Arquivo da Categoria ‘desejo’

Porque apenas alguns negócios, prosperam por longos anos?

- quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Uma vez me perguntaram, sobre pessoas que conseguem realizar um grande desejo, como; ganhar na loteria, ganhar uma casa ou montar um grande negócio e, logo depois perdem tudo, porquê? A resposta é muito simples. Sempre quando alguém imagina algo, imediatamente as forças universais entram no jogo, para ajudar na criação desse novo desejo, mas jamais haverá uma ação fisíca qualquer que faça isso se manter como sua realidade sem a sua permanente permissão expandida. É preciso se manter alegre e dando a sua atenção a tudo mais que o faça a continuar a se sentir bem. Você nem precisa ficar a frente do negócio, apenas não pode deixar de se sentir bem, a maior parte do seu tempo.

Ninguém pode usar a Energia que cria mundos para criar uma situação, ou um grande negócio e depois contar só com a sua ação física, para manter-se bem com esse desejo. É preciso manter a sua imaginação sempre funcionando. Temos que nos manter sempre imaginando mais, e o melhor.

Comigo mesmo já aconteceu isso várias vezes durante a minha vida de eterno criador. Eu ficava empolgado com uma ideia, e então vinha uma paixão avassaladora, eu atraia tudo o que eu precisava, mais pensamentos maravilhosos de sucesso, pessoas, dinheiro, coisas e eventos. Então rapidamente as coisas aconteciam, e o meu negócio prosperava, era fantástico.

Então, como eu não tinha noção de como tudo isso funcionava. Em determinado momento em que, os contrastes aparecem, o que é normal para se continuar a desejar mais. Só que eu não sabia disso, e então, em vez de aproveitar o contraste apenas para desejar mais, eu deixava de me manter alegre e tentava resolver tudo com minhas ações fisícas, procurando alguém para contratar, um bom gerente, procurando soluções em minha própria cabeça oca, tratando cada novo contraste que aparecesse, agora como mais um problema.

As pessoas esquecem que foi a sua paixão, a sua alegria, o que fez tudo aquilo se agrupar. É só recordar que, do nada, de repente apareceu o sócio com dinheiro, apareceu também do nada pessoas capazes e felizes, avidas a tocar o seu negócio, aparecem clientes certos justamente procurando pelos produtos que você idealizou e está produzindo, tudo se encaixou. Mas na hora de manter toda essa estrutura funcionando, você volta a ser um mero mortal comum, abandona seu “eu interior”, a sua energia criativa e começa a deixar os pequenos desconfortos, os pequenos mal estar, passarem a fazer parte do seu dia a dia.

E então, nem percebe que a simples presença de um minúsculo desconforto, já é um sinal pequeno, mas vital de que é, o inicio da sua atual resistência ao fluxo natural da energia do Bem Estar. Então já não existe mais a pura alegria, e todos nós envolvidos tentamos fazer algo para voltar a nos sentir melhor. Mas nunca vai haver qualquer ação física que supere o seu pequeno mal estar. E deixando isso se tornar rotina, tudo cresce, nada pode continuar do mesmo tamanho, ou cresce para melhor, se você imediatamente buscar um “alivio“, ou para mais do que já é. Se você continua a sentir desconfortavel. E então tudo se vai, tão rápido como veio.

O que você mais quer? Qual é a coisa que você mais deseja?

- quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Muitos fariam uma lista interminável de desejos, claro! Jamais podemos deixar de desejar, cada sentimento que temos, segundo a segundo, focado em algo é um desejo lançado no Universo. Então, há todo o momento que, estou acordado, eu estou criando. Seja o que eu mais quero, ou aquilo que eu jamais quis ter na vida. Porque é o meu foco, a minha atenção, misturada com o que eu estou sentindo nesse exato momento, o que faz tudo se tornar a minha realidade de vida. Por isso que, mesmo que eu e as pessoas que eu mais amo, que todos vivamos em baixo do mesmo teto, tendo as mesmas coisas, mesmo assim, temos mundos completamente diferentes. Porque mesmo que sentíssemos a mesma sensação nesse momento, já no momento seguinte, eu poderia continuar a sentir isso focado em outra coisa, e as outras pessoas não.

