Posts com a Tag ‘Bia’

DE ONDE EU ESTIVER…

- sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Bia e Teresa Eu sou muito mais energia não física do que físico, portanto eu não tenho barreiras alguma, nem tempo e muito mesmo distância, para estar mais alinhado com quem já está bem mais alinhado do que eu. Eu moro no Recife e tenho em Salvador, o meu lindo sobrinho Will com um pouco mais de dois meses e em Friburgo, a minha neta maravilhosa a Teresa, com menos de dois anos, ambos são criadores geniais e que acabaram de chegar do não físico, que estão ainda se sentindo muito fortalecidos. E que se fossem deixados à própria sorte, não se perderiam. Eles manteriam a dignidade; eles manteriam seu sentimento de Bem Estar. Eles prosperariam, a menos que lhes fosse ensinado o contrário. Em outras palavras, se os outros já mais resistentes, não fizerem algo para mudar sua vibração, eles estarão sempre em uma vibração de prosperidade. E como eu sou um dos poucos que sei quem eu sou, que tenho a clareza disso, e ainda com todo esse conhecimento que eu mesmo pedi e permiti que a Fonte me desse acesso. Eu mesmo já posso me alinhar mais facilmente com eles e relembra-los de quem eles realmente são, isso de onde eu estiver, eu só preciso praticar mais e mais pensamentos de bons sentimentos e ser até muito mais exemplo de como experimentar melhor, todo esse maravilhoso e natural fluxo de Bem Estar…

Qualquer pessoa pode mudar sua vida em 30 dias…

- sábado, 25 de janeiro de 2014

Ivete e Bia Ou se quiser, apenas sempre fazendo um 69 gostoso… E não é sexo e nem coragem, é escolha, é escolher ser mais feliz, aqui e agora. Eu sempre tive essa mesma intuição que os Abraham tem e tanto falam sobre hábitos, afinal nós somos seres formados por hábitos. Então, eu sempre afirmo que, em 30 dias se muda tudo na vida de uma pessoa. Esses dias mesmo eu escrevi que, se uma pessoa passar, apenas 30 dias, sem deixar que um só pensamento, que não a faça se sentir bem, que ele jamais passe por míseros 17 segundos em sua mente, sua vida mudaria como se fosse da água para o vinho.

Geralmente, leva cerca de 30 dias para mudar um hábito, seja ele qual for. E jamais é preciso de 30 dias para todo mundo, os egos são diferentes, temos diferentes crenças. Mas, qualquer pessoa poderia fazer essa mudança, em apenas 69 segundos. Se uma vez que ela já fez isso agora, pudesse manter essa sua vibração gostosa sempre lá… Mas, você tem que tomar essa decisão de uma forma consciente. Sentiu um desconforto qualquer, jamais deixe ele passar de 17 segundos. Sentiu um mal estar qualquer, por qualquer coisa ou uma pessoa, tire o seu foco imediatamente disso, antes que isso complete 17 segundos em seus pensamentos, que geram sempre sentimentos.

O alivio que você mesmo vai encontrar, nunca importa. No meu caso, pode ser eu pensar nas coxas gostosas da Ivete Sangalo ou na minha neta, se levantado da areia da praia e gritando… Calma vô! Calma que eu vou te salvar… Isso me faz feliz agora… O que importa mesmo, é eu voltar a me sentir bem, aqui e agora. Que se dane todas as convenções. Sou eu quem escolho o alivio que mais me faz sentir bem agora. Minha mulher está querendo discutir comigo agora… Eu olho para ela e penso que ouço… Você quer fazer sexo gostoso comigo agora? E ainda respondo, quero sim, você não precisa ficar ai toda nervosa… E caio na gargalhada… Ela não entende nada, porra nenhuma. Mas, que funciona, funciona!!! Como funciona…

Colapsando a função de onda…

- terça-feira, 24 de setembro de 2013

Nayana, Bia e Arthur Eu colapso a função de onda a todo o momento, e com isso eu mesmo crio a minha própria realidade, sempre armazenando tudo no meu próprio subconsciente, e fui eu mesmo quem colapsei todas as funções de onda para mim e, por mim mesmo armazenadas, então isso é muito real mesmo…

