Posts com a Tag ‘Budismo’

O POR QUE DESSE GRUPO EXISTIR?

- quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

mosaico 3 Antes da Internet e o Orkut existir no Brasil, eu era um dirigente budista, e eu via que é mais fácil criar novas crenças em grupo, quando mais gente fala mais sobre as mesmas coisas, e os relatos de experiências das pessoas ajudam umas às outras e também é mais fácil ver onde ainda estamos precisando praticar, ao ver as pessoas que atraímos para o nosso convívio. E quando conheci os Abraham pela Internet, eu realmente me encontrei…

Hoje tenho esse grupo no Face, e as pessoas continuam dizendo. “Bem, eu tenho que trabalhar mais em meus objetivos”, ou “Eu tenho que trabalhar mais na minha visualização”. E os Abraham continuam repetindo. “Nós queremos que você pense mais sobre manter a visão porque é prazeroso manter a visão, não porque você está tentando fazer a visão funcionar para chegar a algum lugar que você ainda quer estar. “Quanto devo trabalhar?” Nós diríamos, trabalhe no sentido de progredir alegremente”…

Eu deixei a palavra “trabalho”, que é uma palavra que eu mesmo aboli da minha vida há muito tempo, eu me divirto ganhando dinheiro, eu me divirto praticando jornadas emocionais por caminhos de menor resistência, eu deixei de propósito porque a maioria que fazem parte desse grupo ainda não aboliu. E é fácil ver como essas resistências ainda são realimentadas pelas próprias pessoas. Mas, estou feliz em já encontrar com mais algumas pessoas, que estou já atraindo, por estarem também querendo progredir alegremente, e isso mostra que o meu ponto de atração já mudou…

ADORO E APRECIO MEDITAR…

- domingo, 17 de fevereiro de 2019

mulher-meditar A meditação é realmente uma ferramenta poderosa. Quando eu ainda era adolescente, eu aprendi a meditar com o budismo, não era tão prazeroso como agora, porque o modo como eu fazia, me tirava toda essa liberdade e a felicidade de meditar, apenas por meditar e, até mesmo o momento quando eu quisesse meditar, era, mas como uma obrigação, tinha que ser todos os dias, de manhã e à noite, quando não fazia tinha cobrança e, eu ainda fazia por horas para realizar os meus objetivos. Mas, quando tinha um problema grave de saúde, seja da minha filha ou até de outros budistas, passávamos dias em maratonas de meditação…

Hoje eu medito em qualquer lugar, apenas no máximo de 15 a 21 minutos, e quando eu sinto que tenho um pensamento muito resistente, desses que o ego já está colocando ele em sincronicidade com mais pensamentos semelhantes, já reforçando esses pensamentos indesejados, eu primeiro procuro um alivio, se não passa eu medito, ou seja, limpo a minha mente desses pensamentos que me fazem sentir mal ou um desconforto e, em 3 ou 6 minutos de meditação prazerosa, só focando na respiração, e assim, eu mesmo paro o ímpeto, esse impulso, esse movimento repentino de algo indesejado vir para mim, e ainda melhor, eu permito que toda essa força súbita e intensa, que é a energia gostosa de Bem Estar, traga só as coisas desejadas para mim, e eu já volto a apreciar mais…

A ÚNICA COISA QUE O HOMEM APRENDEU, FOI ERRAR…

- sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

escolas (1) Tudo o que o homem aprendeu com o ego resistente ao seu natural fluxo de energia e informação de Bem Estar, foi errar. A prova disso está nas coisas que existem hoje e que um dia não existia, afinal, nada disso foi ensinado, nada saiu de um livro, de uma escola ou de um professor. O próprio maior inventor de todos os tempos, Nikola Tesla já dizia, tudo vinha prontinho na sua cabeça, nos seus pensamentos, tanto que ele nem precisava colocar no papel ou testar, como ainda fazem hoje, a maioria das pessoas que tentam ser criativos. Mas, é só ver que até as maiores ideias de ainda hoje, também veio prontinha na cabeça de Mark Zuckerberg, e você está usando agora, essa formidável rede social Facebook…

