Seu desejo é uma ordem, afinal, você só tem aquilo que deseja muito…

29 de maio de 2011 por
Publicidade

Mais eu nunca desejei ser pobre! Eu desejei a minha vida toda ser prospero, e já se passaram anos e anos e eu ainda não tenho o que desejo, como se pode explicar isso?

Todo desejo é na realidade, dois assuntos; o seu desejo que nasce de um contraste, e a falta desse mesmo desejo que você apenas pode perceber ao encontrar esse mesmo contraste, esse pequeno desconforto de ainda não ter o desejo.

 E como qualquer desejo por si só, já existe, nenhum desejo que já foi criado jamais poderá ser excluído nesse mundo de completa inclusão, você o criou pensando e sentindo e ele já é todo seu, só que ele só se materializará ao você se concentrar no Bem Estar que esse próprio desejo já trás no momento de seu nascimento, porque ele só faz aumentar o próprio fluxo do seu bem estar, e se você acompanha o fluxo, você é o próprio Bem Estar em pessoa, capaz de atrair a energia que cria mundos.

Agora vem a parte mais importante da arte de realizar desejos, quem faz todo esse trabalho de atrair todos os recursos para que o seu desejo se materialize; mais pensamentos semelhantes, pessoas, coisas e eventos, é a poderosa Lei da Atração, só que ela te dá sempre o que você vibra, e não o que se fala, vibração é sentimento, é a sua emoção, e se você já tem a prosperidade que desejou, porque naquele exato momento ficou feliz em desejar, e olha que se você encontrou em muitas situações em que esteve sem dinheiro, você com certeza já desejou muito dinheiro, e então você tem uma verdadeira fortuna, e se agora você não acompanha o seu próprio fluxo do Bem Estar que já ganhou mais volume e mais velocidade com cada novo desejo seu, você deixa de sentir o Bem Estar, o que te ilude em acreditar que existi o fluxo do mal estar, afinal o que você está realmente sentindo é a ausência do seu Bem Estar.

Se só existe um fluxo, o do Bem Estar, como faço para me manter no fluxo?

Bem, o negócio é não ficar o tempo todo no Bem Estar, porque se isso fosse possível, não haveria mais desejos, o desejo sempre nasce quando encontramos um contraste, e o contraste nos tira do Bem Estar, meu trabalho é curtir voltar para o fluxo.

Não seria bom se você se lembrasse de que tudo nasce de um único desejo, assim como você mesmo nasceu de um desejo, e se você desse todos os dias a sua intenção de desejar se sentir bem, se a cada amanhecer antes de se levantar você desejasse verdadeiramente apenas o seu Bem Estar, se só focasse no seu Bem Estar, se você sorrisse e deixasse pra lá quem quer que te chame de egoísta todas as vezes que você coloca o seu sentir-se bem em primeiro lugar, procurando sempre apreciar mais o que é belo em tudo, ficando na expectativa de encontrar em tudo o Bem Estar, você criaria seu vórtice e realizaria todos os seu desejos.

Agora! Aprendendo que ao observar o que não te trás o Bem Estar, aquilo que te provoca apenas um pequenino desconforto, isso que você insiste em chamar de mal estar, se você passasse a usar isso apenas como um exemplo de contraste, e que se lembrasse de se fixar na alegria que nasce desse desejo que se inicia desse encontro mágico, desse momento muito poderoso, de onde sempre nasceram todas as idéias novas, afinal tudo que você tem hoje como sua realidade, da sua paste de dente ao seu Iphone 4, nasceu de um novo desejo no encontro um pequeno, um minúsculo desconforto de alguém, em algum lugar desse mundo, você voltaria novamente a viver acompanhando o fluxo do Bem Estar.