E é por isso que acreditei por muito tempo que, tudo era matéria, que eu precisava trabalhar duro, ou fazer um esforço físico danado, para ter as coisas que eu desejava ter e, isso era a minha crença dominante. Eu estava absolutamente convencido disso, porque fui eu mesmo quem criei tudo isso no meu sub, pensando e sentindo isso, muitas e muitas vezes. A minha verdade era essa…

Até que começaram a acontecer pequenas coisas que me fizeram perceber que, isso era apenas mais uma falsa premissa, uma crença limitante que, eu colapsei por muitas e muitas vezes, copiando vibrações dos meus pais, depois repetindo coisas das religiões deles, que me faziam apenas colapsar mais disso, e ainda me colocaram em suas escolas burras, se é que isso pode ser chamado de escola, porque todas elas só me ensinavam mentiras em cima de mentiras, a começar que a educação muda a vida das pessoas para melhor, é só ver a vida dos próprios professores, eles; ganham mal, são desprezados pelos políticos, vivem reclamando da vida e ainda se sacrificam, dando duro danado, acreditando nas suas próprias mentiras que, eles aprenderam nos fazer; repetir, repetir e repetir, e o pior, sentindo como se essas mentiras como se fossem verdadeiras. Criando apenas escravos para a indústria do fazer, apenas para quem sabe um dia; ser, ter ou fazer… O que realmente gostam.

E assim, todos eles, só me obrigavam a engolir goela abaixo e até a criar mais, muito mais crenças limitantes do que crenças positivas. Então, eu passei muito tempo sem ver a verdadeira realidade, porque eu mesmo não queria ver, eu acreditava mesmo estar certo, até que coisas foram acontecendo na minha vida que me fizeram pensar e sentir diferente, de tudo o que eles me fizeram pensar e sentir.

Minha mãe sofria muito com a sua religião, e eu também, e assim acabei saindo de casa muito jovem, e graças a esse contraste, eu puder enxergar realidades paralelas completamente diferentes, e mudar o meu paradigma, esse meu sistema de crenças, depois veio à doença da minha filha mais velha, a Nayana nasceu com o coração deitado e grande demais, depois de muitos exames, aos dois meses de idade, os médicos disseram que se ela sobrevivesse até os dois anos, teria obrigatoriamente de se operar, e nesse desespero todo, eu apenas colapsei a função de onda do que eu queria rapidinho. Tudo pelo simples fato de parar de criar as coisas que eu não queria criar, mas que eu criava com o meu foco na doença, na preocupação ou no trabalho, eu já não colapsava mais as crenças limitantes das escolas, de que tudo é matéria, e desejei uma filha saudável, e ela é até hoje, sem nunca se operar. Uma semana depois do fatídico diagnostico, fizemos nova bateria de exames e ela já não tinha mais nada.

E eu posso afirmar que foram esses grandes contrastes em minha vida, o que me fizeram passar a apenas colapsar o que eu quero. O que também me mostrou, como tudo o que me ensinaram era um verdadeiro lixo. Que eu poderia criar as minhas próprias crenças e assim mudar o meu ego, aqui e agora. Hoje é até muito mais fácil com a Ressonância Harmônica do Hélio Couto, desde que eu não volte a realimentar de novo, as minhas velhas crenças limitantes, com as crenças dele, em ter de mudar o mundo dos outros, hoje eu sei que, eu mesmo posso me mudar, para qualquer mundo ou realidade paralela que eu escolher, muitas e muitas vezes a cada nanosegundo… Eu só preciso mudar a minha vibração…

O desejo de se ter uma saúde maravilhosa…

- domingo, 24 de fevereiro de 2013

Em toda a minha vida, nunca me prendi muito, à diagnósticos médicos, sobre o que a medicina diz ou deixa de dizer, ou até nessas estatísticas idiotas sobre, o que alguém fez com ele mesmo que, programas do tipo “Bem Estar” veiculam diariamente. Eu mesmo já dei vários relatos sobre isso; A hepatite e recaída que tive, e como me disseram que eu nunca mais ia poder beber, e eu bebo até hoje. Minha filha que também afirmaram categoricamente que, se ela não morresse antes dos dois anos, teria de operar o coração, de qualquer jeito. E a Nayana, uma modelo linda que já viajou o mundo e, já me deu dois netos mais lindos e nunca se operou. Minha sogra Zizinha que, também deram seis meses de vida e, depois disso, ela viu seus netos e bisnetos nascerem.

