Arquivo de outubro de 2013

Crenças religiosas limitantes, inibem qualquer expansão da consciência…

- quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Japão Nunca existiu uma fonte do mal. Ninguém é mal, ninguém é negativo. Há apenas um fluxo de energia e informação de Bem Estar que, eu estou permitindo, ou não. Quando eu não estou permitido o meu natural Bem Estar, eu me torno um contraste e crio também mais contrastes. Que na verdade, apenas serviria para quem está conectado ao Bem Estar, desejar mais, o oposto do que eu ou os meus atos contrastantes são, para todos aqueles que estão sempre indo e vindo no seu vórtice criativo. Tudo mais é, a sua pura resistência ao seu natural Bem Estar.

Mas, sob o nome da justiça criada pelos homens, da bondade e da sua religião estupida e limitante, você deixa cair bombas sobre a cabeça de crianças inocentes. Foi assim no Japão. É assim nos países em que a estupidez das suas religiões, os fazem atrair esse tipo de coisas. Tudo por pregar o medo, a sede por vingança, a sede por aniquilar inimigos que, eles mesmos ainda vão fazer, com seus pensamentos idiotas de preocupação, ligados a sua resistência ao fluxo de energia e informação de Bem Estar.

E então você diz com seu ego inchado: “É para o bem de todos nós”. Temos que fazer qualquer coisa. Vamos nos unir e ser contra. Temos de protestar. Vamos a luta. Vamos a guerra. Coisa mais ignorante… O meu “eu interior” já diz: Jamais verei isso assim, dessa perspectiva tacanha, dessa coisa auto-imposta, da própria limitação da consciência. E eu mesmo, essa individualização da Fonte de Bem Estar, jamais viria isso assim, a partir da minha perspectiva não física, da minha consciência expandida com todos esses novos desejos que eu esse Ser físico já criei. Tudo mais é, apenas a desconexão, a falta de alinhamento com a vibração de Bem Estar, dessas pessoas ligadas as suas religiões doentias, fazedoras de guerras que, matam crianças inocentes, e que, fazem todas essas coisas limitantes, fazerem sentido somente para elas. Mas, que para mim, só são mais contrastes, coisas que me fazem desejar mais o oposto disso tudo…

O que é uma crença?

- terça-feira, 22 de outubro de 2013

crença dinheiro Um pensamento pensado muitas e muitas vezes, iguais aos que, as igrejas e suas escolas fazem todo mundo repetir, Seus lideres religiosos e seus professores os fazem; repetir, repetir e repetir até isso virar uma crença. Já o seu paradigma, esse sistema de crenças que alimenta seu EGO, é formado por apenas crenças dominantes. E as crenças dominantes são todas aquelas crenças que foram formatadas, com muitos pensamentos envolvidos em fortes emoções, por isso que sempre se tem, um grande mártir na parada, Buda, Cristo, Gandhy ou Mandela. Tudo para que você mesmo envolver o que você pensa com sentimentos ligados ao; medo, tristeza, desespero e impotência. Como se faz também na politica que conhecemos. Coitadinho o cara foi torturado, foi exilado, foi retirante nordestino e ainda perdeu um dedo, coitado foi até aposentado por invalidez. Essas crenças jamais podem ser eliminadas ou excluídas, elas podem sim, deixar de ser alimentadas e ir perdendo energia.

A boa noticia é que você pode criar as crenças positivas do mesmo jeito, repetindo pensamentos envolvidos com fortes emoções positivas, sempre que você estiver alegre, repita pensamentos, como; Eu sou a pessoa mais feliz desse mundo. Eu só atraio coisas boas em minha vida. Adoro ter muito dinheiro sobrando e fluindo fácil na minha vida. Meus filhos são maravilhosos. Minha mulher e boa em tudo. E você pode aproveitar todos os eventos para solidificar ainda mais rápido essas crenças. Foi numa festa, está gostosa, vá dançar e repita tudo isso para você mesmo. Ta ouvindo uma musica que te emocionou muito, repita de novo. Seu filho te ligou e você está muito feliz, peça um minuto e repita que você adora ser feliz. E dai para frente é comemorar muito, e comemorar antes de tudo acontecer….

Se existe a Ressonância Harmônica, para que eu preciso de escola, faculdade?

