As coisas que são mais importantes para mim…

29 de setembro de 2014 por
Publicidade

Radio Sucesso FM Friburgo Minha vida sempre foi normal para mim, embora muito louca para os outros observadores, eu desejava coisas novas, até coisas que nem existiam antes e aos poucos o Universo ia conspirando ao meu favor. Então, nesse exato momento mais pensamentos apareciam, até pessoas que me ajudariam em todo o processo e toda a execução, e do nada apareciam mais coisas e até eventos semelhantes aconteciam como mágica, tudo para que eu pudesse; focar, apreciar e realizar, todos os meus desejos, por mais malucos que fossem.

Foi assim quando eu resolvi voltar para Friburgo, depois de fugir de casa e ter morado muito anos em Manaus. Uma radio FM apareceu do nada e lá estava eu, no dia de iniciar as vendas de anúncios para a Radio Sucesso, eu abri minha pasta e já tinha a assinatura de quase que todas as maiores empresas da cidade anunciando comigo, só tinha que colocar os valores, eu ganhava tanto dinheiro que até emprestava parte da minha grana para que um dos donos da rádio, pudesse pagar seus funcionários (foto) em dia, a maior parte da grana que ele recebia era para pagar os equipamentos, antena e vólvula caríssima. Foi assim com a minha primeira agência de publicidade a ENC. Foi assim com o primeiro jornal de classificados grátis do Brasil “Classitudo”. Também foi assim quando montei a campanha “Friburgo Capital da Moda Intima”, quando montei o primeiro supermercado só de lingerie para atender sacoleiras vindas de todo o Brasil. Eu escreveria muitas e muitas paginas com todos os meus sucessos.

Uma coisa eu observei durante todos esses anos de criações malucas e maravilhosas. Sempre que algo que eu queria muito, mas que, de alguma forma não se desdobrava normalmente, era por uma de duas razões: ou era o meu próprio hábito de vibração, minha crença, minha vibração dominante que eu mesmo estava oferecendo naquele momento em relação a aquele assunto, que de forma alguma coincidia com o que eu achava que o meu desejo seria, ou, eu e o meu desejo não eramos uma combinação perfeita, e essa coisa que eu achava que eu queria, não correspondia, um ao outro, e assim o Universo não tinha como me entregar isso…
.