E é por esses motivos que eu digo que, se os médicos e as fármacias, dependessem de pessoas iguais a mim, já estariam todos falidos, e isso há muito tempo. E isso era uma coisa minha, intuitiva. Mas, era também por eu deliberar muito a minha vida, isso já desde cedo, eu nunca tive medo de desejar o que eu realmente queria. E também foi por esse motivo que eu coletei durante todos esses anos de vida, essas muitas respostas as minhas perguntas.

Hoje eu sei muito bem que, se eu não estou me sentindo bem, aqui e agora. É porque eu não estou pensando de uma forma em que, eu mesmo permita que a energia natural do Bem Estar, flua por mim. Veja bem, eu poderia em um determinado momento, até ficar muito bravo, mas muito bravo mesmo, com alguém que, eu amo muito e assim fazer com que, todos os meus músculos tivessem um enrijecimento imediato. E a pergunta é, “Por que o meu corpo se sentiu dessa maneira?” E foi apenas porque, nesse exato momento, eu mesmo tive uma espécie de cabo-de-guerra vibracional, acontecendo dentro de mim mesmo… O meu “eu não físico” já está a muito tempo me chamando no meu vórtice, junto com o meu desejo, com tudo o que eu quero de quem eu amo, que é… Ser apenas mais feliz com ela do que já sou e… O meu “eu físico”, focado e se sentindo mal, ainda está dando a sua total poderosa atenção, apenas naquilo que não quero.

Quando eu mesmo parei de olhar para todas as outras coisas, para tudo aquilo que não seja o meu estado mental e emocional, desse meu ser físico, aqui e agora, como sendo as únicas respostas exatas, ao porque eu me sinto e como se sente o meu corpo agora. Foi que eu mesmo pude perceber e conceber que, tudo é vibracional, sem qualquer exceção! E quando eu percebi isso, então, agora mesmo é que, nunca mais importará qual o diagnóstico que me é apresentado, realmente não importa mesmo. Porque eu sei que, isso é totalmente temporário. Eu posso vibrar diferente agora e assim também mudo os resultados, aqui e agora. Sempre!

Eu sou um criador nato… Eu crio a minha própria realidade…

- domingo, 10 de fevereiro de 2013

A coisa mais natural do mundo, não só para mim, mas para a grande maioria das pessoas, no seu dia a dia é, observar uma coisa “boa” qualquer, aquela que está acontecendo agora ou até aquilo que já aconteceu há algum tempo atrás e, ter imediatamente um bom sentimento como resposta a isso. Essa é a parte boa, a melhor para todas as pessoas que, são apenas meras observadoras da vida e que, já nem se lembram mais que, são exímias criadoras de sua própria e magnifica realidade, a que vivem hoje, ai e agora.

E isso pode mesmo, me levar a fazer viagens imaginarias magnificas como aconteceu hoje… Eu estava hoje de manhã, em pleno carnaval, sentado na praia de Boa Viagem, e de repente vejo uma criança linda, sentadinha e brincando na areia da praia e, do nada, imediatamente me veio na cabeça… A minha neta Bia, lá no Rio de Janeiro, há alguns anos atrás, sentada também na areia da praia, lá na Urca, do lado do Pão de Açúcar… Ela brincando com a minha gata, a minha filha Nayana e, eu mergulhando naquela agua fria de doer e, de repente, a Bia se levanta do nada e grita… Calma vô! Calma, que eu vou te salvar… Isso me fez delirar de alegria, uma felicidade sem fim invadiu minha alma, é muito bom sentir isso novamente… Realmente é muito bom sentir esse sentimento de Bem Estar novamente… Mesmo que isso não esteja ocorrendo nesse exato momento.

Do mesmo modo acontece, quando estou observando uma coisa muito ruim, mesmo que distante, como o que aconteceu recentemente com a minha cidade natal. Friburgo há pouco tempo atrás perdeu muita gente querida, foi uma das piores tragédias do meu estado. Ou até mesmo esse caso mais recente, o da boate Kiss em Santa Maria. Então, observando todas essas coisas muito sofríveis que, as mídias teimam em ser o mais desagradável o possível, as vezes até ao extremo, na buscar de especificar o máximo que podem, todo aquele sofrimento das pessoas em questão, para fazer o mundo inteiro vivenciar toda essa desgraça horrível. E imediatamente, eu aqui, no nordeste, longe de tudo isso, então passo a ter um sentimento também muito ruim, como resposta a tudo isso que eu mesmo observei, aqui e agora.