- terça-feira, 22 de outubro de 2013

Energia pura Eu acredito que eu posso; ser, ter ou fazer, qualquer coisa, tudo aquilo que eu desejar, portanto a alegria que eu tive ao descobrir a Ressonância Harmônica do Hélio Couto, me diz que ela é verdadeira sim. Os Abraham me dizem claramente que, só quando um contraste fica maior, se torna bem GRANDE, maior também fica o desejo, e também que, isso é o que os milagres são de verdade na minha vida.

Eu sei disso porque já realizei alguns milagres; O primeiro foi ter nascido numa prisão chamada de Testemunha de Jeová, nunca existiu nada tão resistente, eles pediam para os pais baterem nos filhos, proibirem tudo, e se ficasse doente, que morra mas não tome uma gota de sangue doado por alguém. E eu fiz meu primeiro milagre, desejei ser livre e fiquei ao me rebelar, contra religião e escolas, só estudei para saber ler e escrever e poder me emancipar, porque eu sentia que tudo isso ainda hoje é uma prisão de minha consciência. Todo mundo lambe o saco dos professores, eu apenas os acho uns contrastes a mais que temos que encontrar pela vida, para desejar ser mais; livre, feliz e expansivo.

O segundo milagre foi quando a mãe dos meus filhos engravidou. Estávamos a pouco tempo em Manaus, quando soubemos que ela tinha ficado gravida assim que chegamos de Friburgo. A Cristiani pegou ameba e todos os remédios são abortivos, e meu amigo que era médico no Hospital Tropical de Manaus, disse que escolhêssemos, tomar o remédio que abortaria, ou a criança poderia nascer com sequelas… O medo é uma merda mesmo… Ela foi ter a Nayana em Friburgo e não quis mais voltar, eu vendi tudo o que tinha em Manaus e voltei. Dois meses depois que a Nayana nasceu perfeita de tudo. O medo se fez evidente… Nayana começou a desmaiar nos braços de sua mãe todas as vezes que mamava. Depois de uma bateria de exames, chapas e mais chapas de RX, numa criança de dois meses. Veio a bomba, sua filha tem um coração grande e deitado, como mostra as chapas. Se ela sobreviver até aos dois anos ela vai ser operada de qualquer jeito diziam os médicos de Friburgo e do Rio de Janeiro. Fomos para casa com esse grande contraste, uma semana de meditação e voltamos a bateria de exames, e minha filha já não tinha mais nada.

O terceiro milagre foi, quando eu estava falido, o medo é uma merda mesmo… Eu preocupado e com medo do que meu sócio e um gerente estavam fazendo com uma de minhas empresas, eu tinha uma editora, dois jornais, o “Classitudo” que, circulava em todo o estado do Rio e o “Classirural” que circulava em todos os estados que mexiam com lavoura e gado. E ainda editava alguns guias de turismo. E mais uma agência de publicidade. E veio um pacote econômico e os maiores anunciantes, reduziram as berbas, só que meu gerente e meu sócio, não trocaram os títulos já descontados nos bancos. Quando eu fiquei sabendo o rombo era tão grande que eu não teria como pagar. Mais uma vez, meditando, um telefonema veio e alguém queria comprar a minha editora e um dos jornais, e eu fiquei livre de uma grande divida e ainda sai com dinheiro e carro para iniciar novamente minha vida.

Os milagres não param, mas só esses já me fazem ter certeza absoluta que eu sou um magnifico criador. Um milagre não é nada mais do que, uma situação terrível que me fez ter um forte desejo e, em seguida, de alguma forma, um alinhamento de energia, com o meu desejo, e ele se faz presente. Eu adoro saber que eu posso tudo. É por isso que eu pedi ao fazer a “RH”, falar e escrever fluentemente o inglês, italiano e espanhol, e sei muito bem que, quando eu precisar mesmo e tiver um grande desejo, estarei hablando um espanhol muito melhor que o meu amigo espanhol e, professor de linguás “Pablo” hablas…

Eu sou apenas uma individualização da Fonte de Bem Estar…

- segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Orquestra no Recife Orquestra de ontem Tudo o que existe é o Vácuo Quântico, uma Consciência infinita que é a verdadeira Fonte de Energia e Informação de Bem Estar que cria mundos. Somos todos feixes dessa mesma energia e informação que permeia todo o Universo, indo e vindo simultaneamente a Fonte. A partir do não físico, eu criei a mim mesmo, esse ser físico que sou agora, esse ego. Para ser mais exato, o ego é essa minha identificação com as crenças que eu mesmo criei, primeiro copiando vibrações ainda no útero de minha mãe, depois repetindo muitas e muitas vezes, pensamentos e sentimentos que as pessoas a minha volta me ofereciam; pais, religiosos e professores. Ou até mesmo as pessoas que eu mesmo observava e coloca todo o meu foco sobre ela, seja ao vivo, num livro ou na televisão. Porém, eu ego, sou autoconsciente, tenho direito de escolhas, nasci como todas as outras individualizações, com uma inerente tríade de intenções; liberdade, felicidade e expansão. Isso é o que todo mundo quer, no final de tudo que faz…

