Nem só a rede Globo, te faz de bobo…

26 de setembro de 2012 por
Publicidade

Olhando pelas telinhas, para o que está acontecendo pelo mundo, os destaques são sempre as guerras, principalmente entre palestinos e judeus. É interessante ver que, na maioria dos confrontos, o caminho para a paz, muitas vezes é a guerra. E realmente eu não concordo que, essa guerra, ou qualquer outra, esteja fazendo as coisas ficarem melhores, mas também não acho que as pessoas estejam completamente erradas, e é até muito fácil para mim entender o pensamento por trás deles. Ambos os lados querem as mesmas coisas; liberdade, felicidade e expansão.

O mundo tem inúmeras escolhas, para se chegar a sua felicidade, a sua total liberdade, e para que todos possam se expandir, mas, para os lideres religiosos, só tem uma só… A deles…

Cada um, da sua maneira, ambos os lados absorveram totalmente pelas suas religiões e é lógico, pelas suas extensões, as suas escolas, a Síndrome do Eficiente Perfeccionista. Para ambos os lados, só o caminho dele é possível, todos os outros estão completamente errados. Todas as religiões tendem a criar em seus membros, essa síndrome do eficiente perfeccionista, para que ela seja o único caminho e que seus adeptos também só tenham um único caminho, nenhuma delas é diferente, até mesmo os budistas, cada um diz ser o seu, o verdadeiro budismo.

E o que eu quero deixar claro aqui é que, a mídia televisiva, as pessoas, quem realmente está por trás das televisões e seus jornalismos de, quanto mais sangue melhor, sabem muito bem que, se você ficar focado nisso, se você der sua total atenção a essa guerra sem fim. Você também já se envolveu nessa historia que, até então não era sua, mas que, com sua total atenção a isso, passou a ser sua historia também, em cada discordância, e de todos os pontos da Consciência. E agora, sua vida só vai ser, mais uma guerra sem fim. Você mesmo trouxe a guerra para sua casa, para sua vida, para o seu dia a dia. E você sem perceber já está travando uma guerra interna para fazer as coisas, com seus filhos, no seu trabalho, no transito, e muitas das vezes até no seu relacionamento.

O que você tem a fazer imediatamente quando isso aparecer na TV é, dizer pra si mesmo; “Isto jamais é sobre mim. Eu jamais quero travar esta guerra. Eu jamais escolhi esta guerra. Eu jamais quero entender esta guerra. Eu jamais vou pensar sobre esta guerra. E eu jamais vou voltar a usá-la como minha desculpa para não me sentir bem, aqui e agora”.

Eu escolho me sentir bem, na maior parte do meu tempo que eu puder, eu só quero ver o que eu quero ver, eu só vou ouvir o que eu quero ouvir, e eu quero ouvir coisas que me faça ainda muito mais feliz, porque nada na minha vida é mais importante que a minha própria felicidade, ser feliz antes de tudo, é tudo… E sua paz voltou a ser instaurada em sua mente e em seu lar…