Eu fico rindo de tudo isso. Durante quase 30 anos eu pensava em atingir o estado de Buda, um ser iluminado. As pessoas de outras religiões querem seus momentos com Deus. O ego inverteu tudo. Eu sou uma extensão da Fonte (Deus) de energia e informação de Bem Estar, em eterna expansão, aqui e agora, na linha de ponta do pensamento. Eu estou por momentos um observador. O único estado que eu posso alcançar na vida é de observador, cocriador, em um mundo repleto de contrastes bifurcados. E como o próprio ego, o próprio observador é um contraste, eu também tenho meu lado de Bem Estar e o lado da ausência desse mesmo Bem Estar, que é quando eu estou no estado de observador reagente…

Essa inversão de valores, faz com que as pessoas passem mais tempo como observadores reagentes, porque elas querem fazer mais, ao invés de pensar e sentir mais. As pessoas passam horas fazendo coisas físicas para tentarem atingir um estado que não existe. Ela só teria de parar de fazer fisicamente, e passar a “escolher” mais, a “focar” mais no que lhe traz mais alegria e dedicar mais, a sua “atenção”, a tudo o que elas mais querem que sempre seja mais em sua experiência de vida. Então, a verdade é que tudo o que se aprende nessa vida é errar de caminho, porque sempre a melhor jornada é emocional, vibracional, e o melhor caminho é o da menor resistência, que é relaxar mais e deixar fluir ainda mais, o seu natural e eterno fluxo de Bem Estar…

SOBRE ATINGIR A ILUMINAÇÃO…

- sábado, 14 de julho de 2018

daimoku Eu passei anos procurando por minha iluminação, fiz cursos, participei de retiros, passei em muitas provas escritas, como numa escola comum, fui subindo até ter o nível superior, tive cargos dentro da organização, dei muitas e muitas palestras sobre budismo. Mas, só agora que eu realmente entendi o que é a iluminação literalmente, que é eu mesmo estar mais alinhado com a energia/informação da minha Fonte. E qualquer um pode ser um gênio apenas se concentrando e focando toda a sua energia no que quer e dedicando a sua poderosa atenção naquilo que mais quer, que é o que vai fazer isso ser sempre mais. O resto é se divertir mais e deixar com que a Lei da Atração orquestre todos os componentes cooperativos do Universo. A verdadeira iluminação está sempre se movendo para o ritmo da minha inspiração interna, que sempre vem em resposta aos meus próprios desejos. A iluminação é sobre eu permitir a minha conexão com a Fonte que sou eu, para o cumprimento das coisas que eu defini individualmente, aqui na minha realidade de tempo e espaço. Isso é sempre muito divertido, e tudo isso é muito fácil e completamente livre, porque é assim que sei que eu estou alinhado…

EU SÓ FAÇO O QUE ME DIVERTE AINDA MAIS…

- sexta-feira, 1 de junho de 2018

praia Bv Eu passei grande parte da minha vida tentando fazer coisas, apenas para me sentir melhor, como todo mundo ainda faz. Eu estava com medo de alguma coisa, quase que sem energia, como vive acontecendo até hoje com a maioria das pessoas. Mas, logo me sentia inseguro e isso já melhorava um pouco, eu ganhava mais vibração de energia. Então, eu até me sentia um pouco melhor sentindo raiva de alguém ou de algo, eu sentia que tinha agora mais energia, e me sentia melhor ainda quando alguém se mostrava preocupado comigo, ou com alguma coisa que eu fazia, eu achava que isso era, eu ser amado e pulava de todo contente, e quando eu estava nessa emoção de contentamento, as pessoas diziam que eu devia ser grato, uns a Deus, outros ao Buda, e assim, minha energia não subia mais porque essa coisa de gratidão é um subproduto da emoção de contentamento, tem menos ainda energia do que o contentamento, e todos ainda dizem que isso é o mesmo que eu estar feliz e alegre, e eu parava de subir deliberadamente e despencava de novo, já no próximo medo que me era apresentado, quase que todos os dias. Eu me lembro bem, eu estava contente por ter melhorado, querendo subir ainda mais e logo vinha alguém dizendo, não se empolgue muito, cuidado com os demônios, cuidado com o Sansho Shima. E quem procura, sempre acha…

