A MEDITAÇÃO, A RELIGIÃO E A CIÊNCIA…

31 de outubro de 2016 por
Publicidade

daimoku Eu pratiquei budismo por mais de 30 anos, e meditava muito ao fazer o Daimoku, ou seja, ao recitar um mantra budista, as vezes por; alguns minutos as vezes horas ou dias, dependendo da circunstância indesejada ou do objetivo a alcançar. Embora se estude o budismo como outra qualquer disciplina escolar, tem que se fazer provas de; 1º e 2º grau, depois grau médio e superior, se tem de ler; jornais, revistas e muitos livros, muitas reuniões e infinitas palestras, nunca, em momento algum, se falou a verdade sobre o porquê, da recitação do mantra, sobra essa meditação que a maioria ainda faz, mesmo sem ainda saber o porquê?

Tanto a religião quanto a ciência, só conseguem explicar até onde as crenças que as criaram, esses pensamentos repetidos em exaustão, os permitem ir. Eles usam e muito o reforço da sincronicidade resistente ao Bem Estar, tudo para poder sobreviver. A religião, sendo a forma de comercio mais conhecida e mais rentável em todas as partes do mundo, cria sempre um aspecto místico ou divino em volta da meditação, para dar a impressão que só aquele mantra funciona, e assim garantindo a sua própria sobrevivência. E para que essas crenças sejam difundidas nas sociedades como uma base do pensamento da maioria, cada uma das religiões criaram suas próprias; escolas, faculdades e Universidades, todas sempre usando a sua física newtoniana, limitando tudo para que as pessoas não tivessem acesso as infinitas possibilidades. E assim a ciência escolar ainda tenta dar a lógica e a razão para a meditação, sem na verdade, mostrar a real função da própria meditação.

Uma coisa ninguém pode duvidar. Nada, nenhuma coisa, que um dia não existiu e que existe hoje, saiu de uma escola ou religião. A própria meditação veio primeiro a mente humana por um desejo, alguém recebeu essa informação sozinha, sem um religioso ou professor para lhe ensinar o que ainda não existia, e ele, foi quem ensinou as outras pessoas a meditarem, a repetirem isso que ele mesmo conseguiu sozinho. Tudo porque, informação alguma, esteve no cérebro humano, antes dele mesmo pensar e criar suas próprias crenças, o cérebro é só um mecanismo de foco, toda e qualquer informação do Universo está na Fonte de energia e informação de Bem Estar, e para acessa-la, até agora, eu só conheço dois meios: Entrar no meu próprio vórtice através da mistura das sensações maravilhosas de mais; Alegria, liberdade, amor, poder e apreciação, que sempre inspira alguém e através da limpeza dos pensamentos do ego, que é o que é a meditação, simplesmente limpar a mente dos pensamentos do ego.