Arquivo da Categoria ‘Lei de Causa e Efeito’

A ILUMINAÇÃO E O EGO…

- quarta-feira, 29 de junho de 2016

iluminação Eu pratiquei budismo por anos, e ainda hoje se diz que iluminação é atingir o meu estado de Buda, e que todos podem, mas ainda são poucas pessoas que aceitam e realmente acreditam nisso, a maioria ainda são mais seguidores. A iluminação mesmo significa, literalmente, eu estar alinhando com a Energia da minha Fonte de Bem Estar. E aquilo que o ego chama de gênio é apenas uma pessoa que já foca mais consciente e deliberadamente, apenas no que mais quer, para sentir mais Bem Estar. Então, ser um gênio é apenas uma questão de focagem e atenção não dividida. É a Lei da Atração quem realmente cuida de tudo mais, é ela quem reúne todas as coisas em diferentes; frequências, vibrações e densidades. Muitas das vezes queremos a iluminação sobre encontrar algum processo e movendo-se através de um processo que foi previamente descrito por algum Buda. Mas, a verdadeira iluminação está sempre se movendo ao ritmo da minha própria inspiração interna, aquela inspiração que está vindo em resposta ao meu próprio desejo individual. A iluminação é sobre eu mesmo permitir que a minha conexão com a Fonte, que é exatamente para o cumprimento das coisas que eu individualmente defini que queria, aqui no meu; tempo, espaço e realidade. E isso já é tão bom de sentir, quanto o que eu mesmo vou sentir, quando eu ver o desdobrar dos meus desejos.

HOJE, EU SOU UM EGO MAIS LIVRE…

- domingo, 20 de dezembro de 2015

que se foda Eu sempre fui rebelde e portanto mais livre das crenças dos outros. Mas, eu me liberei geral, depois que eu relembrei, que eu nunca preciso ficar dando o meu foco e a minha atenção, para uma coisa que eu quero e que ainda não tenho, por ainda ter uma crença ativada ou realimentada de que isso é muito difícil ou impossível de se ter… Eu não só me relembrei quanto pratiquei e vi os resultados ao desejar uma coisa que eu tinha uma certa resistência, e larguei de lado e passei a apenas focar e dar a minha atenção naquilo que eu já acreditava ser muito fácil e totalmente possível, e assim consegui o meu desejo.

Um amigo meu que vivia doente e sempre reclamando das suas dores e sofrimentos, veio me agradecer por ter acreditado, segundo ele, nas minhas loucuras. Ele ficou irado na hora quando eu disse o que ele fez e deu certo. Ele veio reclamar da vida de novo e eu cortei. Eu disse para ele, todas as vezes que você pensar na sua saúde que você ainda resiste, pare de pensar nela e de seu foco e a sua atenção, para uma coisa simples em que você não resiste como: Você diz para você mesmo, eu acredito que eu peço um café e vem um café para mim, isso é muito bom, eu adoro ser atendido. Eu adoro parar no posto de gasolina e pedir para encher o tanque do meu carro e ser atendido, eu adoro saber que isso é fácil. Eu adoro dar um sorriso para uma criança porque sei que vou ser atendido, um sorriso gostoso me vem como retorno do meu pedido de mais alegria.

E esses dias, ele veio me dizer que minhas loucuras funcionam, eu apenas lhe disse, só funciona por que você acredita e não criou nenhuma resistência fazendo o que eu relembrei à você, para que eu também possa ter de você também o que eu mais quero, o retorno de mais Bem Estar do meu foco e da minha atenção na sua alegria. Entenda que ninguém faz nada para alguém sem estar esperando ter ele mesmo mais Bem Estar, portanto ninguém precisa agradecer a ninguém, as vezes o ato de agradecer faz o seu foco, a sua atenção voltar ao indesejado, apenas aprecie mais a vida e seja mais feliz expandindo mais esse natural fluxo de Bem Estar que é eterno e acessível a todos que desejarem, aqui e agora.

