permissivos a viver isso ou não. Todos nós temos a vocação para ser realmente; livres, felizes e expansivos, agora. Qualquer coisa que alguém escolha, seja um; pensamento, um relacionamento, uma coisa ou um evento, ela pode estar se sentindo bem ou não em; ser, ter ou fazer isso, sempre o objetivo final de tudo é se sentir; mais livre, mais feliz e mais expansivo.

Então, o grande jogo divertido é começar sua vida pelo final. Se tudo o que eu quero é ser mais feliz, e eu começar isso já sendo muito mais feliz, o meu objetivo já está garantido. Eu só preciso decidir o que eu vou querer ser de agora em diante. Um criador deliberado de mais, nessa mesma realidade em que entrei e poder me expandir mais para outras infinitas realidades paralelas ou ser apenas um observador reagente, limitado as realidades paralelas muito parecidas com a atual, muita gente ainda pensa que vive apenas numa realidade. O caminho de menor resistência é; pensar mais em tudo que lhe lembre a sua maior vocação, sentir mais a sua maior vocação em tudo e focar em tudo que lhe lembre sua maior vocação. Na hora que você seguir esse caminho, ao se sentir num grande self service emocional, onde você escolhe apenas o que lhe faz se sentir melhor, com certeza, encontrará algo que o arrebatará, será algo que mais se parece com uma grande paixão, e é isso que você deve fazer, essa é a sua vocação de agora, só que qualquer um pode ter muitas e muitas vocações de sucesso, basta sempre seguir sua tríade de intenções.

Karma, nessas horas toda karma é poca…

- sábado, 14 de fevereiro de 2015

karma Essa coisa de Karma, foi uma das coisas que eu mais discuti com todos os outros dirigentes do budismo, e isso é mais uma falsa premissa criada por pura resistência ao fluxo de Bem Estar. Nesse caso,resistência ao estado de Buda. Ninguém colhe aquilo que fez no mês passado, amanhã ou daqui a um mês, muito menos o que se fez em outras vidas passadas, primeiro que se tudo é eterno, não existe vidas passadas, existem vidas se expandindo, e já que eu sou eterno e em pura expansão. Essa coisa de Karma nunca existiu, tudo o que eu tenho agora é resposta exclusiva a minha vibração de agora. Eu jamais tenho um efeito agora, de uma vibração de uma hora atrás, só se eu voltar a pensar nisso de novo, porque eu só tenho o efeito do que eu penso agora.

O que confunde as pessoas é que a falta do que elas querem, seja de um; corpo legal, saúde, dinheiro ou um relacionamento, tudo é o resultado de muitos momentos repetidos e ainda se sentindo mal e é sempre a própria pessoa quem continua a perpetuar tudo isso, repetindo isso muito mais vezes. Um exemplo simples e bem claro. Eu pensei num carro que desejo e acabei focando mais no que eu não queria agora, pensei na falta de dinheiro para ter o carro, ou como ter essa grana, isso só me trás mais ausência de Bem Estar nesse objeto de desejo focado agora, que é o carro dos meus sonhos, eu me sinto mal e isso é o natural. Mas, eu não me importei e continuei focado nisso por mais de 17 segundos, nessas mesmas coisas que já não me trás mais Bem Estar agora, então eu sinto de novo, mais ausência do Bem Estar e tenho um desconforto ou mal estar. Mas, algo aconteceu, uma musica tocou e eu lembre do amasso gostoso que eu dei na minha mulher, eu nesse exato momento, parei por alguns segundos de apreciação, a continuar fazer aquilo que eu não queria ser mais.

E isso é o que é um poderoso alivio, alguma coisa que foquei que parou de fazer com que aquilo que já criei antes, e que ainda me fazia sentir um mal estar, parar de ser mais, e agora eu estou maravilhosamente bem. Mas, no momento seguinte, eu mesmo já volto a pensar de novo naquilo que não vai me trazer o carro, nessa coisa que eu não quero, e como tudo que eu foco agora, eu sempre o transformo em mais, aquilo que antes era um desconforto que está crescendo com cada volta do meu foco de agora, naquilo que não quero, vira um problema grande para mim, porque até passa a faltar dinheiro para outras coisas, não porque eu comecei a pensar nisso que não quero há alguns anos atrás, mas é porque nada focado agora pode ser menor do que já é. Essa é a verdade. A causa é o pensamento de agora, o efeito o que eu sinto que se torna minha realidade. Cada foco meu em algo, desejado ou indesejado, faz isso se tornar mais agora. Se você parar de focar no que não quer, jamais sentirá o efeito indesejado, que você já criou e que sempre vai existir esperando o foco de alguém para ser mais. Mas, você jamais precisa fazer isso que sabe que jamais iria querer experimentar, sempre se tornar mais… Use suas escolhas mais deliberadas de onde focar mais para isso sim, ser eternamente mais…