Hoje, eu mudei minha vida, vivo muito pouco nas emoções da falta ou ausência de Bem Estar. Quando me pego lá em baixo, baixando minha energia, eu dou um giro, eu adoro pivotar, e em menos de 18 segundos, estou de volta ao meu Bem Estar. Quanto melhor eu me sinto, emocionalmente, mais estou permitindo o meu alinhamento com a Fonte. Quanto pior eu me sinto, mais estou resistindo à Fonte. Mas, quando nenhuma resistência está sendo oferecida por mim, o meu estado natural de alinhamento é retomado e o mesmo acontece com o alinhamento entre as minhas células e a minha Fonte. Quanto mais pensamentos positivos eu foco, mais eu permito as minhas células do meu corpo prosperem. É até muito fácil notar essa melhora acentuada na minha; clareza, agilidade, vigor e vivacidade, pois estou literalmente inspirando mais, o meu Bem Estar, até que meus sentimentos crônicos de; apreciação, amor, ansiedade e alegria confirmem que eu liberei toda e qualquer resistência e estão agora, estou permitindo mais o meu natural Bem Estar e tudo é diversão…

O AGORA! É SÓ PRA SER AINDA MAIS FELIZ…

- sexta-feira, 4 de maio de 2018

rindo 4 Eu me lembro daqueles tempos, em que eu estava tão ocupado em ganhar o meu dinheiro, que eu não tinha tempo pra ser feliz. Uma hora eu tinha uma; editora, jornais e uma agência de publicidades, pra tocar, e o resto do tempo era dedicado exclusivamente a minha religião. Eu era além de; empresário, publicitário e gerente de turismo de minha cidade, também um dirigente budista que viajava quase que todos os finais de semana em função da organização budista, estudava os goshos e ainda fazia as provas para ser dirigente religioso, fora as viagens de negócios durante toda a semana, mês a mês. Depois veio a minha campanha publicitária. “Friburgo Capital da Moda Intima”, onde eu além de divulgar a cidade, eu tinha um jornal informativo das confecções de lingerie, um supermercado de moda intima em Friburgo, mais uma loja no Rio, em Ipanema e outra em São Paulo, no alto da Moca, e ainda continuava a ser dirigente budista, agora com um cargo maior e com mais responsabilidades e mais cidades para visitar e dar palestras semanais… Que loucura…

E realmente eu acreditava tanto em minhas ações físicas, para criar tudo aquilo que eu tanto queria, que eu já não tinha literalmente mais tempo pra nada, que até o tempo em que eu criava ou encontrava, para levar os meus filhos ainda pequenos para uma praia, pra nos divertir, eu já me encontrava cansado demais pra desfrutar toda a minha criação, que eu era até muito magro fisicamente. Hoje, tudo já é muito bem diferente, além de eu entender e aceitar que existe muito mais poder do que eu imaginava nos meus pensamentos, que o meu cérebro é só um mecanismo de foco, eu também passei a direcionar mais, focar e dar mais atenção, conscientemente e deliberadamente, a todos os meus pensamentos, e sempre apenas na direção, das coisas que eu ainda desejo, e foi assim que eu descobri, que a minha ação física é apenas uma minúscula parte de toda a criação que é a vida. E agora, tudo flui muito mais; fácil, divertido e alegre, e eu ainda posso desfrutar e apreciar mais, as melhores coisas dessa vida…

EU SOU REALMENTE FELIZ…

- quarta-feira, 28 de março de 2018

apreciando praia Eu sei que sou realmente feliz, porque eu nunca me senti sozinho, ao contrário, eu sempre conversei mais comigo mesmo, eu gosto de ficar quieto comigo mesmo, adoro ler e escrever, e talvez seja por isso que eu sempre pude criar as minhas novas e próprias crenças mais facilmente. E assim, eu não tenho que ficar repetindo os mesmos pensamentos todos os dias, eu nem mesmo faço as mesmas coisas todos os dias, nunca estou com as mesmas pessoas todos os dias. Eu via o espanto na cara das pessoas por eu ser sempre assim. Quando eu era dirigente budista, meu distrito era constituído de muitos municípios do interior do estado do Rio, vinham dirigentes mais graduados da capital, preocupados com o que eu pensava, por eu pensar muito diferente…

O mais importante agora é, que eu passei a selecionar mais, o que eu mais quero sentir. Antes, eu sentia o que pintasse na hora. Agora, eu só quero pensar em coisas que já me façam sentir melhor, nem mesmo importa o que quer que seja. Eu prefiro me sentir bem com qualquer tipo de papo diferente, do que ouvir sempre as mesmas coisas, ou ficar naquela coisa idiota de tentar ser intelectual, pros outros ver. O meu Bem Estar sempre está em primeiro lugar. E isso assusta as pessoas quando digo; eu sou feliz sozinho e sou feliz acompanhado, sou feliz com você e sou feliz sem você, sou feliz sem isso ou aquilo, eu sou feliz de todo e qualquer jeito. Estar sempre mais alinhado com quem eu realmente sou, me faz sentir mais; liberdade, felicidade e ainda viver uma eterna expansão…