EU SEMPRE RADICALIZEI TUDO…

- quarta-feira, 13 de maio de 2015

Adoro ser novo As coisas mudam para mim, sempre muito mais rápido do que para as pessoas que eu convivi ao longo de minha vida, tudo porque eu sempre tomei decisões radicais. Bem no meio de uma família resistente ao Bem Estar, onde tudo era proibido pela religião, eu me tornei livre, isso já aos oito anos de idade, quando eles acharam que iam me ajustar, eu sai de casa com apenas 13 anos, numa cidade onde eu não conhecia ninguém. A minha vida foi e é, em cima de tomar decisões. E qualquer coisa que me leve a uma decisão, sempre é e será respondida. Foi assim que eu conheci as respostas com a Lei de Causa e Efeito e o budismo. Eu já era livre e amante da liberdade, saber que eu poderia a qualquer momento criar uma nova causa e assim mudar o efeito, me deixou em total alinhamento com quem eu realmente sou.

Quanto mais forte a decisão é, mais rápido ela está respondida. E foi assim que eu conheci as respostas vinda dos Abraham, da física Quântica, Bashar e Osho, e foi logo depois que me separei, e me vi longe dos meus filhos que eu amo e vim embora para o nordeste e uma nova vida. Então, todas as vezes que eu estive em uma situação onde tudo parecia mesmo ser uma coisas de vida ou morte, onde o desejo é realmente muito mais forte, a situação também é respondida agora, porque ela deve ser respondida agora, a ser respondida em tudo. Hoje eu tenho a minha própria filosofia, sou; livre, feliz e expansivo em tudo. Eu sou uma extensão da Fonte de Bem Estar em eterna expansão. E assim relembrei que meu cérebro é apenas um mecanismo de foco. Onde eu apontar o meu foco, onde eu der a minha atenção, já estando muito feliz só em focar, eu mesmo faço tudo acontecer, aqui e agora.

Abraham e Seth, qual a diferença?

- sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Jerry Ambos são acessos abertos a Fonte de Bem Estar. A diferença está na crença de quem acessou a Fonte de energia e informação de Bem Estar, e ainda tem a questão de foco, essa formatação diferente dos cérebros femininos, masculinos e gays. As mulheres com cérebro feminino sempre vão gostar mais de Seth. Os homens com cérebro feminino também. A diferença gritante entre Seth e Abraham está no EGO de quem fazia as perguntas iniciais…

Toda diferença está no ego de quem pergunta. O ego é uma identificação sua com determinados pensamentos emotizados, ele é realimentado com suas próprias crenças. O cérebro masculino quer resultados, ele tem mais foco. Já o cérebro feminino é mais observador, ele permite que a pessoa faça várias coisas ao mesmo tempo, por não ter foco. Quem desejou e foi atrás de suas perguntas foi o Jerry Hicks que tinha cérebro masculino, Esther era só quem ainda acessa o Vácuo Quântico onde estão todas as energias e informações vivas, ele fazia as perguntas no principio, ele queria resultados reais para usar nesse mundo físico de tempo e espaço. Já Seth foi acessado por um cérebro feminino, que não tem a necessidade de foco ou resultados.

Jerry queria respostas que pudesse usar no seu dia a dia por isso ele trouxe o acesso Abraham, ele não havia ficado satisfeito com Seth, já a Esther é quem acessa a informação de quem pergunta dentro do espaço de energia e informação Abraham que é um conjunto de energias vivas que não morrem, mas que é apenas mais um pedaço do todo… Qual quer pessoa pode acessar a Fonte de puro Bem Estar, mas só vai receber a informação que perguntar e sempre dentro de suas atuais crenças. Para ficar mais claro, o canal de acesso Abraham, já foi aberto por Jerry, por isso ainda hoje a Esther acessa as mesmas informações, mesmo sem o Jerry e até com a plateia que hoje fazem as perguntas sendo sempre muito ecléticas…

Eu realmente solto os remos? Sou livre?