Para tudo isso acontecer, para eu realmente ser; livre, feliz e expandir a minha consciência, eu preciso continuar a criar mais, a escolher mais, desejando apenas o que quero, pensando e sentindo o que quero. E nós não somos realmente nada, se não tivermos os desejos que são os invocadores da energia e informação do fluxo de energia de Bem Estar. Precisamos e devemos ter sempre objetos de atenção que, mexam realmente com fortes emoções, essas nossas vibrações, a fim de sentir a plenitude de quem realmente somos, fluindo através de nós, para a continuação do Tudo O Que É. Isso é o que coloca a eternidade em eternidade.

Toda energia e informação de Bem estar, está indo e vindo ao Vácuo Quântico…

- domingo, 20 de outubro de 2013

Vácuo Quântico O Vácuo Quântico já tem todas as informações… Se tudo é uma individualização do Vácuo Quântico; pessoas, animais, vegetais, minerais, planetas, galaxias e Universos. E se todos tem autoconsciência indo e vindo eternamente e ininterruptamente ao Vácuo Quântico, se a Fonte, o Todo, criou infinitas e diferentes individualizações e ainda deixou que as individualizações tivessem muitas escolhas, que expandissem suas consciências através do desejo, do libido existente em todo o Universo que, nasce ao se encontrar com os muitos contrastes, coisas que as outras individualizações estão criando infinitamente, mas que eu não gosto ou simplesmente não quero experimentar. Porque ele o Vácuo Quântico iria querer eu tentando fazer todo mundo ser igual a mim? Todo mundo sendo igual ao Vácuo Quântico. Uno com ele, criando igual a ele?

O único fluxo de energia e informação que existe e de Bem Estar, alguns dizem amor, só que Bem Estar engloba; Alegria, conhecimento, poder, liberdade, amor e apreciação. Tudo mais é apenas resistência ao fluxo de Bem Estar. Então, não existe os negativos, existem os resistentes que ganham energia com o meu foco no que não quero, porque se eu o encarar como apenas um contraste e desejar o oposto, estarei tirando meu foco e assim minha energia estará indo para o que eu quero. É assim que qualquer pessoa ganha poder, foco nele, energia focada em cima dele, a TV faz isso para criar Ídolos, e para fingir que vai destruir alguém. Collor e Lula são provas vivas disso. As TVs sabem muito bem, que um artista sem foco, sem aparecer perde seu statos rapidamente. Os resistentes também, eles tem as mídias justamente para isso, para fazer as pessoas serem contra e assim você mesmo dar mais de sua energia, para o que eles querem que cresça, iludindo você em acreditar que se pode excluir algo. Você só pode incluir mais, nenhuma energia morre, tudo é eterno, tudo está vivo esperando seu foco, sua energia… Tudo cresce com o meu foco e minha energia, a minha poderosa vibração. Então, eu só crio o que quero criar e viver…

Crenças religiosas nos fazem limitar o nosso acesso ao Vácuo Quântico…

- domingo, 20 de outubro de 2013

escolas Como eu mesmo não tenho resquícios religiosos, tenho crenças limitantes sim, mas eu não deixei ninguém criar em mim crenças religiosas, como essas coisas de; dogmas, pecados e Karmas. E mesmo tendo estudado budismo, eu nunca deixei criarem em minha mente, essas crenças limitantes. Hoje eu acredito que todo mundo tem acesso, se desejar, a Fonte de Energia e Informação de Bem Estar, o que a física Quântica chama de Vácuo Quântico. Eu tenho acesso a Fonte de Bem Estar, pela minha meditação, pelo meu reconheciento do meu eu interior que funciona como meu GPS emocional. Pelos livros traduzidos pela Luciene Lima. E recebo respostas por pessoas que acessam a informação da Fonte. limitadas pelas suas crenças limitantes que adiquiriram nessa vida, ou pelas pessoas que buscam as respostas limitadas pelas suas próprias crenças limitantes.

