O desejo de obter respostas, as minhas principais perguntas…

9 de abril de 2013 por
Publicidade

Quando li os primeiros livros e até passei a contratar alguém, para traduzir e legendar alguns vídeos da Esther e Jerry Hicks, eu fiquei sorrindo a toa, comigo mesmo, passei alguns momentos em êxtase, porque era tudo falando, de como a minha vida toda tinha sido. Antes, eu era chamado de louco, e eu me sentia muito só com esses meus pensamentos. Eu sempre escrevi as minhas próprias historias, eu jamais aceitei a realidade que; meus pais, meus avós, meus primos, meus amigos, as religiões e até as escolas, viviam dizendo que eu tinha que aceitar, e eles queriam mesmo me enquadrar de toda e qualquer forma. Porque era isso que todos eles viviam…

Então, eu fiquei rindo muito por algum tempo, porque era tudo o que eu venho falando pros meus primos, pros meus amigos que, eles jamais deveriam permitir que alguém ou alguma coisa ditasse suas próprias emoções. E os Abraham dizem a mesma coisa ao mostrar que, ninguém deve deixar que, a sua oferta vibracional, surja unicamente em resposta ao que a vida é, para então, talvez quem sabe, poder mudar o que é, para o jeitinho que as pessoas desejam viver.

E eu sempre procurei de verdade, descobrir um jeito de sentir toda essa empolgação ou a satisfação dos meus sonhos, aqueles ainda não realizados, antes mesmo que esses meus sonhos se transformassem em minha própria realidade. Foi assim com a minha primeira agência de publicidade em Friburgo, a ENC, com a minha agência em Manaus, a Ponto de Vista, com o primeiro jornal de classificados grátis do Brasil, o Classitudo, quando criei o primeiro Supermercado só de Moda Intima do mundo. A campanha que criei para transformar Friburgo no que ela é hoje… A Capital da Moda Intima. E até com a minha atual rede social Vibreleve.com…

Então, mesmo sem saber, sobre as Leis; da Atração, da Criação Deliberada ou até da Permissão, eu sempre descobria um jeito de imaginar isso deliberadamente, criava um cenário imaginário para, a partir dele, emitir a minha própria vibração e fazer com que a Lei da Atração combinasse a minha vibração com a manifestação desse meu desejo, agora na minha vida real.

Hoje eu sei que, quando eu peço por qualquer manifestação de qualquer desejo que nasce em mim, antes mesmo de eu emitir uma vibração equivalente a esse desejo, eu estou pedindo o impossível. Agora! Se eu estiver disposto a emitir a vibração antes mesmo da manifestação, todas as coisas que eu quero, serão realmente possíveis. Isso é Lei.