Eu posso lhe dizer que, isso sempre me parecia ser, uma coisa muito frustrante, quando essas situações quase sempre sem controle, pareciam controlar a minha própria vida de qualquer maneira. E eu sei muito bem que, é por isso que muitas e muitas pessoas continuam a viver uma vida, infeliz, sem um rumo certo, cheias de sofrimentos. Afinal; as rádios, jornais e a própria televisão, reportam e repetem insistentemente todos os dias, a toda hora, muitas dessas coisas desagradáveis. Até muito mais do que as poucas coisas boas que eles comentam para que, ninguém venha morrer de vez. A verdade é que eles só querem mesmo lhe deixar doente e assim eles faturam cada vez mais com as empresas; farmaceuticas, de seguros, hospitais e drogarias… Afinal as drogas sempre deram muito dinheiro.

Então, eu fiquei pensando e me perguntando… Como eu poderia sair desta situação, de um mero observador, a voltar a ser realmente o criador da minha própria realidade, aqui e agora? Isso sem jamais me importar com qualquer situação que esteja acontecendo no momento e até a gravidade que se apresente, nesse meu momento presente. Porque o que eu realmente quero nesses momentos ruins é, voltar a me sentir bem e, assim poder ajudar a mais gente, a sair desse sofrimento que parece nunca ter fim.

Pensei nisso por muitos dias e muitas horas, li alguns livros, e até pesquisei pela Internet e, cheguei a várias formas, para fazer esse giro, essa mudança brusca de sentimento. Mas, tinha de ser uma coisa bem pratica e até mesmo muito fácil, para que fosse possível para qualquer pessoa, fazer isso numa hora dessas. E a minha favorita, aquela que funcionou muito mais rápido do que todas, foi eu imediatamente passar apreciar… Isso mesmo, apreciar as coisas que me façam imediatamente viajar mentalmente, aqui e agora. Isso mesmo… Apreciação é tudo de bom. Isso faz eu voltar a me sentir bem, agora!

Então, ao me encontrar com algo que não me faz sentir bem, eu imediatamente me concentro em alguma coisa ou em alguém, e tento encontrar por todos os meios, de todas as formas, pensamentos sobre esta coisa ou pessoa que faça imediatamente eu me sentir bem, muito bem mesmo, aqui e agora, nesse exato momento. Então, eu aprecio mesmo, fico ali valorizando o máximo que posso, agradeço o quanto eu puder agradecer. E eu posso afirmar que, ainda não encontrei uma forma melhor, de eu mesmo voltar a me sentir Bem, de entrar novamente no fluxo ininterrupto e natural do Bem Estar, aqui e agora.

O seu filho já é um génio…

- sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Seu filho poderia ser o génio que ele já é, se você apenas o ensinasse, a ler e escrever, e se ele quisesse, um inglês básico, só para seu filho não ficar de fora do que se passa pelo mundo. Mas nem isso é importante, eu mesmo não aprendi inglês, mas tenho o Google que traduz tudo pra mim, até no meu iPhone. Agora! É ensiná-lo com o que ele mesmo quisesse aprender. Nada de empurrar coisas pela goela a baixo, como as escolas fazem. repete isso, repete isso de novo e repete esse treco de novo… Iludindo a garotada dizendo que isso vai fazer eles prosperarem e muito. Como se os seus grandes professores vivessem isso, onde?

Os nossos filhos, as nossas crianças, já nasceram criadores geniais, e poderiam continuar a ser, pois eles acabaram de chegar do Não Física, e tem seu GPS emocional funcionando, eles seguiriam sua felicidade normalmente. Mas, são os pais quem, com o passar dos anos, os impedem de usar, fazem eles esquecerem quem são de verdade. Porque se não, eles estariam sempre se sentindo totalmente capacitados. E se eles fossem realmente deixados à ter suas próprias escolhas, eles jamais se desviariam do Bem Estar. Eles iriam manter a sua dignidade, pois eles manteriam a sua sensação de bem estar todos os dias, só por estar curtindo a vida adoidado. E eles iriam prosperar, Mas você quer uma outra forma de ensino pra eles, não é mesmo?

