O que você realmente deseja; mais problemas ou mais soluções?

23 de fevereiro de 2013 por
Publicidade

Eu participo em várias redes sociais, e em várias comunidades e grupos. O que tem de gente que, desperdiça o seu tempo precioso, tentando fazer o que é completamente impossível. Ajudar alguém que na maioria das vezes, nem mesmo quer ajuda. Quer apenas reclamar ou ter alguém para desabafar. Então, alguns ainda tentam fazer a pessoa em questão vibrar o Bem Estar, saindo da sua própria vibração boa, descendo para vibração da outra pessoa. Eles nem se tocam que nesse momento, foi o semelhante negativo quem atraiu outros semelhantes.

Elas nem mesmo percebem que com esse procedimento, nesse exato momento, elas mesmas apenas são caixas de ressonância dos problemas alheios. Tudo por todos serem completamente inseguros, e ainda assim, querer tentar ajudar outras pessoas bem mais inseguras que elas.

Você já percebeu que, quase todo psicólogo que atuam, é meio doido? Se não for muito louco… Eu conheci vários deles, e tenho quase a certeza de que, a maioria só ficou muito doido, por ouvir muitos problemas dos outros.

Do contraste religião, eu apenas aprecio duas coisas, os feriados que elas criaram, e a técnica que eles têm, de não serem caixas de ressonância de problemas alheios. A maioria esmagadora só procura as religiões, quando tem seus graves problemas; Os doentes, os que estão passando seus problemas conjugais, emocionais, financeiros e os que se sentem muito só. Tem também os inseguros e, até os que têm muito medo da morte. Então, os lideres religiosos de todas as crenças, os convocam para as suas reuniões, e não os deixa falar absolutamente nada, nem por um só minuto, os fieis apenas dizem; Amém, gloria ou Hai se forem budistas. Então os lideres não precisam descer a sua vibração.

Os lideres sabem que a própria Bíblia ou os Goshos, os encherá de medo de novo. O próprio mundo está cheio de contrastes, mostrados fartamente pelas mídias; jornais, rádios, TV e agora mais rápido com a Internet. Então, eles mesmos pregam serem problemas a se resolver, sempre fazendo novos adeptos, e assim, os fieis saem a caça de mais gente insegura e logo todos eles voltam para ouvirem uma nova ladainha.

Mas, todos os lideres, têm um bom motivo e, até muito concreto, para querer tentar fazer o impossível que é ajudá-los… Mesmo sabendo que não podem. Os dízimos, as suas contribuições e vendas de produtos, e ainda têm mais… Eles próprios sabem que, para eles mesmos se manterem seguros, é preciso manter a grande massa ainda muito insegura, com o medo de tudo, de viver no pecado, do castigo divino à sua morte.