Muita gente vem acessando a mesma Fonte de Energia e Informação de Bem Estar e, falando sobre Lei da Atração como; Esther e Jerry Hicks e o Bashar nos EUA. Que são os que mais me agradam por não serem limitados por crenças religiosas. Os Abraham só ficam limitados pelas crenças de quem os fazem as suas perguntas, assim como o Bashar que são pessoas que acessam por ele, por acreditar em seres extra terrestres. Já a Rhonda Byrne, se acessa é pela sua meditação, ela faz mais como eu faço, eu recebo muitas de minhas respostas pelo que vejo os Abraham falarem, pela Esther Hicks em seus vídeos e livros. Aqui no Brasil, eu ainda tenho o Hélio Couto e Carlos Torres, que acessam direto a Fonte, por eles mesmos, só que eles acessam também uma pequena parte da informação do Vácuo Quântico, aquelas que mais batem com as crenças limitantes de cada um. Como essas coisas de resultados de vidas passadas nas vidas deles hoje. Isso é totalmente limitante e não bate com a física Quântica. Se somos individualizações do Vácuo Quântico, expandindo a Consciência do próprio Vácuo Quântico, para que ter de viver inúmeras vidas para poder expandir a consciência, se já estamos indo e vindo simultaneamente ao Vácuo Quântico?

Nós expandimos tudo com os nossos desejos, e cada coisa que as religiões e suas escolas colocaram como problemas; pensamentos, pessoas, coisas e eventos. Todos são apenas contrastes, coisas que não gostamos ou não queremos experimentar, que se você desejar o oposto dele, imediatamente ira continuar a expandir tudo, com sempre novos desejos.

Todos nós podemos acessar a Fonte de Bem Estar, mas só acessamos com base nas crenças limitantes dessa individualização. Mas, todos nós chamamos a energia da vida, apenas com os nossos desejos, e se deixarmos fluir, estaremos indo e vindo simultaneamente ao Vácuo Quântico, pelo seu fluxo natural e ininterrupto, somos sempre novos, a cada momento, aqui e agora.

Tudo é… Respostas aos meus desejos…

- domingo, 20 de outubro de 2013

Criador magnifico Eu comecei minha juventude praticando deliberadamente apenas uma Lei Universal, a de Causa e Efeito, conheci o budismo ainda garoto, o que mudou muito toda a minha vida, mesmo eu não conhecendo as outras Leis, eu já era totalmente regido pela Lei da Atração, usava intuitivamente de vez em quando a Lei da Criação Deliberada, coisa que a maioria a minha volta não faziam, e usava algumas vezes a Lei da Permissão a meu favor, e algumas vezes contra. Eu era uma hora um criador deliberado, em outras, um mero observador reagente. O que fazia minha vida oscilar em momentos muito bons e momentos terríveis.

Quando comecei a entender mais a Lei da Atração com os Abraham, até mesmo com o Bashar, eu entendi que o que eu vibro, semelhante a essa minha emoção é atraído por mim, foi muito mais fácil entender que, a todo o momento, eu mesmo estou oferecendo um sinal, e todo o Universo responde a essa vibração, sem falta. Que eu tinha um tempinho de 17 segundos para reinverter um sinal, coisa que eu não fazia, eu deixava um mal estar ou um pequeno desconforto sempre ultrapassar esses 17 segundos, e era muito terrível quando eu atingia os 69 segundos. Porque ai as coisas começavam a se manifestar. E quando eu consegui mudar issó de propósito, eu comecei a exercer um controle mais deliberado, sobre o sinal que eu venho oferecendo a cada momento, não importa se é na praia, em casa ou num restaurante, eu estou com meu GPS emocional ligado a todo o momento.

Até então, eu tinha pouco conhecimento sobre física Quântica, mas era um assunto que me atraia muito e quando vi pela primeira vez o filme, “Quem somos nós?” Eu desejei saber mais, e as coisas foram aparecendo, acontecendo, até eu conhecer pela Internet a Ressonância Harmônida do Hélio Couto e suas palestras sobre o mundo quântico. Então, tudo ficou realmente mais fácil e o jogo da vida começou a ser bem mais divertido para mim, porque como agora eu reconheço que, nada acontece fora do meu controle criativo. Eu colapso a função de onda a todo o tempo, eu crio as minhas interferencias construtivas e provoco ondas de probabilidades, e que, tudo é formado por átomos, que tem autoconsciência e desejam.