Mal eles acabam de trocar os dentes, e já não podem mais buscar sua própria felicidade. Não é a palavra que mais ouvem, não, não e não, e porque não… E ponto final. Eu sou o sabichão… Agora vocês tem que ser como todo mundo, tem que sofrer muito, estudar muito… E você nem tem a coragem de enxerga e assumir que a vida de quem os ensina, aqueles que você mesmo apresentou como, os seus professores, os seus mestres, os que eles deveriam se espelhar, que vão lhe ensinar a melhorar de vida, que dizem que, sem esse estudo, você não será nada na vida, (só esqueceram do Lula, Tiririca e Neymar) e ainda afirmam que, com esse estudo, eles garantem assim como você, que elas as crianças vão prosperar…

Só que os professores são os caras que menos ganham dinheiro na vida, que menos vivem a vida, são os que menos realizam seus desejos. São os que mais choram nas redes sociais… E você ainda quer que eles aprendam isso? E com esses professores que tem uma vida totalmente limitada… Vá caçar coquinho…

Em outras palavras, se você e todos os outros, todas essas pessoas que se dizem muito bem educadas, apenas não fizessem nada, ou pelo menos não fizessem algo para mudar a vibração dessas crianças, elas, as nossas crianças sempre estariam em uma vibração de prosperar. E seriam muito mais felizes…

A sua real razão de viver…

- sexta-feira, 1 de junho de 2012

Ninguém ao certo sabe a sua real razão de Ser. Você mesmo a faz. Mas é a sua felicidade quem orienta você a ela o tempo todo. Quando você segue o seu bem estar, quando você segue o seu caminho para a alegria, a sua conversa é de alegria, seus sentimentos são de pura alegria, e assim você está certo no caminho do qual você pretendia tomar quando veio para esse mundo nesse seu corpo físico…

Por isso eu hoje sou assim… Um ser alegre e muito feliz. Só faço qualquer coisa, qualquer coisa mesmo, até mesmo o ato de pensar nos meus filhos e meus netos, se eu estiver me sentindo bem… aqui e agora!

Se eu estiver me sentindo mal, eu nem mesmo me levanto, eu não como, não bebo e nem faço sexo… E olha que eu adoro muito isso… Mas eu não faço nada enquanto eu mesmo não encontrar razões para voltar a me sentir muito bem…

O que todo mundo quer no final de tudo… Eu sempre encontro, antes de começar qualquer coisa… Isso sim, é ser um Ser muito feliz…

Sua realidade é o que você pensa e sente.

- sábado, 26 de novembro de 2011

Seu pensamento faz você sentir o que quer e o que não quer, e isso vira a sua realidade.

A única coisa que faz a diferença na maneira como você se sente agora, é o pensamento que você está pensando agora. Não importa o quanto dinheiro você tenha, existem muitas pessoas alegres mesmo sem dinheiro, e há muita gente infeliz com muito dinheiro.

Como você se sente é como você está sobre a fonte do Bem Estar, e o que você está permitindo que flua por você e pra você. Então, quando falamos sobre a arte de permitir, nós estamos falando sobre a arte de viver; sobre a arte de prosperar, sobre a arte da clareza. Nós estamos falando sobre a arte de ser quem você realmente é.

As pessoas se prendem a muitas coisas mesquinhas, e esquecem de que o que vale mesmo nessa vida é, o que se sente, eu conheci um cara com muito dinheiro, que o filho dele tinha uma doença terminal, ele trocaria todo o seu dinheiro pela saúde do filho, ele ia aos melhores especialistas do mundo e nada conseguia, até que um dia ouvindo o meu relato numa reunião no Centro Cultural da BSGI no Méier-RJ, ele despertou para a sua verdadeira realidade, ele sentiu que também podia tudo.

