Eu adoro os vídeos dos Abraham…

29 de outubro de 2013 por
Publicidade

doutora Então, alguém da plateia perguntou: “Existe alguma limitação para a capacidade do corpo em se curar por si só, sozinho?” E os Abraham responderam: “Nenhuma, exceto a sua crença do que você mesmo espera na sua vida.” E a pessoa voltou a perguntar: “Então, por que não crescem novos membros nas pessoas, que perderam um braço ou uma perna?” E os Abraham disseram: “Porque ninguém acredita que elas podem tudo.”

Eu ainda digo mais, muita gente poderia se curar e até fazer outras pessoas desejarem se curar também, mas elas não deixam. A maioria tem “planos de saúde”, se preocupando com as doenças. Então, elas encontram o que esperam da vida. E os planos vivem pipocando ou deixando o cara com a doença que ele mesmo criou na mão, na hora que ele recebeu a doença que plantou por meses e meses de preocupação. A maioria das crianças ficam mais doentes por causa dos pais em se preocuparem demais com elas, porque elas copiam a vibração dos pais, e isso já as fazem neuróticas desde pequenos. A industria farmacêutica adoro isso. Tenho amigos que tem filhos que serão futuros dependentes de tudo, os pais se preocupam tanto que não os deixam livres para nada. Então, as crianças se habituam desde pequenos a serem dependentes de tudo; de grupinhos, de religião, de escola, de trabalho, de remédio, de academia, do cartão de crédito, das dividas e de Gurus para curar tudo isso…