Então, hoje eu mesmo crio a minha própria realidade. Não existem coisas que acontecem por acaso em minha vida e, nem mesmo as circunstâncias externas interferem. Não há nada que estejá acontecendo nessa minha vida de agora, que seja por causa de algo que eu vibrei há muito tempo atrás ou em uma outra vida passada. Tudo é resultado dos meus desejos de agora. Nunca é sobre como ou onde eu nasci. É apenas sobre o que eu sou, agora, neste exato momento.

Eu sou um poderoso cocriador…

- sábado, 19 de outubro de 2013

Arquétipos Edu Billy Eu tenho amigos que já começaram a também brincar, de mudar a sua própria realidade, como eu faço nos dias nublados ou chuvosos nas praias onde eu vou, eu faço a minha viagem emocional, um espécie de fechamento de lacunas emocionais, de onde estou, um dia chuvoso ao dia maravilhoso que quero estar e, é assim que eu recebo a minha realidade, minutos depois, um dia maravilhoso de Sol, como fiz de novo ontem, sexta feira no Recife. O Alceu, o barraqueiro, já estava indo embora, arrumando as coisas quando eu cheguei do almoço na praia, ele riu porque sabia que agora o Sol ia abrir, e curtimos mais uma tarde maravilhosa de Sol em Boa Viagem.

Então, meu amigo estava me confidenciando que, conhece um outro amigo que também colapsa as coisas que quer, coisinhas de dois milhões de reais num mês, e que ele ficou até meio espantado, em dizer coisas que iam acontecendo durante uma partida de futebol que, ele e outras pessoas assistiam na TV de um bar.

A verdade é que, aquele que está mais alinhado, mais ligado ao fluxo de energia e informação de Bem Estar e, que tem acesso direto ao Vácuo Quântico, que deixa essa energia fluir e segue a sua alegria é, bem mais poderoso do que um milhão de pessoas que não tem acesso e que, são meros expectadores e observadores da vida, mesmo eles sendo, magníficos cocriadores como eu sou. E se apenas dois de nós, estivermos harmoniosamente focados em algo e ainda ligados e alinhados ao fluxo de energia e informação, nos provocamos um esforço cocriativo que, jamais pode ser igualado por qualquer outra coisa em todo o Universo. Os Abraham falam isso repetitivamente…

Napolleon Hill já dizia isso, no seu livro “A Lei do Triunfo” e, ele já falava de uma “Máster Mind”, feito por pessoas comuns, que ainda não sabiam do seu real poder e, já eram poderosos. Agora! Imaginem pessoas que aos poucos vão se acostumando ao poder, de mudar de realidades, de criar o que quer independente de tudo, um Máster Mind de cocriadores incondicionais…

Porém, para isso é preciso primeiro entender o que é o “EGO”. O ego sou eu, esse ser físico, uma simples individualização da Consciência Infinita, do Vácuo Quântico, essa Fonte de energia e informação de Bem Estar. Eu ego, fui criado por identificações de pensamentos, muitas e muitas vezes repetidos em minha mente, como todo professor aprendeu a fazer e ensianr, repetir, repetir e ensinar a repetir. E eu só sou poderoso quando, eu deliberadamenteme me uno e sigo o chamado do meu “eu interior”. Cada desejo que eu mesmo lanço ao Universo, eu o coloco em meu próprio vórtice criativo, onde o meu ser interior, sempre está me chamando, ainda ligado diretamente ao Vácuo Quântico. Agora somos dois em UM… Ai está o poder…

É bom lembrar que nenhuma crença pode ser excuida de minha mente, eu posso apenas não alimentá-la mais… Mas, quando eu não permito a energia e informação fluir por mim, que é eu desejar sempre mais, sem parar, permitindo toda essa expansão, voltar ao Vácuo Quântico, meu ego fica sozinho, e inchado. E ai quem o alimenta são as minhas próprias crenças limitantes que, eu mesmo assumi copiando vibrações, desde quando o meu cérebro foi formado, isso lá pela oitava semana de gravidez da minha mãe. Depois que nasci, eu continuei a copiar vibrações e criar crenças para alimentar o meu ego, depois que passei a falar, passei a verbalizar vibrações e assimilar ainda mais vibrações de outras pessoas, agora por repetições e observações das muitas formulas repetitivas, ainda usadas até hoje pelas muitas religiões e, as suas escolas que, as próprias religiões criaram, justamente para poder introduzir crenças limitantes, totalmente deliberadas nas pessoas, para que elas não percebam e, muito menos concebam, o seu real poder criador.

