Pensar sem contradição…

23 de novembro de 2012 por
Publicidade

Pensando sem nenhum tipo de contradição.
BY Rosely Mariah

Não é pensar forte.

É pensar sem contradição.

Não é pensar muitas vezes.

É pensar sem contradição.

Não é pensar “certo”.

É pensar sem contradição.

Não é pensar difícil.

É pensar sem contradição.

Então me surge um desejo…

“Eu desejo férias”.
E ao ouvir-me dizer que quero férias alguém começa a perguntar: Mas vc pode tirá-las?

E eu penso e respondo: eu vou tirar férias maravilhosas.

A pessoa insiste: Mas para onde você vai? Tem dinheiro?

E eu respondo: vou para um lugar delicioso pensar em prazer, prazer, prazer.

E um pensamento passa: Tu enlouqueceu?

Não ligo pra ele e penso em como minhas férias são deliciosas.

É pensar sem contradição.

Poderia pensar uma única vez em como seria delicioso tirar férias e não oferecer mais nenhum pensamento nem a favor nem oposto em seguida para já estar à beira….de férias.

É pensar sem contradição.

É não colocar pensamentos de desânimo, de impossibilidade, de “quanto tempo falta”.

É pensar sem contradição.

Parece tão fácil não colocar pensamentos opostos quando descobrimos que estamos com uma doença….

Por vezes basta um espirro e já dizemos “acho que estou gripado”….e pimba, corremos a favor do fluxo da gripe direto para a farmácia e já nos sentimos mal por antecedência pela tosse, espirros, febre, desânimo que sequer estavam aqui! ERA SÓ UM ESPIRRO……

Não pensamos em seguida: Epa! Pode ser só um espirro! Afinal eu tenho uma excelente saúde! (pensamento contraditório à doença).

Por que não fazer isso a nosso favor?

Quando achar uma moedinha da próxima vez, diga: “acho que estou ficando milionário”…..e não ofereça pensamentos contraditórios.

Tão rindo?

Minha filha achou uma moedinha por três dias seguidos. E me contou isso. Eu lhe disse para agradecer e permitir mais.

Então ela achou uma moeda de 1 real quando saíamos do trabalho. Imediatamente ela disse pro “nada”: orra! Eu quero é de 50!!!!!!! As verdinhas, rindo.

No dia seguinte achou. Dobradinha. Parecia estar esperando por ela, foi a expressão que usou ao contar-me.

É pensar sem contradição.
É pensar sem contradição.
É pensar sem contradição.
É pensar sem contradição.


  • Pingback: Pure Ads Blog

  • Cida Rozário

    Já tem aproximadamente 1 ano e meio que comecei a ler sobre a LDA; assisti O Segredo, depois me aprofundei nas leituras. Abraham Hicks, Napoleon Hill, Joseph Murphy… enfim, nenhum deles explicou com tanta clareza sobre a LDA, sobre a vibração dos pensamentos, das emoções como vc explica. A minha mente se tornou um turbilhão de pensamentos, coisas q tinha lido e não tinha feito muito sentido, agora com suas explicações se tornaram coerentes. Muito obrigada mesmo pela ajuda, que o Universo sempre conspire a seu favor!

  • http://www.leidaatracaoresultadospraticos.blogspot.com Wagner Woelke

    Parabéns!
    Muito lúcido e maduro seu material.

    Wagner Woelke