O desejo de saber como realizar o meu desejo

10 de agosto de 2011 por
Publicidade

Muita gente estuda e se dedica a filosofia do Bem Estar, mas ainda cometem um grande equivoco ao pensar e tentar falar sobre a questão do foco.

A maioria pensa que temos de ficar pensando a todo o momento no desejo em si, que deve ficar repetindo esse desejo, seja no pensamento, na fala ou escrevendo sobre ele.

Tem comunidades que as pessoas copiam e colam o tempo todo, todos os dias, meses a meses o mesmo pedido.

Eu já ouvi um amigo me dizer, cara eu fico ligado a tudo que me lembra o meu desejo, eu quero muito um carro, e eu penso nele várias vezes ao dia, eu procuro por ele em todos os lugares que vou, procuro algo que me lembre ele, e mesmo assim, eu ainda não consegui o meu carro, onde estou errando?

Em primeiro lugar, ninguém precisa ficar pensando num só determinado desejo, muitas das vezes isso até atrapalha, cria resistência em você mesmo deixar fluir sua energia positiva, em segundo lugar isso mostra sua falta de confiança na Lei da Atração.

Tudo o que você já desejou é seu, já está te esperando, ou melhor, está dentro do seu vórtice te chamando, você só tem que se manter no seu Bem Estar.

O maior erro é achar que o seu desejar e realizar esse desejo é apenas; pensar, falar, ou escrever sobre ele. Para que o desejo realmente te chame é preciso se manter no Bem Estar.

Os seus desejos sempre te chamam por um único motivo, para você acompanhar a sua própria expansão, para que você não fique vivendo mais da mesma coisa sempre, ele é o seu estimulo para que você faça a sua própria jornada emocional que pode ser feita por qualquer pessoa, até por uma criança, em apenas 68 segundos, isso é necessário para que você saia da sua emoção de falta do que deseja, bem devagarzinho, procurando pequenos alívios que lhe farão se sentir cada vez melhor até você ser puxado para dentro do seu próprio vórtice.

Quando você fez essa viagem emocional, que seria mais ou menos assim como farei agora. O certo é que, cada um faça a sua do seu jeito, do jeito que te faça se sentir melhor.

Eu quero um carro, porque é muito ruim anda a pé, e agora está até mais fácil, está chegando cada vez mais montadoras no Brasil, os carros vão ficar ainda mais barato, e eu vejo pelos jornais que as prestações estão caindo, tem muita gente nas mesmas condições que a minha que já tem seu próprio carro, eu adoro ver essas manifestações, eu vou com toda a certeza fazer os vários testes drives que eles estão anunciando pela TV.

Eu já me vejo dirigindo e me sentindo muito bem fazendo isso, quero sentir o cheiro de carro novo, quero escolher a cor, adoro curtir o designe arrojado dos carros novos, quero sentir o prazer de ver ele por todos os ângulos, eu ainda não sei se o meu primeiro carro novo vai ser um nacional: Fiat, Chevrolet, Wolksvagem ou Ford, porque agora tem muitas marcas de carros importados com preços bem legais, tem tantas marcas que eu fico doido, é: Subaru, Renaux, Nissan, Acura, Olds, Lexus, Isuzu, Peugeot e a Honda, fora a Toyota, Audi e muitas outras marcas de luxo.

Eu adoro ter essa liberdade de escolha, fico feliz só em poder pensar que isso vai ser meu, eu escolhi, eu gostei, eu dirigi e eu comprei, adoro isso e quero mais.

Isso é tudo o que você precisa fazer com cada desejo seu.
Depois disso é só manter sua emoção de Bem Estar.

Como fazer isso? É muito simples, basta generalizar as coisas e curtir a vida apreciando tudo o que gostar de ver, ouvir e sentir.

Se alguém, qualquer um, seja quem for, pode ser a mulher da sua vida, seu filho ou sua mãe, se alguém
tentar te fazer focar no que não te mantém feliz, apenas diga; “Hoje o dia está lindo”, se ela continuar insistindo, continue também generalizando seu pensamento, “eu adoro bolo de batata doce”, muita gente vai te chamar de imbecil, de aloprado e alienado, e de tudo mais na tentativa de que você saia do seu Bem Estar.

E se você não sair do Bem Estar, eles é que vão ficar abestalhados de ver toda a sua vida mudar e todos os seus desejos a se realizar.