Eu sou poderoso, os limitados tem medo de mim, eles se sentem mal na minha presença, porque quando o eu ego, me uno com o meu “Ser Interior”, nesse momento eu sou muito poderoso, eu posso; ser. ter e fazer, tudo o que eu quero nessa vida.

A vida é para ser igual para todo mundo?

- sexta-feira, 18 de outubro de 2013

diferente É muito difícil para qualquer um entender o que é, qualquer experiência de uma outra pessoa. Não há pensamentos o suficientes para que eu, realmente possa entender o que uma outra pessoa está vivendo agora. O que ela pensa e sente, só ela mesma pode dizer, eu jamais poderei dizer. O mais engraçado é que as pessoas de nossa sociedade atual, teimam em querer que as coisas sejam sempre as mesmas. Eles querem que as pessoas pensem as mesmas coisas. Vamos mudar o mundo sentindo só o amor. Mas, para isso você tem que pagar primeiro os seus pecados…

Se só existe um fluxo de Bem Estar, de onde vem todo esse mal estar? Dá sua própria resistência ao Bem Estar… Você pode trabalha duro, virar as noites, em prol da mesmice, mas nunca ninguém vai vencer essa batalha. Os Budas tentaram, Cristo tentou, Gandhi e Mandela, tentaram e não conseguiram mudar o mundo porque, o Vácuo Quântico, a Consciência Infinita, primeiro criou a; liberdade, a felicidade e a expansão. E para que tudo continue sempre se expandindo é preciso sempre se desejar mais, e para sempre se desejar mais, ela providenciou os contrastes e, esse mundo físico é repleto de contrastes, justamente para eu mesmo exercer o meu direito de escolha.

E é, a partir desse meu Ser não físico, dessa minha individualização que tem um ego, mas que sempre esteve ligado ao meu “eu interior” e, esse nunca se separou do Vácuo Quântico, e que, adora toda essa diversidade e que, me mostra claramente que todas essas diferenças que, são reconhecidas no próprio Vácuo Quântico, por serem as partes mais benéficas desse grande jogo gostoso que é a vida. Eu vim aqui para me divertir, fazendo inúmeras viagens emocionais de onde eu estou nesse exato momento, que pode ser eu mesmo estar me sentindo mal, ou até já ter colapsado uma doença. por eu mesmo resistir muito ao Bem Estar. Mas, eu preciso sempre ir ao meu próprio vórtice criativo, como os átomos já fazem ao ir e vir eternamente a onda infinita de Bem Estar do Vácuo Quântico. E é para o meu próprio vórtice, onde está a minha maior parte que, esse meu eu interior, sempre me chama e me guia, esse é o meu verdadeiro GPS emocional. Me senti bem, estou sempre no caminho certo.

Eu escolho a minha realidade…

- quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Energia pura Assim como eu não posso mudar uma realidade, eu posso apenas criar mais uma, ou uma que eu goste muito ou até escolher mudar para qualquer outra realidade, existem infinitas realidades paralelas. E eu faço isso mudando apenas a minha vibração. Sendo assim, eu jamais devo encarar uma realidade, se ela não me agrada, como eu só posso criar mais, o meu foco no que não quero, só irá criar mais disso que não quero na minha vida. Então, eu preciso de vez abandonar a logica do meu ego, e usar a logica do meu eu interior e, parar imediatamente de ficar pensando em; como, quando, onde ou porque? E passar a sentir mais minhas emoções e, usar o meu GPS emocional mais deliberadamente.

Tudo está bem no meu mundo agora, e como eu já estou ficando cada vez mais craque, já habituado a mudar minha vibração deliberadamente, haverá um tempo, não muito longe de agora, em que vou olhar para trás, nesta fase de minha vida e, ao invés de condená-lo ou falar mal dele, como eu já fiz no meu passado… Em vez de culpar; alguém, uma coisa ou um evento. Como a maioria faz, uma hora culpando o Lula, outra culpando a economia ou até a conspiração Illuminatis, ou até mesmo me sentindo culpado. Eu vou sentir um apreço muito grande por esse período, porque agora eu posso entender claramente que, um renovado desejo de vida, nasceu deste exato período de tempo que, certamente me levará às alturas físicas que, eu mesmo jamais poderia ter conseguido na vida, sem ter encontrado com mais estes contrastes que deram à luz a mais este desejo.