Agora é sempre bom saber que, todos os recursos para criar o que eu mais quero, e até para criar o que jamais vou querer ou precisar, tudo o que é preciso pra tudo isso, do desejado ao indesejado, tudo está ao meu alcance. E tudo que eu tenho a fazer é identificar o que eu quero fazer com ele, e depois praticar o sentimento do lugar que, ele vai me fazer sentir, quando isso acontecer. Não há nada que eu não possa ser, ter ou fazer. Todos nós somos Seres abençoados pela Fonte do Bem Estar. Eu vim para esse ambiente físico para criar. E jamais houve alguma coisa externa me prendendo, a única coisa que pode me segurar é, o meu próprio pensamento contraditório. A minha resistência ao meu próprio Bem Estar. E é a minha emoção que me diz se eu estou fazendo isso, ou não. A vida é para ser muito divertido, e é suposto eu sempre me sentir bem! Somos todos criadores poderosos e estamos sempre no momento certo. Nós nunca podemos errar. Porque mesmo que façamos algo que não gostamos, ou algo que gostamos e outras pessoas não gostem, isso servirá apenas como mais um contraste que, criará imediatamente um novo desejo lançado, e o Universo não desperdiça nada, não exclui nada, absolutamente nada, tanto ele como eu e você, só podemos incluir mais.

Por isso todos nós estamos sempre nos expandindo. Divirta-se mais, saboreie mais, e corrija menos. Sorria mais, dance mais e chore menos. Antecipe positivamente mais, espere mais e preocupe-se menos. Nada é mais importante do que você mesmo se sentir bem. Só temos que praticar mais, permitir mais e ver o que acontece. Então, a resposta certa para as duas perguntas feitas no titulo desse texto é. “Sentir-se bem”. Nada é mais importante que o seu próprio Bem Estar, porque é isso que você é. Puro Bem Estar.

Uma filosofia em eterna expansão…

- segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Tudo na vida se expande, ninguém pode ser menor do que já se tornou, e jamais podemos excluir um só pensamento. Porque a base de tudo é a liberdade, a felicidade e a expansão. Tudo está se expandindo, inclusive a minha percepção e o que eu mesmo concebo, aqui e agora. Porém, a maioria das pessoas se apegam a determinados conhecimentos que, foram produzidos numa época que, nada tinha a ver com o que vivemos hoje. Eu mesmo conheci o budismo ainda adolescente, e como ele é baseado na Lei de Causa e Efeito, então eu passei a criar causas que, mudariam definitivamente a minha vida. Isso em todos os sentidos.

Como eu sempre fui muito rebelde, eu nunca aceitei muito bem determinadas coisas como; o Karma, e essa coisa de que, ao eu me aprofundar no ensino, eu tinha de ficar esperando os três obstáculos e as quatro maldades, que aconteceriam na minha vida de qualquer maneira. Para mim, ambos eram apenas desculpas. O Karma para as pessoas aceitarem certas coisas inexplicáveis em suas vidas. Os obstáculos e as maldades, para justificar as coisas ruins que é comum para quem dedicava a sua atenção ao que não quer, mesmo praticando a Lei de Causa e Efeito. Eu ainda me perguntava; Se eu posso produzir uma nova causa a todo o momento, porque eu tenho que ficar esperando algo ruim em minha vida?

Com o passar dos anos, eu fui percebendo que, eu era o único criador de minha própria experiência de vida. E como o criador de minha experiência, isso jamais poderia ser só o efeito da minha ação, ou daquilo que eu me propusera a fazer e bem que, era recitar o mantra e a liturgia e fazer a propagação do budismo, fazendo novos adeptos. E foi nesse momento que passei a me dedicar a ler mais. Napolleon Hill me ajudou muito, porém a minha sede de conhecimento era muito maior. Eu mesmo já tinha as minhas próprias teorias, como a Transmutação Sexual. Mas, foi com o advento da Internet que tudo se esclareceu mais. Eu encontrei outras pessoas ainda vivas pelo mundo que, buscavam o mesmo que eu. E foi dai em diante que eu percebi que era importante eu não só entender que, a causa não era em virtude só da minha ação, que nada tinha a ver com o meu fazer e que nem mesmo era pela força das minhas palavras que, eu estava criando. Eu estava criando em virtude do meu próprio pensamento que, eu mesmo estava nesse momento oferecendo. Mas, só ,depois que descobri os Hicks e Bashar que, entendi que minhas emoções eram fundamentais.

