AS BUSCAS POR JUSTIFICATIVAS…

19 de janeiro de 2017 por
Publicidade

eu nayana e meus netos Muitas das pessoas que ainda não conseguem os seus constantes desejos realizados, geralmente é porque elas mesmas ainda não estarem praticando mais, os seus próprios pensamentos, esses que já lhe retornem mais bons sentimentos, em cima desse tema que ainda é muito importante para ela. E assim elas começam a buscar suas desculpas ou justificativas, para elas mesmas, ainda não terem realizados os seus sonhos. Ontem mesmo alguém me perguntou, porque eu ainda não sou magro e por que também, ainda não fiz nascer cabelo em mim? O mais gozado que é como se as pessoas pudessem ou quisessem pensar por mim. Eu mesmo não estou nem ai pra meu cabelo, e como já passei 50 anos magro, adorei me sentir gordo. Mas, elas geralmente usam essas justificativas para não praticarem elas mesmas, as Leis Universais, a da “Criação Deliberada” e a da “Permissão”. A lei da Atração, ninguém precisa praticar, ela só é “semelhante atrai semelhantes”. Mas sempre é preciso primeiro “deliberar” e “permitir” o que é, o semelhante que vai atrair semelhantes. Ou não haveria motivo para existir esse ego e esse mundo físico. Tudo seria como já é no mundo não físico. INSTANTÂNEO…

Mas, para toda e qualquer pessoa, realizar todo e qualquer desejo, que ela mesma ainda não tenha realizado, ela mesma, deve apenas buscar uma boa sensação, qualquer sensação maravilhosa que ela puder encontrar serve, ai sim, vale a penas usar qualquer coisa como desculpa para se sentir bem. E depois ela mesma praticar ainda mais, mais e mais pensamentos, sobre isso que já lhe trouxe mais bons sentimentos, para ir criando assim, uma nova crença a respeito disso… Porque ninguém pode ir além do que as suas próprias crenças o permitem ir… E crenças são pensamentos, é preciso se pensar muito mais vezes sobre isso, e repetir e repetir mais pensamentos sobre isso, a maioria das “falsas premissas” que a maioria ainda tem hoje, foi implantada assim. Tem até um nazista que dizia claramente, ele aprendeu com os religiosos, “conte muitas vezes uma mentira e repita ela em exaustão, que ela se tornará verdade”.

Mas, vamos a um exemplo comum, de como realizar… Eu quero ver os meus netos e começa a haver um desalinhamento a respeito disso, seja lá por qual motivo for, e nem importa quem realmente esteja provocando esse desalinhamento. Algo está acontecendo, para eu não poder vê-los… Eu simplesmente procuro fantasiar uma sensação muito gostosa, que nós mesmos já estivemos sentindo quando estávamos juntos, posso até imaginar algum encontro maravilhoso que já aconteceu. Quando eu consigo essa sensação gostosa que eu quero, eu a seguro por 69 segundos e depois disso começo a praticar mais pensamentos que me tragam os melhores sentimentos E logo tudo se abre e lá estou eu me divertindo muito com eles. A maravilhosa notícia é que, a boa sensação nem precisa ser do tema em questão. Mas, ela a sensação gostosa tem de existir, porque tudo deve ser iniciado de dentro do meu próprio vórtice.