A MINHA MÃE E OS NOSSOS VELHOS AMIGOS BUDISTAS…

- quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

minha-mae Acabei de visitar minha mãe, nessa viagem de final de ano à Friburgo, ela começou a tentar reclamar sobre a ausência das pessoas que também ainda são budistas, que nem ela. Minha mãe está vivendo agora, em uma ótima casa, ampla e arejada, que cuida muito bem de pessoas que já não podem morar mais sozinhas ou com seus parentes, que tem as suas próprias vidas para gerir. Eu nem deixei ela continuar a falar. Eu tentei lhe mostrar que isso é até muito bom. Embora ela esteja sendo muito bem cuidada e num lugar ainda melhor do que, aquele em que ela morava antes. Mesmo assim, ela ainda quer passar para as pessoas, a sua situação de falta de liberdade para sair a toda hora, seu desconforto de sentir as necessidades, até de ter mais visitas. E é isso que à impede de atrair o que ela mais quer, mais pessoas lhe visitando. E tem mais, as pessoas que por também estarem desalinhadas com o Bem Estar delas, que enxergarem essas suas necessidades, essa situação de falta, elas lhe visitando, jamais podem lhe ajudar em alguma coisa. Ao contrário, elas só vão expandir ainda mais e mais a sua falta e as suas necessidades.

Ninguém pode ajudar alguém sem ele mesmo já estar no seu próprio Bem Estar, e quem está no seu natural Bem Estar, jamais vai enxergar falta ou necessidade de alguém ou em alguém. E por ele ir lhe visitar e levar o seu Bem Estar, ele sim pode mudar a sua vibração, e assim lhe ajudar com suas células que ainda estão muito carentes de energia e informação de puro Bem Estar que você mesma resiste ainda pensando nisso que não quer. Só quem já se sente inspirado em levar o seu próprio Bem Estar, com o intuito de apenas participar mais, da sua felicidade do momento, desse encontro, tem algo realmente que pode lhe ser útil e benéfico para a sua saúde e paz. Seja mais feliz e atraia apenas mais pessoas felizes, que apenas lhe façam se sentir criança novamente. Esse é o melhor presente que um visitante pode lhe dar. E agora, vem o mais importante, para a energia, não existe distância, se a senhora pensar em mim, num momento seu, estando feliz, eu me benefício com isso, do mesmo jeito eu também lhe benefício, pensando muito feliz em você, aqui do Recife, ou de onde eu estiver no momento.

A MEDITAÇÃO, A RELIGIÃO E A CIÊNCIA…

- segunda-feira, 31 de outubro de 2016

daimoku Eu pratiquei budismo por mais de 30 anos, e meditava muito ao fazer o Daimoku, ou seja, ao recitar um mantra budista, as vezes por; alguns minutos as vezes horas ou dias, dependendo da circunstância indesejada ou do objetivo a alcançar. Embora se estude o budismo como outra qualquer disciplina escolar, tem que se fazer provas de; 1º e 2º grau, depois grau médio e superior, se tem de ler; jornais, revistas e muitos livros, muitas reuniões e infinitas palestras, nunca, em momento algum, se falou a verdade sobre o porquê, da recitação do mantra, sobra essa meditação que a maioria ainda faz, mesmo sem ainda saber o porquê?

Tanto a religião quanto a ciência, só conseguem explicar até onde as crenças que as criaram, esses pensamentos repetidos em exaustão, os permitem ir. Eles usam e muito o reforço da sincronicidade resistente ao Bem Estar, tudo para poder sobreviver. A religião, sendo a forma de comercio mais conhecida e mais rentável em todas as partes do mundo, cria sempre um aspecto místico ou divino em volta da meditação, para dar a impressão que só aquele mantra funciona, e assim garantindo a sua própria sobrevivência. E para que essas crenças sejam difundidas nas sociedades como uma base do pensamento da maioria, cada uma das religiões criaram suas próprias; escolas, faculdades e Universidades, todas sempre usando a sua física newtoniana, limitando tudo para que as pessoas não tivessem acesso as infinitas possibilidades. E assim a ciência escolar ainda tenta dar a lógica e a razão para a meditação, sem na verdade, mostrar a real função da própria meditação.