Eu jamais posso falar ou oferecer uma ação sem ter pensamentos que, na verdade são apenas vibrações que, sempre ocorrem ao mesmo tempo, no entanto, muitas das vezes eu estava oferecendo um pensamento, uma vibração, sem oferecer nenhuma palavra sequer e nem mesmo produzindo ações físicas. Foi quando entendi que, ate mesmo as crianças ou os bebes aprendem a imitar a vibração de nós que somos pais e até dos adultos que, os rodeiam, isso muito antes de eles aprenderem a imitar as nossas palavras. Hoje eu concebo que minha emoções são as coisas mais importantes em minha vida, que ser feliz ante de tudo, é tudo. E é assim que eu agora vivo, sempre deixando fluir por mim o fluxo do Bem Estar, e procurando um alivio constante, para me manter indo junto com o fluxo de energia da Fonte.

Colocando o Bem Estar, sempre em primeiro lugar…

- sábado, 1 de setembro de 2012

…….. Se há algo que eu tenho que fazer, como por exemplo. Eu sei que preciso ter muito mais dinheiro sobrando, aqui e agora. Eu desejo muito comprar uma nova casa, como essa das fotos, foi a que mais meagradou até o momento, tem que ser bem grande, bem confortável, que tenha no mínimo, duas suites e mais dois quartos, uma sala grande, jardim com piscina, churrasqueira, dependência de empregada, com no mínimo vaga para quatro carros, e claro, lugar pra botar meus brinquedinhos, Jet Ski, quadriciclo, motos. E que eu ainda tenha uma boa estrutura como um clube, isso em um condomínio que me dê a todo o momento, a sensação de liberdade, felicidade e segurança.

Afinal estamos desejando aumentar a família, e eu queria muito também trazer minha mãe para morar comigo em Pernambuco, nem que fosse por um tempo, para quem sabe ela saindo do frio e das montanhas, vendo essa coisa de se sentir bem, de perto, que então ela encontrasse nisso, um alivio, e assim passasse a desejar parar de resistir ao seu próprio Bem Estar. Só que, eu preciso resistir à tentação de fazer isso sob coação, sob pressão. Então eu pergunto a mim mesmo: “Qual é a pior coisa que poderia acontecer se eu não fizesse isso?” Seria apenas eu continuar aonde estou…

E se eu posso sair dessa equação, apenas pensando algo como; quando eu tive a minha primeira filha, eu ainda nem tinha a minha casa própria, e ela nasceu e cresceu maravilhosamente bem, e depois veio os outros filhos e fomos muitos felizes, e nunca importou onde conseguimos arrumar para morar. A minha mãe mesmo, já teve vários momentos de resistências ao seu próprio Bem Estar, desde a época em que eu ainda estava solteiro, e até durante o meu primeiro casamento, e por várias vezes, ela veio morar comigo, sem eu precisar me mudar para um lugar maior, e todos éramos felizes assim mesmo. Então eu não preciso fazer isso sob pressão, e então eu não vou fazer isso. E pronto!

A própra fonte me enviou essa mensagem, por um dos seus muitos elementos cooperativos nesse meu mundo físico, onde ela me disse… Pare e apenas imagine qual seria a sua sensação de ter feito isso. E que eu passasse apenas um dia ou dois, se eu pudesse, e eu posso. Apenas passando uns 15 minutinhos aqui, 5 minutos ali, a 2 minutinhos acolá, aqui e ali, pode ser; em casa, na minha piscina ou na praia, imaginando que eu completei isso, de uma forma em que me agrada e muito. E então, da próxima vez que eu vir a decidir que, vou fazer, vou agir sobre isso, toda a minha ação vai ser muito mais fácil e produtiva pra mim mesmo.

Eu adoro ser como eu sou…

- quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Já me chamaram de louco varrido, de desajustado, de rebelde sem causa, até disseram que eu vivo fora dos padrões da grande maioria da sociedade. Que eu vejo as coisas como ninguém mais vê, que eu não respeito nenhuma das regras, nem os status que a sociedade criou, muito menos pras celebridades e os babacas da rede Bobo cria com seus BBBs (Globo). Eles ficam puto porque eu chamo o Lula de abestado, e ainda o admiro por ter se dado bem na vida, sem nunca ter trabalhado. Quando digo que o Papa é o protetor dos pedófilos. Quando afirmo que todas as religiões são uma verdadeira merda, que deveriam ser classificadas como empresas e pagar imposto. Que quem trabalha, todo aquele que não sente alegria no que faz, que só faz algo para ganhar seu sustento, o seu ridiculo salário e poder sobreviver é um verdadeiro escravo. E quem ainda vota hoje em dia é, um tremendo de um otário.

