A INVERSIBILIDADE MOTIVACIONAL…

15 de novembro de 2018 por
Publicidade

mente Eu sou o observador que sempre motivado apenas pelo meu próprio desejo, “escolho” focar mais no que já me traz mais; alegria, diversão e apreciação. E por sentir esse natural Bem Estar, eu mesmo dedico mais a minha poderosa atenção em cima disso, para que isso sempre seja mais em minha vida. Essa é a tríade de intenções que todos nós nascemos com ela; liberdade, felicidade e expansão. Mas, se por algum motivo, algum contraste bifurcado me mostrar o seu lado de ausência de Bem Estar, se eu não reagir ou melhor, se eu não resistir ao natural fluxo de Bem Estar, que sempre tem que passar por minha observação e ir até ao meu vórtice, onde essa energia e informação, que já passou por mim agora, está aguardando a minha energia para que os átomos possam dar a sua fisicalidade, eu já realizo o meu desejo e não perco a minha automotivação, perpetuando assim a criação e a expansão do Universo, naturalmente…

Só que esquecemos que todo desejo é prontamente atendido. “Peça e Será Atendido”. Quando um observador continua reagindo ao lado da falta que existe em todos os contrastes bifurcados, quando ele continua resistindo esse ininterrupto e eterno fluxo de Bem Estar, isso também é um desejo de que tudo seja apenas mais do que é observado agora, que é prontamente atendido. E com isso, nesse mundo de tempo e espaço, o volume de desejos é sempre proporcional ao lado oposto, o que também é totalmente natural, para que sempre haja a expansão, quanto mais foco e atenção no lado da falta, mais se deseja o oposto que é o Bem Estar…

O meu mundo, o meu pais, passou alguns meses, observando, dizendo e ouvindo que, “a verdade vos libertará”. Nosso presidente eleito, bradou isso aos quatro cantos, Brasil a fora. E a verdade é que, eu apenas tinha que permitir que esse conhecimento chegasse até mim, invertendo a minha própria motivação. O mundo esteve e ainda está sempre sendo mais motivado pelos “objetos de atenção”, ou “objetos de desejo”. Não mais pelo simples desejo de sentir apenas o Bem Estar em primeiro lugar. Eu só preciso voltar a ser o “Observador criativo” de tudo, me motivando pela minha felicidade de sentir agora o que eu quero sentir lá, onde com toda a certeza eu vou chegar, porque tudo o que eu peço eu sou prontamente atendido, praticando mais a inversibilidade motivacional…