Eu estava relatando que minha primeira filha Nayana, teve várias problemas de saúde, isso ainda no útero da mãe em Manaus, longe de toda a família, e que nós mudamos tudo isso ao meditar e vê-la feliz e sadia, pra começar ao engravidar a Cristiani, mãe da Nayana teve ameba, e ao levá-la ao hospital Tropical de Manaus, o diretor que era meu amigo particular disse, todos os remédios para ameba são abortivos, e a Cris corajosamente decidiu não tomar os remédios, e minha filha foi nascer em Friburgo, e nasceu sadia, mas, aos dois meses de nascida, começou a desmaiar sempre que ia mamar, levamos ao médico da família, e ele ao ver o quadro dela, pediu uma junta médica, e vários exames, constataram por chapas e exames que a Nayana tinha um coração grande e deitado, e isso fazia ela desmaiar a qualquer esforço, e nos disseram que, se ela sobrevivesse até os dois anos, ela teria que se operar de qualquer maneira.

Eu fiz uma semana inteira de meditação, cheguei a ficar na posição de lotus 11 horas seguidas, viajei muito em minha mente, até que consegui limpar totalmente a minha mente e deixar meu eu interior, que antes eu chamava de estado de Buda, me mostrar que era a minha emoção que poderia mudar tudo isso.

Eu passei a imaginar ela tendo uma vida maravilhosa, e foi o que aconteceu, porque depois dessa semana, eu decidi vender o que tinha, para refazer todos os exames em clinicas no Rio de Janeiro, e que era uma grana e ao fazer, todas constataram que minha filha não tinha mais nada do que antes eles afirmavam, eles ficaram de boca aberta em como isso ocorreu em tão pouco espaço de tempo, e minha filha hoje já me deu dois netos lindos e nunca se operou, tem um coração maravilhoso que ama de montão todos que se assemelham a sua vibração.

Adoro isso, eu sou muito feliz em saber o meu poder de mudar tudo.

O desejo de se ter uma familia realmente; livre, feliz e expansiva…

- sábado, 29 de outubro de 2011

Eu acredito ter sido e que continuo a ser uma boa influência para meus filhos e meus netos, tenho três filhos maravilhosos, só me dão alegria e mais vontade de viver, minha filha mais velha a Nayana, aos treze anos se mostrou livre, feliz e expansiva, passou em um concurso nacional de uma das maiores agências de modelos e foi viver a vida dela, e daí pra frente viajou sozinha pelo mundo, Europa, Ásia e tudo mais, aos vinte e dois anos me deu a minha primeira neta, linda de se ver a Bia, e agora meu mais novo neto o Arthur, a minha filha do meio a Nara já me deu um lindo neto o Enzo e o meu filho Lyon está ainda aproveitando a vida de solteiro que é uma maravilha, eu afirmo isso.


Eu só penso neles quando estou me sentindo realmente muito bem, eu só ligo para eles quando estou me sentindo muito bem, e eu sempre os vejo da maneira que eu gostaria que eles estivessem de verdade, livres como um pássaro, felizes como uma criança brincando sozinha na beira de uma praia e sempre expansivos como o Universo.

Se você realmente influencia e incentiva os seus filhos de verdade a permanecerem conectados à Fonte de energia do Bem Estar que cria mundos, e nem precisa ser falando ou escrevendo pra eles, e nem estando do lado deles o tempo todo, os seus pensamentos e seus sentimentos enviados a eles, chegam a qualquer lugar do Universo, e fazendo isso  eles permanecerão com a mente aberta para todas as possibilidades, pois eles continuarão sendo otimistas, pois eles continuarão sendo entusiasmados. Eles vão permanecer muito bem equilibrados, pois eles vão permanecer eternamente flexíveis. Eles permanecerão em um verdadeiro estado de graça. Eles permanecerão em um estado de bem-estar jamais visto. E eles vão fazer escolhas maravilhosas durante toda a vida deles neste mundo. Porque você pode Ser, Ter ou Fazer qualquer coisa pensando e sentindo, e isso o coloca como o único responsavel pela sua total liberdade, alegria e expansividade de ter uma familia completamente feliz.

Desejo que a Bia seja sempre muito feliz, como toda criança deveria ser, sempre!

- quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Hoje é aniver de minha neta, gata, geração Net, wiki, livre, feliz e expansiva quem nem o seu avô, sem medo de ser feliz. Adoro você minha vida, quero muito curtir milhões de coisas com você nesse mundo maravilhoso onde você sabe que pode ser, ter e fazer tudo que quiser, basta seguir a sua felicidade, foda-se o resto.