- sábado, 29 de novembro de 2014

Daisaku Ikeda Tudo o que me faz resistir ao fluxo de Bem Estar é eu mesmo remar rio a cima. E o que é soltar os remos? O que é todo esse remar rio a cima? O que eu devo parar de fazer? É preciso soltar tudo aquilo ligado a racionalidade criada pelo ego e suas crenças resistentes, que já foram muito bem envolvidas com fortes emoções ligadas a cada vez mais, a falta do fluxo de Bem Estar. O que se deve perceber nessa equação é que as emoções da falta, são realmente muito importantes para eu mesmo perceber e sentir agora; a verdadeira liberdade, a maior felicidade que existe e toda a expansão da alegria, que somos nos mesmos nos amando mais ao voltarmos ao fluxo. Mas, passar mais de 17 segundos sentindo qualquer que seja, uma das emoções ligadas ao lado da falta de Bem Estar, é deliberadamente resistir ao fluxo, é voltar a remar rio acima.

Eu mesmo venho tendo ao longo dos anos muito felizes de minha vida, vários acessos as infinitas informações, porque eu venho sistematicamente pedindo por isso, para assim poder ter o conhecimento e o poder de quem eu realmente sou. E tudo vem apontando para eu mesmo, apenas ser mais geral em tudo e focar mais no que eu realmente quero. A Fonte sempre me deu acesso livre desde pequeno, e a primeira individualização a me responder pela Fonte foi o Daisaku Ikeda, ele me mostrou o mundo mágico da leitura inspirada. Eu adorava os exemplos dele em saber um pouco de tudo, e sobre fazer uma revolução humana, e assim li muitos livros. Outro que mais me marcou como exemplo foi Napolleon Hill, com a sua tenaz atenção e foco no que era mais importante na vida de outras individualizações de sucesso. Outro fantástico foi Nikola Tesla, que me fez; repetir, repetir e repetir na minha cabeça. Se você quer entender o seu Universo, deve prestar muito mais atenção na energia, nas frequências e vibrações. Já o meu jeito despojado me trouxe Osho que adora chocar as outras individualizações, para que elas mesmas se desapeguem do ego. Já o Bashar veio responder ao meu lado intelectual, me mostrando como dominar mais o meu ego e como eu usar mais deliberadamente a sincronicidade positiva e reconhecer de longe a negativa, saindo da armadilha do reforço indesejado. Mas, a minha resposta mais simples, que mais me faz reconhecer quem eu realmente sou, ainda hoje, vem de Jerry e Esther Hicks com os Abraham, que me fizeram conhecer o que é realmente, literalmente soltar os remos.

Antes eu corria em direção para tudo que é racional. Eu passava horas meditando, e pronunciando um mantra budista na frente de um pergaminho, sem saber muito bem o porque. Na verdade eu só estava ali para limpar a minha mente. Eu mesmo fiz muita coisa acontecer com essas informações que acessei direto da Fonte, mas ainda dava muito valor ao fazer e ter antes de ser. Então, minha vida teve muitos altos e baixo, tudo bem, só que é muito melhor passar de faze do que ficar repetindo. Até há pouco tempo atrás, eu ainda procurava fazer coisas antes mesmo de estar me sentindo bem. Então, eu adorava correr atrás de muletas novas; recitar sutras budistas e meditação com mantras prolongados, EFT, Ho’oponopono, Tarô, I ching, numerologia, Feng Shui e tudo mais que aparecia para me fazer voltar a realimentar apenas o ego resistente e minhas crenças limitadas. E tudo isso só tem mesmo serventia em alguns momentos de minha vida, se eu mesmo já estiver me sentindo bem antes de fazer, e se isso por alguns segundos vai me levar mais rápido ao meu próprio Vórtice criativo, onde já estarei seguindo o fluxo e já não preciso mais de nada disso. E como dizem os Abraham… Os seres humanos ainda têm essa ideia completamente errada de que a Fonte não é mais que a expansão ou que a Fonte está acabada e perfeita, e que nós seres humanos estamos agora a trabalhar para alcançar a perfeição como a Fonte. Mas o que realmente está acontecendo é que a Fonte está se expandindo para maiores capacidades de amor por causa de que o homem está vivendo agora e seguindo o único fluxo que existe, o de Bem Estar. “Ser feliz antes de tudo é tudo”.

Minha pergunta é essa Eduardo Billy, porque eu não consigo realizar meus grandes desejos?