Então, por isso, uns me amam, outros me odeiam, outros me desprezam, tem até aqueles que fingem que me ignoram. Mas, todos ficam de olhos ligados em tudo o que faço, me focam o tempo todo. Eu estou sempre na cabeceira de qualquer mesa, mesmo estando sentando no meio ou em uma mesa totalmente redonda. Porque eu sou uns dos poucos que já mudaram e ainda mudam o mundo. Porque eu estou sempre na vanguarda, na linha de ponta do pensamento. E por eu ser como os poucos que ainda acreditam que, podemos; ser, ter e fazer tudo o que queremos fazer. Então para nós que não perdemos nossa conexão com a Fonte do Bem Estar, que ouvimos e sentimos o nosso “Ser interior” nos mandar um sinal de livre e liberado, nunca existiu nada impossível de se fazer.

O desejo é a própria vida…

- terça-feira, 28 de agosto de 2012

Você só existe, porque existe o desejo. Você é tão fruto do desejo da fonte, como fruto do desejo por sexo ou maternidade de seres físicos. E é também o desejo que, o mantém vivo, é ele quem chama a energia da vida para passar por você. Você só tem que permitir ele fluir, sem criar resistências a ele, deixá-lo fluir por você e se manter nesse fluxo ininterrupto de energia do Bem Estar que, vem da Fonte que, desejou você, a mesma que está aqui e agora, focada nesse corpo físico. É o desejo que mantém tudo isso vivo. E o desejo que o faz viajar nessa viagem emocional, podendo curtir o tempo, o espaço e a distância, existente nesse mundo físico.

Então, um desejo nasce em você a cada momento, seja pela variedade de escolhas que se apresentam a você, ou até pelos contrastes que se formaram dos desejos que, os outros seres físicos estão manifestando e realizando em quantidade e sucessão sem precedentes. Então seu direito de ser livre, feliz e expansivo está sempre assegurado e garantido, porque o que nunca vai faltar são desejos para lhe manter vivo.

Embora para a Lei da Atração, só exista dois tipos de desejos, dois tipos de emoções; O desejo em si, e o desejo da falta. O seu sentir-se bem ou o seu sentir-se mal. E ela só responde a isso, ela só lhe dá, exatamente algo semelhante ao que você emana aqui e agora. Você e quase todo mundo pensa que o desejo é pedido, ou proferido por palavras faladas ou escritas, as vezes por gestos ou ações, doce engano. O seu desejo são suas emoções. Quanto mais negativa é a sua emoção, mais densa é a energia que passa por você. E é subindo na escala das emoções, que pode ser em alguns momentos, da emoção mais densa que é o medo, ou a depressão. Subindo aos pouquinhos, para assim acelerá-la, fazê-la girar mais rápido e deixá-la menos densa, e essa energia vai girando cada vez mais forte, a cada subida na escala, até que cria o seu próprio vórtice criativo, onde você como um mortal comum, esse ser físico que é você, tem a oportunidade de ver sua junção com a Fonte de toda a energia da vida. Então só ai nesse ponto, você se torna pleno, mesmo nesse corpo físico. E é assim que você se expande fisicamente e contribui substancialmente com a expansão de todo o Universo. E é isso o que é, tudo o que a vida é.

A Fonte do Bem Estar, não o está guiando em direção a isso ou aquilo, ou para longe ou perto de qualquer coisa. Ela quer apenas que você tome todas as suas próprias decisões, e que faça suas próprias escolhas, exclusivamente sobre o seu desejo. Sobre o que você mais deseja. O seu “eu interior” tem um único desejo que é que você, descubra por si só, o caminho para alcançar os seus próprios desejos.