Uma coisa ninguém pode duvidar. Nada, nenhuma coisa, que um dia não existiu e que existe hoje, saiu de uma escola ou religião. A própria meditação veio primeiro a mente humana por um desejo, alguém recebeu essa informação sozinha, sem um religioso ou professor para lhe ensinar o que ainda não existia, e ele, foi quem ensinou as outras pessoas a meditarem, a repetirem isso que ele mesmo conseguiu sozinho. Tudo porque, informação alguma, esteve no cérebro humano, antes dele mesmo pensar e criar suas próprias crenças, o cérebro é só um mecanismo de foco, toda e qualquer informação do Universo está na Fonte de energia e informação de Bem Estar, e para acessa-la, até agora, eu só conheço dois meios: Entrar no meu próprio vórtice através da mistura das sensações maravilhosas de mais; Alegria, liberdade, amor, poder e apreciação, que sempre inspira alguém e através da limpeza dos pensamentos do ego, que é o que é a meditação, simplesmente limpar a mente dos pensamentos do ego.

EU PRECISO PASSAR ISSO PARA ALGUÉM…

- domingo, 10 de abril de 2016

falar para alguém Eu passei muitos anos dando muitas palestras pelo Brasil, sobre; budismo, revolução humana e como ser mais criativo, e depois da chegada dessa maravilhosa Internet e suas redes sociais, eu passei a escrever mais, agora sobre a minha própria e nova filosofia de vida, que é ou se resume em uma só frase. “Ser feliz antes de tudo é tudo”. E foi ai que eu me encontrei com vários outros acessos importantes a Fonte de energia e informação de puro Bem Estar. O primeiro que me relembrou que se eu quisesse realmente conhecer o segredo do Universo, e ainda ter cada vez mais acesso e ser mais consciente e bem mais deliberado, do que eu já era, foi o Nikola Tesla, me dizendo que tudo se baseia em; energia, frequências e vibração. Depois vieram; os Abraham, Bashar e Osho, e até a parte racional disso tudo, a física Quântica, que me relembraram cada vez mais, quem eu realmente sou, agora, e como tudo funciona.

Do mesmo jeito que eu também queria passar tudo isso para outras pessoas, a maioria quando ouve ou lê algo que eu penso e escrevo, e que ela acha isso importante, ela logo diz. Vou passar isso para essa pessoa, ou, o fulano ou a minha mãe precisa muito disso. Mas, a pessoa que realmente precisa fazer alguma coisa, jamais é essa pessoa que ela está pensando. A pessoa que precisa fazer alguma coisa, é ela mesma. Sempre sou eu mesmo. E do mesmo modo, existiam e ainda existem hoje, as pessoas que ainda não merecem mesmo, os meus bons pensamentos. Em outras palavras; “Eles são realmente maus. Elas não prestam. Eles estão errados! Elas são inadequadas. E eles realmente não merecem mesmo os meus bons pensamentos”, e eu teimosamente não lhes dou qualquer bom pensamento, ao contrario. E eles podem não merecer os meus bons pensamentos. Mas, eu deveria faze-los. Porque eu mereço os meus bons pensamentos sobre eles. Isto é o que a Arte da Permissão é. É permitir que o meu próprio Bem Estar, se sobressaia em toda e quaisquer circunstâncias. Só o que realmente importa é o meu sentimento, esse meu natural fluxo de Bem Estar.

Então, hoje eu digo mais; esses políticos realmente me mostram tudo o que eu não quero, aprecio por de mais, eles estarem me mostrando fortes evidências disso tudo que me deu mais clareza sobre o que não quero. Os professores realmente ainda são os mais analfabetos Quânticos que eu conheço, mas foram esses seus lados da falta de Bem Estar aflorado, que me mostraram isso, e por isso eu os aprecio, agora. Os religiosos são os egos mais resistentes ao fluxo de Bem Estar, que eu jamais poderia encontrar, mas foram essas evidências que me fizeram buscar mais; liberdade, mais felicidade e mais expansão. Eu adoro ser bem mais feliz agora, e nada é mais importante para mim do que a minha própria felicidade. Eu adoro minha mulher, meus filhos e meus netos, mas a única coisa mais valiosa que eu posso lhes dar é, a minha própria e eterna felicidade, como exemplo de vida, aqui e agora.