- segunda-feira, 13 de outubro de 2014

velas coloridas Primeiro de tudo é que não existe algo pequeno ou grande, isso é apenas uma definição sua, pessoal. Os motivos de você só conseguir ter até agora, isso que você já tem, é tão simples quanto o porque de você ainda não ter tudo que mais te agrada na vida. Você só tem o que você mesmo acredita que pode, sempre é você quem diz o que pode, afinal é você quem define tudo na sua vida.

Você é como a maioria das pessoas, olham um evento ruim e apenas choram e se desesperam, já tem outras que ficam muito felizes em arrumar um lugar especial para você continuar a chorar e sustentar a alegria deles mensalmente, com o seu parco dinheirinho. Outras já mais felizes, fazendo lenços e mais lenços, para secar as suas lagrimas. Outros fazem muitas velas, até coloridas e algumas perfumadas, para derreterem lentamente junto com a lamuria dos muitos chorões. Outros já fazem essas pessoas choronas se endividarem até as calças, para continuarem chorando a vida toda, enquanto eles se alegram e muito, se divertindo com tudo isso. Um só evento, e muitas definições individuais…

E a verdade é que a razão de você não ter tudo o que já desejou, é porque você mesmo vem arrumando mil e uma desculpas, justificativas para não ter o que muito ainda quer. Você tem infinitas justificativas e desculpas para não ter tudo isso que ainda deseja, mas só tem poucas opções reais que você mesmo acredita que é preciso, para assim poder ter o que quer. Tudo para você é justificado com seu próprio suor físico ou pelo trabalho duro de alguém, geralmente do seu companheiro, de seus filhos ou até pelo o que os seus pais já fizeram dando um duro danado.

Adoro fazer isso… É muito divertido…

- quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Indo as compras Poucas pessoas realmente vivenciam tudo aquilo que elas mesmas gostam de ler ou de ver, eu sou uma dessas pessoas, adoro tirar a prova dos nove em quase tudo. Isso me dá muito mais sentimento de poder. Então, sempre que vou as compras, eu saco em especie, azulzinhas de preferência, todo o dinheiro que vou gastar antes de comprar minhas coisas, faço isso por dois motivos. O primeiro é para fazer uma brincadeira que os Abraham me sugeriram, eu ando pelas lojas experimentando ou manuseando as coisas, e vendo os preços dessas coisas que eu mais gostei, eu vou dizendo para mim mesmo na minha mente, isso é maravilhoso e eu tenho essa grana para comprar e ainda vai me sobrar muita grana, coisa boa, e lá vou, eu primeiro vou escolhendo tudo o que mais me agrada, depois de ver tudo, de fazer muitas compras mentais, ai sim eu vou as minhas compras definitivas.

Agora vem o segundo motivo, sempre quando volto a loja eu procuro a atendente que já me mostrou o meu objeto de desejo, ela sabe que eu quero aquilo, e quando eu tiro a massaroca de dinheiro e conto na frente dela, os olhos dela saem faíscas, ela não me deixa mais sair sem eu comprar, então o jogo se inverte, eu já estava a fim de comprar, agora é ela que vai na gerente ou no dono e diz, o que eu posso fazer por ele, eu não posso perder essa venda, ele está com uma bolada para gastar. Então quem fica se tremendo toda é a vendedora que quer me agradar mais, para eu levar o que eu já ia mesmo levar e assim sempre ganho descontos especiais e até brindes inesperados. A minha mulher fica emburrada e me perguntando, porque isso não acontece com ela? Eu fico só rindo e mais feliz ainda com as minhas coisas que eu adorei atrair para mim…