Você mesmo sozinho, sendo feliz é, muito mais poderoso que um milhão de pessoas infelizes juntas…

- segunda-feira, 27 de agosto de 2012

As pessoas vivem tentando reunir suas forças individuais para tentar fazer acontecer coisas e eventos. E a maioria somente procura entrar pra grupinhos; religiosos, políticos ou até sociedades secretas, apenas quando estão passando por suas dificuldades; doenças, relacionamento, falta de dinheiro e etc. Tudo para assim obter uma falsa sensação de maior poder. E com isso buscam preservar seu próprio Bem Estar, tentando manter tudo sobre controle, seja em qualquer situação ou circunstância externa que, eles acreditam que possam vir ameaçá-los.

Mas, nesse Universo baseado na atração que nada exclui, quanto mais elas dão atenção e dedicam o seu foco, e lutam com todas as suas forças contra o indesejado, mais atingem um alinhamento vibratório com o mesmo indesejado, e assim, elas mesmas convidam ainda mais do indesejado para as suas próprias experiências. E o pior, quanto mais eles alimentam essas crenças de luta, de ser contra, de ter de provar que estão certos e os outros errados, mais a Lei da Atração os ajuda a fazê-las florescer essas crenças limitantes dentro delas mesmas… Porque até as crenças negativas e limitantes, nunca podem ser menor do que já é, elas serão sempre mais… Enquanto você estiver dando o seu foco a ela…

O que você vive agora é o efeito do que você pensa e sente agora, não existe essa coisa de karma. O que você pensou e sentiu no passado, só volta a lhe incomodar se você mesmo voltar a pensar e vibrar isso novamente…

Essa é a verdadeira liberdade. Você saber que pode criar o que você quiser, apenas pensando e sentindo felicidade a todo e qualquer momento, sem depender de ninguém. Você não precisa de lideres espirituais, nem lideres políticos e muito menos de organizações. Para você; ser, ter ou fazer qualquer coisa nessa vida. Só é preciso desejar, permitir isso com sua total atenção na alegria que esse seu desejo já trás no seu bojo, e com sua total apreciação a tudo que é belo a sua volta, parar de resistir a fluxo do Bem Estar, e com isso deixar com que a Lei da Atração faça o seu papel, que é atrair e reunir, todos os componentes cooperativos para a materialização dos seus desejos. Porque é só assim que, tudo foi e ainda é criado e materializado nesse grande Universo.

A regra de Ouro…

- domingo, 26 de agosto de 2012

Aqui vai uma regra de ouro que, vai ajudar você em tudo: Se você acredita que algo é bom, e você faz isso feliz, isso lhe beneficia em tudo. Porque isso é seguir o fluxo natural do seu próprio Bem Estar. E essa sua crença no que é bom não cria nenhuma resistência ao fluxo ininterrupto de Bem Estar. Agora, se você acredita que algo é ruim, e você faz isso se sentindo mal, então isso é uma experiência muito prejudicial pra você em tudo. Porque fazendo o que não lhe traz alegria, você mesmo está resistindo ao seu fluxo natural de Bem Estar.

As maioria das pessoas a minha volta, vivem a vida toda; dias, meses ou anos, fazendo algo que elas não gostam, ou fazendo coisas que não lhe trazem uma grande e verdadeira felicidade. Fazem apenas pelo medo de não ter o seu sustento, pela sua sobrevivencia. Para ter o seu dinheirinho no final do mês. Sem saber que isso é, apenas uma escolha sua, pessoal. Elas poderiam escolher, viver uma vida muito mais feliz, repleta de desejos realizados e muitos sonhos acordados, como acontecia quando todos éramos crianças.

Muita gente quando percebe que vive assim, porque realmente compreendeu que foi ela mesma quem escolheu apenas experimentar isso. Passa a ter um grande medo dessa mudança, porque acredita que teria de parar com tudo o que faz, e o que já fez na sua vida, que teria de largar tudo o que está fazendo, nessa sua tentativa de excluir tudo o que ela não gosta. Só que ninguém pode excluir nada, só podemos incluir coisas.

E não é preciso para de fazer nada, é apenas, você só fazer algo, depois de estar se sentindo bem, essa é a mudança principal de sua vida. Porque isso vai te trazer um “alivio” imediato, e dai sim, qualquer pessoa pode fazer uma viagem mental, totalmente emocional, de onde se está nesse exato momento, até onde gostaria de estar, aqui e agora.

Outra coisa que as pessoas fazem e o resultado é sempre o inverso do que elas querem, é que elas estão sempre projetando as coisas para o futuro, e ele não existe sem o seu aqui e agora. Ninguém consegue o que quer esperando se sentir bem no futuro quando tiver o que quer. Você tem que sentir o que quer viver, aqui e agora.