GRATIDÃO X APRECIAÇÃO…

- sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

minha vida Eu desde a minha época de solteiro, tive muitos amigos que trabalhavam em bancos privados e estatais, minha madrasta mesmo, se aposentou no Casex do Banco do Brasil em Manaus, tive muitos amigos que viraram gerentes de muitos bancos; Caixa, Bamerindus, Banerj, Itau, Nacional e muitos outros, quando eu fazia festas para os confeccionistas, aqueles que tinham produtos no meu supermercado de moda intima, todos iam, alguns quando eu esquecia de convida-los eles se convidavam, todos esses amigos meus eram muito gratos, principalmente os dos bancos estatais, pela sua estabilidade, pela sua liberdade e mesmo assim, com todas essas evidencias de muito dinheiro rolando, todos sempre tiverem dificuldades de ter muito dinheiro sobrando, tudo deles foram comprados por financiamentos e empréstimos bancários. Numa desas reuniões alguns me perguntaram, como é que você consegue dar viradas na sua vida, da noite para o dia, como no caso em que você quase faliu?

Uma semana atrás você tinha uma divida muito grande, maior que tudo o que você tinha; editora, jornais, agência de publicidade, maquinários da gráfica e mais os carros e telefones, na época telefones custavam caro, mesmo com tudo isso, não davam para cobrir nem 20 % das suas dividas em vários bancos, tudo bem que tenha sido fruto de desvios de seu gerente com seu sócio, mas uma semana depois, você já não tinha divida nenhuma e ainda tinha carro e dinheiro para montar um novo negócio, como pode alguém quase declarado falido, mudar o jogo?

A diferença é que mesmo eu sendo budista, eu era dirigente budista naquela época, eu nunca curti essa coisa de gratidão, porque eu sei que tudo, até esse contraste com meu gerente e meu sócio, fui eu mesmo quem criei, eu nunca fiquei agradecendo a ninguém, nem ao Buda. Muita gente sempre me chamou de egoísta por isso, e eu sou mesmo egoísta com muito orgulho. Eu apenas aprecio tudo o que tenho, por isso eu sempre tenho mais do que eu mesmo aprecio na vida, eu aprecio até o dinheiro dos outros, se vocês também passassem a apreciar mais que ter gratidão por conseguir suas coisas com sacrifício e trabalho duro, também teriam muito mais de tudo o que apreciam… Eu não sou grato nem pela sua amizade, eu simplesmente a aprecio…

Ainda querendo mudar o reflexo do espelho?

- quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

reflexo (1) Tudo o que existe na vida, nessa minha realidade é um reflexo do que se passa na minha mente, todas as vezes que eu realmente mudei o que eu mesmo pensei por anos, que isso não estava me deixando sentir bem, e que eu mesmo tentei duramente por muitos anos, sempre fazendo coisas para tentar mudar o mundo, como os meus muitos anos de budismo,; indo e fazendo reuniões, dando palestras, praticando exercícios diários, eu realmente só mudei a minha realidade num piscar de olhos, quando mudei a minha própria forma de pensar. Eu mudei a mim mesmo e não o reflexo.

Todo o sofrimento humano vem dessa tentativa de mudar o seu próprio reflexo, as pessoas querem ver e sentir o reflexo de Bem Estar no espelho da vida, ainda com a sua cara de suor e de preocupada em mudar o seu próprio reflexo. Bastava ele sorrir mais… Se divertir mais… Relaxar mais… Apreciar mais… E o reflexo automaticamente seria o de Bem Estar. Tudo é apenas crenças resistentes ao Bem Estar. Todas as dificuldades, sejam elas quais forem, nunca fazem parte da criação de mais Bem Estar. Criações e manifestações são instantâneas. Sem eu mesmo manifestar coisas o tempo todo, jamais existiria essa realidade que eu vibro agora. Toda a dificuldade de manifestar é que as pessoas só criam no que elas mesmas acreditam que seja possível. Tudo que você mesma acredita que é verdade e que é possível se manifesta imediatamente…

A prova real, sempre é a mais importante?

- segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

meditando Ser feliz é a prova mais importante de existir vida… Um dos motivos de eu mesmo largar a filosofia oriental, e criar a minha, eu deixei de praticar o budismo porque ele mesmo diz que existem três provas para se ver, se uma filosofia é realmente verdadeira; a documental, a teórica e a real. Mas, na verdade, tudo isso é só mais uma coisa do EGO resistente ao fluxo natural de Bem Estar. Qualquer um pode documentar o que quiser, veja quantas formulas de emagrecer existem, e todas elas documentadas. Qualquer pessoa pode teorizar o que quiser, a sincronicidade negativa ou positiva vai lhe fazer mais racional e mais objetivo sobre o foco. Qualquer um pode encontrar a prova que quiser, porque todos vão sempre encontrar o que procuram, comprovando o que querem. A física Quântica diz… TUDO É ENERGIA… Os átomos sempre respondem ao pensamento do observador. A própria Lei da Atração, eternamente, antes do ego criar a física Quântica para tentar explica-la, ela a LDA, já fazia os átomos se agruparem por semelhanças de frequências e vibrações, para assim ganharem as densidades exatas e diferentes, para dar a forma ideal física a essa vibração emitida por você ao pensar. Sacou agora que você nunca vai estar errado? Ou sua ficha ainda não caiu?

Sempre que eu estou me sentindo sem energia eu melhoro meu estado emocional com apenas 15 minutos de meditação deliberada, mas essa melhora sempre se estende para muitos dos meus outros momentos do meu dia a dia. Porque quando eu tomo uma decisão deliberada de só olhar para os aspectos positivos em tudo que aparece nessa minha experiência que está se desenrolando agora, eu sempre crio uma expectativa positiva que realmente irá permitir uma manifestação imediata das provas para apoiar essa minha mudança vibracional agora. A verdade é que, quanto mais eu olhar para os aspectos positivos da minha vida atual, mais os aspectos mais positivos, sempre se apresentarão e se revelarão para mim agora.

Durante esse meu processo de meditação deliberada de 15 minutos só focando na minha respiração profunda, limpando a minha mente de pensamentos do ego, eu sempre encontro uma maneira de sentir mais a abundância, sem a necessidade de ver a evidência disso. Mas, com o tempo, eu mesmo venho me tornando capaz de ver o que eu não era capaz de ver antes. E acredito que com um pouco mais de tempo, eu mesmo vou me tornar completamente um feliz expectador das infinitas coisas boas, entrarem em minha vida… O caminho mais rápido que eu encontrei para trazer mais e mais, maravilhosos exemplos de abundância em minha própria experiência pessoal, foi a de tomar muito mais conhecimento e constante, das coisas mais maravilhosas que eu pude encontrar, seja no meu dia a dia, nos livros, na internet, essas coisas que já estão bem ai na minha frente. A abundância que eu mesmo permito apenas focando mais nela, é sempre uma combinação perfeita para mais expectativas positivas e felizes em mim mesmo, agora…

Confraternizações, Natal e Ano Novo… Comemoremos muito, o mundo é uma só festa…

- domingo, 21 de dezembro de 2014

foguetes de desejos Esse é o melhor momento de minha vida… Tudo está bem… Vamos aproveitar isso tudo para criar mais novas crenças libertadoras? Fui budista por quase 30 anos, desde os meus 13 anos quando sai de casa para comemorar mais a minha; liberdade, felicidade e ainda poder me expandir mais. Mas, mesmo assim, eu nunca deixei de comemorar natal ou qualquer outra data festiva, como dirigente budista eu já fiz um casamento caipira budista, bem no feriado de São João, alugando um espaço de freiras católicas que cuidavam de pessoas idosas e todos participaram e adoraram toda a festa, até os mais céticos budistas que viajaram só para ver como seria isso possível, e até alguns católicos da cidade também.

Ainda é um pouco difícil para as pessoas chegarem a ponto onde, elas mesmas não mais estarão dispostas a ouvir as outras pessoas criticarem umas as outras… Afinal! Cada um só vai até onde as suas crenças atuais o permite ir. Até para mim mesmo, que venho praticando a Lei da Criação Deliberada de minhas próprias e novas crenças libertadoras, ainda caio nessa sincronicidade negativa algumas vezes, porque como eu ainda carrego comigo essas velhas crenças resistentes que eu mesmo criei e que nunca poderei exclui-las, ainda não fico em alguns momentos, sem tomar nenhuma satisfação de alguém por eu mesmo, em alguns momentos achar que alguém ainda está errado…

Eu pratico e adoro a Lei da Permissão, eu desejo chegar a um ponto, onde o que mais importa para mim, é eu mesmo me sentir bem, onde eu só estou disposto a pensar mais em coisas positivas sobre pessoas… Como em algum momento do meu dia a dia, eu pensar assim… Eu prefiro que a minha KK esteja demorando a chegar em casa, por estar comemorando com os amigos, do que eu mesmo pensar em algo, para que eu mesmo venha só a me preocupar mais. Então, final de ano, incio de um novo, eu decido a só estar mais disposto a olhar para os aspectos positivos de tudo e das pessoas… Eu só estou disposto a procurar soluções, e eu só estou disposto a bater o tambor em cima de todos as comemorações felizes do mundo…