Viva o que deseja agora é você o terá na sua realidade…

- terça-feira, 10 de junho de 2014

muita gente em cima Muita gente ainda não entendeu que é preciso primeiro sentir o que se quer; Ser antes de ser, Ter antes de ter e Fazer antes de fazer… Você pode tudo, desde que você primeiro crie isso na sua mente, imaginando sua felicidade, fantasiando isso ao máximo, sentindo toda essa liberdade que isso já lhe dá agora e se sentindo expansivo com tudo isso acontecendo agora na sua cabeça, é uma sensação muito gostosa, uma coisa maravilhosa, é um orgasmo gostoso sem fazer sexo, é sentir um êxtase sem nenhuma droga ou bebida. É uma coisa tão fantástica que nós remete a nossa infância, quando criávamos tudo do nada. Eu queria que tudo fosse a merda… Phoda-se se minha mãe não queria que eu andasse de bike, phoda-se que meu pai não tinha dinheiro pra comprar ou se meus amigos me diziam que isso era só para quem tem pai rico. Eu queria, sonhava acordado, eu recortava a foto das revistas e não demorava muito lá vinha alguém trazendo a minha bike maravilhosa, phoda-se que eu quebrasse ela na primeira semana colocando 5 amigos em cima dela e saia descendo uma ladeira, todos nós nos esfolávamos todo, o merthiolate ainda ardia pra cacete, mas era uma felicidade sem fim… O cara da foto me ganhou nessa…

Vem chegando a copa, eleições e mais resistências ao Bem estar…

- quinta-feira, 15 de maio de 2014

copa-do-mundo-2014 Os Abraham nos contaram uma historia bem interessante, que nos faz pensar… Um homem palestino jovem foi encontrado em Israel; ele tinha uma bomba amarrada a ele. E quando se detonou, o artefato não detonou corretamente e ele só foi ferido. Mas ele não conseguiu os resultados triunfantes que ele estava buscando; ele nem se explodiu e nem as pessoas que estavam ao redor dele. E assim ele foi capturado. Foi quando um jornalista perguntou a ele, por que você fez isso? Ele disse: “Eles mataram o meu amigo e eu queria morrer.” Em outras palavras, era tão simples: “Eles mataram o seu amigo e ele queria morrer.” Nós achamos que essas palavras puras e simples falam sobre acrise do Oriente Médio, da forma mais clara do que todas as outras palavras que já foram ditas. É aquela sensação de que, você fez isso comigo, então eu vou fazer isso para você, então você vai fazer isso comigo, e então eu vou fazer isso com você. E o que acontece no nosso dia a dia, no que já é: E isso só fica maior e maior e maior. E ninguém nunca ganha nada com isso. Não há triunfo que venha com alguma coisa como essa… Isso é lá… E aqui no Brasil?

Aqui, se pega um cara que tacou fogo num ônibus, um cara que jogou uma bomba no meio de uma manifestação. Ou em lugares de diversão, num campo de futebol ou um cara roubando e sendo espancado no meio da rua… Se você perguntar para os dois primeiros o porque? Eles vão dizer, eles acabam com o nosso patrimônio publico, eu aproveitei que me pagaram para fazer isso, e vim aqui me vingar desses políticos sujos… O cara do campo do futebol, diz que todo mundo bate em todo mundo, agora chegou a vez dele, o cara que roubou diz, todo mundo no PT rouba, os caras que batem no ladrão dizem, os políticos fazem isso quando alguém rouba deles, olha quantos assassinatos, Santo André, no nordeste ta cheio, eu só fiz o mesmo… As resistências ao fluxo de energia e informação de Bem Estar está ganhando volume em todo o mundo… Até quando você vai ser um observador reagente?

O ESCRAVO DO EGO…

- sábado, 10 de maio de 2014

ego O ego é bom, ele é a forma da individualização do Vácuo Quântico, agir nesse mundo físico, ele é formado por pensamentos identificados e semelhantes, como sendo partes integrantes das suas crenças…

Se o seu ego é livre e criativo, é muito fácil de se saber… Se suas crenças são positivas, para cada tema importante de sua vida, tudo é muito fácil, porque para tudo sobre esses assuntos existem; infinitas escolhas, infinitas possibilidades, tudo se torna com extrema facilidade em mais probabilidades de mais expansão e mais liberdade, e tudo é feito inspirado num fluxo; frequente, simultâneo e ininterrupto de mais Bem Estar.

Já quem é escravo do ego, um observador reagente, já tem suas crenças negativas, que o faz ver em tudo, apenas mais; um meio de sobreviver, sempre sem escolhas, só isso poderá salvá-lo, tudo tem uma justificativa bem racionalizada no que já é, rejeita tudo que é novo e tudo tem que ser muito bem projetado em cima do merecimento, deu duro tem os seus louros, e assim ele vive numa eterna paranoia de que existe alguém levando o pedaço do seu bolo e que sua vida só é uma merda, por causa das conspirações…