O que é uma doença e como curá-la?

- quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Toda e qualquer doença física é apenas o efeito de sua própria resistência ao seu próprio Bem Estar. Nenhum remédio pode superar a sua resistência ao fluxo natural e ininterrupto de Bem Estar. Só depois que você mesmo, voltar ao fluxo do Bem Estar, que é o seu natural, toda e qualquer ação é inspirada, você encontrará o médico certo, o melhor remédio, a alimentação correta.

Só que, muita gente acredita que as doenças aparecem do nada, da noite para o dia, e isso é um grande engano. Toda e qualquer doença se inicia de um pequeno desconforto seu, ou um minúsculo mal estar, que você nem liga e muitas vezes nem mesmo percebe. Toma um analgésico e continua produzindo suas resistências com seus pensamentos crónicos de mal estar. Ambas sensações que não damos valor, são o seu sinal de alerta do inicio de sua saida do fluxo do Bem Estar e realmente são poderosas. Mas é a sua continua vibração, que virou crónica de mal estar, que vai criando elas aos poucos. Porque ao dormir, todas as suas células tentam lhe curar de qualquer doença. Lembra que quando alguém está muito mal os médicos logo o induzem ao coma… Mas é a sua concentração durante o período em que está acordado, consciente, ao que você mesmo sabe que não quer, e sua teimosia em colocar o seu foco não dividido no que lhe faz se sentir mal, a sua atenção a tudo o que lhe cria mais resistência ao seu próprio Bem Estar. Tudo isso impede com que as suas células façam o trabalho natural delas.

Toda e qualquer doença em seu corpo físico, levou muito mais tempo pra chegar a se manifestar, a virar uma gripe ou até um câncer, do que você mesmo pode levar para liberá-la totalmente, e de vez. Basta você encontrar um meio qualquer de voltar ao fluxo do Bem Estar. E isso se inicia também com uma coisa bem pequenininha, mas tão poderosa como; o seu pequeno mal estar ou o insignificante desconforto que criou essa sua doença. Um “alivio” é o melhor remédio para se começar a ficar bom de qualquer enfermidade, a poder voltar a ser um ser saúdavel, feliz e livre para continuar a se expandir, expandindo assim, todo o Universo.

Ser feliz é tudo, antes de tudo…

- terça-feira, 21 de agosto de 2012

Quando eu resolvi viver como vivo hoje. Quando decidi passar a só fazer aquilo que, já me faz feliz, antes mesmo de eu iniciar ou fazer qualquer coisa, muita gente me chamava de doido. Eu lembro que muita bem que, as pessoas e até meus amigos, não entendiam, eu não aceitar um emprego fixo, com um bom salário, para me arriscar montando meus próprios negócios, e eles ficavam ainda mais intrigados, quando eu que, adoro uma festa e adoro tomar meu chopp preto, por um pequeno desconforto, ou apenas um mal estar, me recusar a sair com eles pra curtir a noite. Eles diziam, vamos você vai melhorar quando chegar lá… Outras vezes, recebia propostas de negócios até comprovadamente bem lucrativos, mas se algo não deixasse feliz, e com o meu Bem Estar fluindo, eu dizia não… E ponto final.

Para as pessoas é muito difícil deixar o seu alinhamento com o Bem-Estar, sempre estar em primeiro lugar em sua vida, e deixar todo o resto, apenas como secundário. Foram educadas para fazer primeiro alguma coisa e só depois esperar ter alguma alegria. Por isso que tem tanta gente que apenas sobrevive. Elas quase não tem historias pra contar. E se elas fizessem isso, buscar o seu Bem Estar em primeiro lugar, não só iriam ter muito mais experiências felizes, como também, tudo o que elas já desejaram e imaginaram, fluiria muito mais facilmente para as suas experiências, aqui e agora.

Porque não há nada que eu ou você não possa, ser, ter ou fazer. Mas a minha intenção dominante deve de ser, eu mesmo estar sempre alegre, antes de fazer qualquer coisa. Antes de falar, escrever ou tomar decisões. E então, o ter e o fazer entrarão imediatamente em alinhamento com o meu próprio Bem Estar. Trazendo todas as coisas que eu desejo muito realizar.